Jogos de ação

NOTA tt
6.5

Review Five Nights at Freddy’s

Será que você será capaz de sobreviver por cinco noites nesse lugar macabro? Confira a analise do TechTudo sobre esse assustador jogo independente.

Paulo Vasconcellos
por
em

Five Nights at Freddy’s é um jogo de gênero Point & Click criado pelo desenvolvedor independente Scott Cawthon, e lançado para Windows. No game, o jogador assume o controle de um guarda noturno em de um estabelecimento chamado Freedy Fazbear’s Pizza, onde deverá passar cinco longas noites a sós com os bonecos animatrônicos do local. Confira nossa análise desse jogo que garantirá bons sustos e saltos da cadeira:

P.T.: conheça a história por trás do misterioso terror de Hideo Kojima

Five Nights at Freddy's 1 (Foto: Divulgação)Five Nights at Freddy's  (Foto: Divulgação)


História

A história do jogo se passa em torno de Mike Schmidt, um guarda noturno que após ler um anúncio no jornal, foi recém-contratado para fazer a vigia do Freedy Fazbear’s Pizza, um estabelecimento onde crianças e adultos vão se divertir com o show de bonecos animatrônicos.

Mike terá de fazer a vigia das 12:00 AM às 06:00 durante cinco dias, tendo como companhia apenas os bizarros bonecos e um tablet onde analisará as câmeras de segurança do local. Acontece que, no Freedy’s algumas coisas estranhas ocorrem a noite. É possível avistar os bonecos mudando de posição a cada nova visualização nas câmeras de segurança, e a única coisa que se sabe é que eles não devem chegar onde você está.

Five Nights at Freddys: jogador toma o papel de um guarda noturno (Foto: Divulgação)Five Nights at Freddy's: jogador toma o papel de um guarda noturno (Foto: Divulgação)

Além dos bonecos, Mike receberá no início de cada noite uma ligação de um dos antigos guardas do local, que lhe dirá rapidamente como acionar as portas de segurança e a luz elétrica, e “ficar atento aos bonecos. Não que eles vão fazer alguma coisa.”, diz o antigo guarda.

Gráficos bons? Para quê?

Assim como outros jogos independente como Slender e Where Am I?, Five Nights at Freedy’s sofre com a deficiência de uma engine poderosa para abrigar gráficos mais realistas. Contudo, assim como nos exemplos anteriores, o jogo supre essa necessidade oferecendo um grande desafio e entregando a proposta dele: ser um jogo de terror que tem potencial para o sucesso.

Embora possua gráficos fracos, Five Nights at Freddys é capaz de dar grandes sustos (Foto: Divulgação)Embora possua gráficos fracos, Five Nights at Freddy's é capaz de dar grandes sustos (Foto: Divulgação)

O desenvolvedor Scott Cawthon optou pelo uso da engine Clickteam Fusion 2.5 – engine já conhecida e favoritada por vários desenvolvedores Indies -, e embora tenha permitido uma criação rápida e fácil do jogo, ela conta com problemas que podem ser encontrados no título. O primeiro deles é a falta de animação dos personagens.

Enquanto se olha pela câmera, a única coisa que se mexe é a própria câmera, que de um lado ao outro mostra o cenário. Os personagens sempre estão em posições estáticas, mesmo quando mudam de lugar, o que justifica a falta de animações nessa parte, afinal, ninguém quer ver um boneco se mexendo sozinho por aí. No momento do Game Over há animações dos bonecos aparecendo na tela, mas são pouquíssimas exceções.

Como se joga?

Por ser um jogo do gênero Point & Click, Five Nights at Freedy’s se torna um jogo com pouquíssimos comandos, onde o jogador se reservará a utilizar apenas o mouse para interagir com o game. Com o movimentar do cursor, ele moverá a visão do personagem para a direita e esquerda, enquanto com o botão esquerdo irá alternar entre as câmeras, ativar as luzes e as portas de segurança.

Five Nights at Freddys: jogo não possui tutorial ou dicas para os jogadores (Foto: Divulgação)Five Nights at Freddy's: jogo não possui tutorial ou dicas para os jogadores (Foto: Divulgação)

Para um jogador desavisado, que desconhece a premissa do jogo, Five Nights at Freedy’s se tornará não só difícil de concluir quanto de entender a mecânica. O jogo não conta com uma cutscene inicial ou uma narrativa da história em que se passa o game, transportando o jogador já para a sala do guarda e recebendo uma ligação.

O jogo não conta com um modo tutorial, ou com dicas para evitar os bonecos – o que pode ser uma vantagem para jogadores que necessitam de maiores desafios -, além da voz do ex-guarda que deixa mensagens de voz para você, que comenta muito rapidamente sobre os recursos do jogo, como as câmeras, luzes e portas. E é necessário o jogador entender a língua inglesa, pois o jogo não conta nem mesmo com legendas.


Que barulho foi esse?


É uma dificuldade para qualquer desenvolvedor independente com um baixo orçamento conseguir trilhas sonoras profundas e que prendam o jogador na trama, todavia, é possível ver um bom trabalho em Freddy’s. Embora não conte com trilhas sonoras durante as fases (noites) do jogo, os efeitos sonoros são capazes de deixar o jogador apreensivo e aterrorizado ao mesmo tempo.

Por exemplo, uma das câmeras do estabelecimento localizadas na cozinha permite somente ouvir o ambiente, não visualizá-lo, onde em dados momentos é possível ouvir o som de passos, louças quebrando e até respirações ofegantes.

Five Nights at Freddys: jogo possui um bom desafio e sustos (Foto: Divulgação)Five Nights at Freddy's: jogo possui um bom desafio e sustos (Foto: Divulgação)

Outro momento em que os efeitos são bem empregados é quando há uma movimentação especifica de um boneco, como por exemplo quando ele some e quando ele surge ao acender a luz da guarita. O jogo possui apenas a dublagem do guarda e não tem nem mesmo legendas, interfaces ou qualquer outro recurso em português brasileiro.

Dá pra assustar os amigos

O jogo possui elementos de terror que garantirão bons sustos a você e seus amigos. Infelizmente o jogo só oferece suporte a um jogador e possui uma campanha curtíssima. Ao atingir a quinta noite, o jogador desbloqueará um recurso chamado Custom Night, onde poderá customizar sua noite com a dificuldade que desejar.

O desafio oferecido pelo jogo também é bem equilibrado. A medida em que as fases vão avançando, os bonecos terão maior atividade e farão com que o jogador entre em um estado apreensivo nunca visto.

Five Nights at Freddy's (Foto: Divulgação)Five Nights at Freddy's (Foto: Divulgação)

A cada alternada de câmera, a cada acender de lâmpadas, o medo de levar um belo susto estará presente. Além dos bonecos que possuem vontade própria, o jogador deverá se preocupar com a bateria do seu tablet, que aumenta o consumo ao acender as luzes, ativar as portas de segurança e olhar no próprio tablet, e que reduz mais rapidamente a medida que se mantém ativos.

Conclusão

Five Nights at Freedy’s é capaz de causar sustos e arrepios nos jogadores, mesmo possuindo gráficos fracos e som mediano. Assim como jogos do mesmo gênero, o título tem tudo para ser um viral, onde um amigo apresentará para o outro e se divertirá com os sustos e tensões causados pelas partidas. Não obstante, o jogador deverá ter consciência também que o jogo não oferece muito mais que sua campanha principal, onde Conquistas, Cartas Colecionáveis ou qualquer outra forma de mantê-lo no jogo é inexistente.


Qual é o melhor game de terror da história?
 Comente no Fórum do TechTudo!


Nota TechTudo

NOTA tt
6.5
Gráficos
5
Jogabilidade
6
Diversão
8
Som
7

Prós

  • - Barato
  • - Boas doses de susto e Suspense
  • - Levíssimo
  • - Desafiador

Contras

  • - Falta de suporte a PT-BR
  • - Ausência de Tutoriais
  • - Campanha muito curta
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares