Celular

NOTA tt
8.0

Review Galaxy A8 (2018)

Celular da Samsung tem câmera frontal dupla e ficha técnica intermediária. Confira o review completo do Galaxy A8 (2018) e Galaxy A8 Plus (2018).

Bruno De Blasi
por
em

O Galaxy A8 (2018) e o Galaxy A8 Plus (2018) trazem um grande diferencial: além da câmera frontal dupla, eles se parecem bastante com o Galaxy S8 e Galaxy S9, com telas de bordas finas, mas sem as curvas características dos produtos mais caros. Lançamentos de dezembro de 2017, os celulares intermediários apresentam ficha técnica mediana e bom desempenho, com preços a partir de R$ 2 mil. É possível encontrá-los nas opções preto, ametista e dourado.

O TechTudo analisou os smartphones da Samsung por um mês e meio. Os detalhes desse review você acompanha nas linhas a seguir.

Galaxy A8 [marca] (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)Galaxy A8 tem tela de 5,8 polegadas com bordas finas (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)





O que mudou do Galaxy A7 (2017) para o Galaxy A8 (2018): veja os detalhes

Desempenho: velocidade e boa autonomia

Tanto o Galaxy A8 quanto o Galaxy A8 Plus têm praticamente as mesmas especificações, com diferenças apenas no tamanho do display e na bateria. Dessa forma, os dois contam com memória RAM de 4 GB e processador de 8 núcleos e até 2,2 GHz.

Ambos apresentam excelente desempenho, sem travamento algum. Foram utilizados aplicativos de mensagens (WhatsApp, Telegram e Facebook Messenger), redes sociais (Twitter, Facebook, Instagram) e produtividade (Gmail, Evernote e Trello) para aferir este resultado.

Há espaço para guardar muitas fotos, vídeos e músicas sem se preocupar. O armazenamento é de 64 GB para os dois, com 51,6 GB disponíveis para uso. O celular também possui entrada para cartão de memória microSD, caso o consumidor precise salvar mais arquivos.

Bateria: um dia inteiro fora da tomada

Os mesmos elogios podem ser feitos à bateria. Até existem diferenças de capacidade entre os dois modelos – são 3.000 mAh no Galaxy A8 e 3.500 mAh no Plus –, mas a autonomia é a mesma.

Retirando o celular da tomada às 6h, ambos chegaram às 22h com 10% de bateria sobrando. O teste foi conduzido com uso intenso de redes sociais, câmera por 20 minutos e streaming de música e vídeo por uma hora e meia. Com uso moderado, os smartphones facilmente passaram dois dias fora da tomada.

Além disso, a recarga é rápida: leva uma hora para chegar aos 100%. Acessórios de outras fabricantes, como o TurboPower, da Motorola, são compatíveis. 

Galaxy A8 [marca] (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)Galaxy A8 tem entrada para fone de ouvido e USB-C (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)

Câmera dupla... na frente

A proposta é diferente no Galaxy A8 e Galaxy A8 Plus: a câmera frontal é dupla. São dois sensores de 16 e 8 megapixels, com abertura focal de f/1.9, capazes de realizar o famoso efeito bokeh, popularizado pelo iPhone 7 Plus como Modo Retrato. A qualidade é boa, e, assim como no Galaxy Note 8, é possível ajustar a intensidade do Foco Dinâmico – como é chamado nos smartphones da Samsung.

Modo Retrato - Galaxy A8 (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)Galaxy A8: câmera dupla permite tirar fotos com efeito bokeh (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)

Outro ponto positivo é a possibilidade de alternar entre as câmeras frontais. Dessa forma, as selfies podem ser produzidas com lente de ângulo mais fechado, para destacar as pessoas, ou aberto, para enquadrar o fundo sem precisar esticar o braço.

Câmera frontal - Galaxy A8 (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)Galaxy A8: câmeras frontais de 16 MP (esq.) e de 8 MP (dir.) entregam fotos com boa qualidade (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)


No entanto, existe uma lentidão incômoda ao fazer selfies em ambientes mais escuros. Outro ponto negativo é a ausência do flash LED na parte frontal. Presente em smartphones mais simples, como o Galaxy J5 Pro e o Moto E5 Plus, o recurso é essencial para fotos em lugares onde a iluminação é escassa.

Do outro lado, a câmera traseira segue o mesmo padrão de qualidade: são 16 megapixels capazes de realizar ótimos resultados. Não há Modo Retrato, embora a abertura de f/1.7 permita brincar bastante com a profundidade de campo.

Câmera traseira Galaxy A8 (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)Câmera traseira do Galaxy A8 produz boas fotos (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)


À noite, os resultados variam entre bom e razoável. O celular aproveita bastante a iluminação ambiente, o que reduz a necessidade do flash. Porém, retornando aos problemas: o Galaxy A8 precisa estar completamente parado, caso contrário, a foto pode facilmente sair tremida em lugares escuros.

Câmera traseira Galaxy A8 (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)Câmera traseira do Galaxy A8 tem resultados positivos no escuro (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)


Design e tela: parece um celular premium

O visual dos smartphones premium da Samsung, enfim, está aparecendo em modelos mais simples. O Galaxy A8 tem jeitão de Galaxy S8 e Galaxy Note 8, com tela de bordas finas em formato 18,5:9, mas sem as bordas curvas. O leitor de impressões digitais é idêntico ao do Galaxy S9, posicionado abaixo da câmera traseira.

O celular tem boa pegada e não é escorregadio. Além disso, o acabamento é bem feito, quase todo de vidro com metal nas bordas. No entanto, foi preciso apenas de uma queda para arranhar a lateral bem de leve. 

O tamanho da tela é diferente: 5,6 polegadas no Galaxy A8 e 6 polegadas no Galaxy A8 Plus. Ambos os celulares têm boa definição e cores vivas, com resolução Full HD+ (2220 x 1080 pixels) e tecnologia Super AMOLED. Além disso, os botões de navegação são virtuais, diferentemente do Galaxy A7 (2017).

Galaxy A8 [marca] (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)Galaxy A8: leitor de impressões digitais lembra Galaxy S9 (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)


Android N com tecnologias exclusivas da Samsung

Assim como demais smartphones da marca, há modificações da fabricante no Android, o que já rendeu inúmeras críticas no passado. Mas a personalização da Samsung, hoje em dia, traz recursos interessantes – e, até mesmo, exclusivos – sem prejudicar o desempenho.

Conhecida como Samsung Experience, a interface conta com o Dual Messenger, que permite configurar mais de uma conta do WhatsApp, Telegram, Facebook Messenger, entre outros, no mesmo celular. O recurso funcionou sem problemas e é importante para quem utiliza duas linhas de telefone.

A carteira virtual Samsung Pay, que realiza pagamentos com o celular, e a Pasta Segura, uma alternativa para proteger seus arquivos pessoais e profissionais com criptografia e mais segurança, também marcaram presença. O Samsung Pass é outra ferramenta que está disponível no Galaxy A8 e que permite realizar logins em sites/apps com o leitor de impressões digitais.

Galaxy A8 [marca] (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)Galaxy A8: celular é comercializado com Android N (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)


A Samsung também oferece ferramentas de manutenção, capazes de resolver possíveis problemas de lentidão, armazenamento cheio e contaminação por vírus, entre outros. Outro recurso interessante é o Game Launcher, que organiza os jogos e promete melhor experiência durante as partidas.

No entanto, o celular ainda é comercializado com Android N (7.1.1) e não há previsão de atualização para Android O. A expectativa é de que ela chegue em breve.

Recursos e acessórios

Não há muitos recursos além do que já foi apresentado. Resta o leitor de impressões digitais, que fica posicionado na parte de trás e raramente apresenta erros durante o uso.

Também se aproximando de celulares premium, o celular tem desbloqueio facial. Além de não ser muito preciso, o recurso foi um grande vilão para a bateria. É melhor deixá-lo desligado.

A caixa traz uma capinha, bastante útil e confortável, que protege a parte de trás e as laterais. De resto, o de sempre: carregador, cabo USB-C, fone de ouvido – com som bastante agudo –, documentação e uma ferramenta para remover chips e cartão de memória.

Galaxy A8 [marca] (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)Galaxy A8 vem com uma capinha na caixa (Foto: Bruno De Blasi/TechTudo)


Vale a pena comprar o Galaxy A8 (2018)?

O Galaxy A8 surpreendeu, com poucas ressalvas a serem feitas. O smartphone é indicado para quem gosta de tirar selfies e fotos com qualidade, sem abrir mão de bom desempenho e de gastar mais de R$ 3 mil, como acontece com os lançamentos mais recentes.

Além disso, as características premium se destacam bastante. O acabamento em vidro com as bordas de metal são bem interessantes, mesmo com a facilidade de arranhar a lateral. A capinha que acompanha o smartphone é uma boa sacada da Samsung, sem gerar custo adicional ao consumidor.

Mesmo assim, não é um investimento barato. O Galaxy A8 foi lançado por R$ 2.399 e é encontrado, hoje, por R$ 2.099 na loja oficial da marca. O mesmo pode ser dito do Galaxy A8 Plus, anunciado por R$ 2.699 e vendido atualmente por R$ 2.399.

Ficha técnica do Galaxy A8 (2018)

Tamanho da tela:  5,6 polegadas
Resolução da tela: Full HD+ (2220 x 1080 pixels)
Painel da tela: Super AMOLED
Formato: 18,5:9
Câmera principal: 16 megapixels (f/1.7)
Câmera frontal (selfie): dupla, 16 MP (f/1.9) e 8 MP (f/1.9)
Sistema: Android N
Processador: Octa-core, 2,2 GhZ
Memória RAM: 4 GB
Armazenamento (memória interna): 64 GB
Cartão de memória: microSD, de até 400 GB
Capacidade da bateria: 3.000 mAh
Dual SIM: sim (comercialmente conhecido como Duos)
Peso: 172 g
Cores: preto, ametista e dourado
Início das vendas no Brasil: fevereiro de 2018
Preço de lançamento: R$ 2.399
Preço atual: R$ 2.099

Ficha técnica do Samsung Galaxy A8 Plus (2018)

Tamanho da tela: 6 polegadas
Resolução da tela: Full HD+ (2220 x 1080 pixels)
Painel da tela: Super AMOLED
Formato: 18,5:9
Câmera principal: 16 megapixels (f/1.7)
Câmera frontal (selfie): dupla, 16 MP (f/1.9) e 8 MP (f/1.9)
Sistema: Android N
Processador: Octa-core, 2,2 GhZ
Memória RAM: 4 GB
Armazenamento (memória interna): 64 GB
Cartão de memória: microSD, de até 400 GB
Capacidade da bateria: 3.500 mAh
Dual SIM: sim (comercialmente conhecido como Duos)
Peso: 191 g
Cores: preto, ametista e dourado
Início das vendas no Brasil: fevereiro de 2018
Preço de lançamento: R$ 2.699
Preço atual: R$ 2.399

Qual o melhor celular intermediário? Opine no Fórum do TechTudo.

 

Nota TechTudo

NOTA tt
8.0
Design
8
Desempenho
9
Tela
9
Câmera
8
Custo-benefí­cio
6

Prós

  • Câmeras de boa qualidade
  • Desempenho eficiente
  • Bateria com autonomia de um dia ou mais

Contras

  • Lateral arranha fácil
  • Não há flash LED na câmera frontal
  • Preço alto
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares