NOTA tt
9.0

Review iPhone 6

Testamos o top de linha da Apple e as notícias são boas. Ele ganhou uma tela maior, novos recursos e se mantém no pódio de melhores smartphones do mercado. Mas será que vale a pena investir R$ 3.199 no aparelho? Descubra no review do TechTudo.

Anna Kellen Bull
por
em

O iPhone 6 marca uma nova fase na linha de smarts da Apple. Com a pressão dos concorrentes em ter uma tela maior, a empresa se rendeu e fez um celular com display de 4,7 polegadas. Mesmo sendo grande, a sua usabilidade não foi prejudicada. O top de linha consegue manter a simplicidade e qualidade já conhecida em gadgets da companhia. Mas será que suas qualidades justificam o preço de R$ 3.199? Confira tudo sobre o iPhone 6 no review do TechTudo.


Testamos dois modelos do iPhone 6: um de 16 GB de armazenamento interno, na cor cinza espacial, e outro dourado, de 128 GB. 

Design

O maior diferencial do iPhone 6 com certeza está no design. Ele cresceu em relação ao seu antecessor: o 6 tem tela de 4,7 polegadas, contra 4 do iPhone 5S. O novo top da Apple faz o seu irmão mais velho parecer bem pequeno. Lado a lado, há mais diferenças além do tamanho: bordas arredondadas, botão liga/desliga em nova posição, câmera em alto relevo e mais detalhes que veremos adiante.

iPhone 6, novo top de linha da Apple (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)iPhone 6, novo top de linha da Apple (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)



Apesar de ter aumentado de tamanho, o dispositivo conseguiu se manter bem leve e confortável. Não há dificuldade em manuseá-lo com apenas uma mão: o polegar alcança os dois lados extremos da tela sem problemas. A Apple acertou em cheio ao aumentá-lo na medida ideal para isso. Além disso, a empresa ainda adicionou um recurso que desce as informações da tela até a metade do espaço, o que facilita ainda mais o uso com apenas uma mão. Para ativar a função, basta dar dois toques leves no botão Home.

Botão home do iPhone 6 com Touch ID (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Botão home do iPhone 6 com Touch ID (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)



Parece que todo o design foi pensado nos mínimos detalhes. Até o botão liga/desliga foi realocado para a lateral do aparelho para deixar o seu uso ainda mais cômodo . As teclas de ajuste de volume acompanharam o tamanho do aparelho e também cresceram, ficando semelhantes às do iPad mini, e a tarefa de achá-las está mais fácil. Mas, ao contrário do tamanho, um fator que pode dificultar o uso é a traseira reta e lisa. O celular escorrega facilmente das mãos, sendo necessário o uso de capinhas protetoras. Afinal, você não vai querer que seu smartphone de R$ 3.199 espatife no chão.

Botão de liga e desliga do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Botão de liga e desliga do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)



Com 129 g, ele é realmente levíssimo. Mesmo com o aumento da tela, a Apple conseguiu manter o peso, graças à espessura do gadget. O dispositivo é apenas 17 g mais pesado que seu antecessor e mede 38,1 x 67 x 6,9 mm, o que o torna o iPhone mais fino já produzido na história. O tamanho (grande na medida certa) e o peso leve tornam simples tarefa de carregar o celular, seja na bolsa ou no bolso. 

Botão de volume do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Botão de volume do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)



Falando nisso, é impossível não citar a polêmica que envolve o "iPhone dobrável". É fato que a espessura e o material no qual ele é feito (alumínio) podem, sim, resultar na deformação da carcaça. No entanto, esse não é um problema novo, pois há vários relatos parecidos com aparelhos de outras marcas feitos com o mesmo material. Passamos algumas semanas com o celular e podemos dizer que esse não é um defeito recorrente.

Em questão de qualidade, é inegável o bom acabamento e o uso de bons materiais para revestir o dispositivo. Sete gerações depois, o iPhone 6 traz o design mais arredondado da família. A estrutura da traseira se adapta perfeitamente ao vidro com formato "curvo" das laterais da tela. Porém, há aspectos da parte de trás que tem dado o que falar entre os usuários. 

Traseira do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Traseira do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)



Em primeiro lugar, a câmera: ela possui um design um tanto quanto curioso para o "padrão Apple", com uma estrutura que fica projetada "para fora" do corpo. A lente acaba ficando exposta a quedas e arranhões, pois é a parte mais alta da traseira do aparelho. Ao colocar o dispositivo sobre uma superfície lisa, ele não fica equilibrado e ainda acumula sujeiras ao redor da lente frequentemente. O segundo aspecto polêmico são as linhas das antenas na parte de trás do celular, que destoam do visual do aparelho.

Detalhe da câmera traseira do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Detalhe da câmera traseira do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)



No mais, o botão home não sofreu alterações e mantém o recurso de Touch ID, já presente no iPhone 5S. As entradas de fone de ouvido e do carregador, além dos alto-falantes, também continuam no inferior do gadget.

Entrada do carregador e do fone de ouvido do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Entrada do carregador e do fone de ouvido do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)


Desempenho

O iPhone cresceu no tamanho e o seu hardware acompanhou. Falando em números, podemos dizer que ele tem especificações inferiores a de outros gigantes, mas isso não se reflete na performance. Os gadgets e o software da Apple são feitos sob medida pela empresa e, apesar de terem algumas configurações mais "econômicas", o desempenho do smartphone não é afetado.

Testamos o aparelho em diversas situações, de uso mais moderado até o mais intenso. Aplicativos e games pesados, como o Asphalt 8, rodam sem qualquer engasgo. Abrimos dezenas de apps ao mesmo tempo, fechamos e iniciamos de novo: ele tirou tudo de letra e não deixa a desejar em nada se compararmos com outros tops, como o Galaxy S5 e o LG G3.

Bem, nenhuma novidade até aqui. Afinal, o top anterior, iPhone 5S, ainda traz um rendimento de respeito. Mas, então, o que mudou no interior do 6? Agora, ele traz o poderoso chip A8 produzido pela Apple, contra o A7 do seu antecessor. Segundo a empresa de Tim Cook, o novo chip garante um desempenho de CPU até 50x mais rápido e GPU até 84x mais veloz em relação aos mais antigos.

Já o processador é um Apple A8 dual-core de 1,4 GHz. Assim como seu antecessor, ele também é baseado na arquitetura 64 bits. Quanto a GPU, o aparelho é equipado com uma potente quad-core PowerVR GX6450. O dispositivo possui 1 GB de memória RAM que, apesar de parecer modesto, é o suficiente para realizar atividades quase instantâneas dentro do sistema.

iPhone 6 é realmente melhor do que iphone 5s? Veja no Fórum do TechTudo. 

O calcanhar de Aquiles dos iPhones ainda é a bateria. Não é novidade para ninguém que a carga dos gadgets da Apple não é potente e acaba deixando o usuário na mão durante o dia. Nesse aspecto, não houve grandes avanços: o iPhone 5S tem 1.560 mAh e o 6 traz 1.810 mAh. Na prática, a duração da bateria não agradou, pois não sentimos uma melhora significativa em relação ao antecessor.

A bateria não aguenta um dia inteiro com o uso intenso e, com isso, o carregador continua sendo seu companheiro inseparável. Nesse aspecto, há outros tops que garantem melhor usabilidade, como o novíssimo Moto Maxx, que possui 3.900 mAh e promete até 40 horas de duração com uso moderado.

Não podemos encerrar o tópico sem falar sobre o que faz tudo isso rodar: o iOS 8. Problemas de lançamento à parte, parece que a Apple corrigiu os bugs iniciais e apresentou um sistema sólido, com novidades pensadas especialmente para o iPhone 6 e 6 Plus. O iOS é um sistema intuitivo, daqueles que até as pessoas não tão ligadas em tecnologia assim mexem com facilidade.

Comparação de tamanho entre iPhone 6 iPhone 6 Plus (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Comparação de tamanho entre iPhone 6 iPhone 6 Plus (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)


A versão 8 trouxe inovações internas interessantes, mas o visual estreado no iOS 7 não mudou. Entre os novos recursos, há a possibilidade de desenvolvedores criarem apps mais integrados ao sistema. Com isso, os aplicativos de terceiros podem utilizar o sensor de digitais para funções que antes só estavam disponíveis para serviços nativos.

Uma segunda permissão é a disponibilidade de instalar outros teclados. Antes, a Apple não permitia o uso de outros layouts. No novo sistema, é possível instalar aplicativos de teclados já famosos para os usuários de Android, como o SwiftKey. Além disso, uma nova opção é receber widgets personalizados, como calendário e lembrete na tela de notificações.

Outros aplicativos e funções adicionadas foram: o Dicas, que oferece orientações sobre como mexer no sistema; e o Saúde, app que monitora exercícios e fichas médicas. Por último, mas não menos importante, o Handoff também está presente no iOS 8 e no iPhone 6. O recurso é muitíssimo bem-vindo se você tem outros aparelhos da empresa da maçã, além do iPhone. Com ele, é possível iniciar uma tarefa no celular, como editar fotos, e continuar no MacBook, por exemplo. Isso é possível porque a sincronização entre os dispositivos por meio do iCloud Drive é em tempo real.

Um novo sensor adicionado ao celular é o barômetro, que é capaz de medir a pressão atmosférica para indicar a sua altitude relativa. Ele pode determinar a altitude enquanto você se movimenta, seja subindo degraus ou uma montanha. O responsável por gerenciar o barômetro e outros sensores do aparelho é o coprocessador de movimentos M8.

O iPhone 6 traz ainda o Apple Pay, um recurso de pagamento eletrônico da Apple. Ele opera via NFC e usa o Passbook para guardar as informações de cartões de crédito ou débito. Assim, você pode usar o celular para pagar contas em restaurantes e lojas, por exemplo. Não tivemos a oportunidade de testá-lo porque, por enquanto, ele não está disponível no Brasil. 

Tela

Chegamos a outro ponto alto deste review. Há muito tempo a Apple resistia para não crescer o display, como a tendência seguida pelos concorrentes. Finalmente, a empresa cedeu - para a nossa felicidade. A telona de Retina HD com tecnologia IPS LCD de 4,7 polegadas do modelo mais novo é consideravelmente maior que do 5S, que tinha 4 polegadas.

A resolução é de 750 x 1334 pixels, o equivale a uma definição de 326 ppi (quantidade de pixels por polegada). Mesmo sendo inferior a de outros tops, como o LG G3 e do Moto Maxx, é inegável a qualidade das imagens reproduzidas na tela.

A olho nu, é uma tarefa quase impossível ver os pixels que a compõem, uma qualidade essencial para quem procura uma boa tela em celulares. Também não dá para colocar defeitos nas cores, contraste e nitidez: tudo é reproduzido com a maior fidelidade possível. O display do smartphone também proporciona ângulos de visão impressionantes. Isso significa que é possível enxergar o conteúdo da tela mesmo com o celular virado para os lados.

Ele poderia ter um display Full HD? Sim, poderia. Mas a diferença de qualidade quase não é perceptível se não for comparada lado a lado. Por fim, basta resumir que dá gosto de ver fotos e vídeos na telona do novo iPhone.

Câmera

 O que já era bom ficou ainda melhor. É fato que os Lumias ainda ocupam o alto do pódio no quesito de fotografias em smartphones, mas o iPhone não fica muito atrás. Apesar de continuar com resolução de 8 megapixels na lente traseira, a câmera recebeu atualizações que melhoraram sua performance. 

O elemento principal é um recurso do sensor chamado de Focus Pixels, que garante um foco automático mais eficiente, capta a luz do ambiente com mais precisão e também melhora detecção de rostos. Durante os testes, ele se saiu bem e focou objetos com mais rapidez.

Testamos também o modo câmera lenta do dispositivo, que filma em 120 ou 240 FPS, ambos em resolução 720p, e o resultado é bem interessante. Ele ainda traz o modo panorama, time-lapse e contínuo. Esse último permite tirar 10 fotos por segundo em sequência (inclusive na câmera frontal). A abertura do sensor é de f/2,2 com 1,5µ pixels, o que ajuda bastante em termos de captura de cor. A lente grava vídeos em HD de 1080p a 60 qps.

A câmera frontal possui os mesmos 1,2 megapixel, mas também não decepciona. Por aqui, percebemos uma sutil melhoria nas famosas "selfies". É importante ressaltar que a câmera da frente também captura vídeos em HD, mas não achamos a qualidade tão surpreendente assim.

Detalhe da câmera frontal do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Detalhe da câmera frontal do iPhone 6 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)


Na prática, o iPhone 6 tira fotos com ótima qualidade e foca objetos com rapidez, mesmo em movimento. Em ambientes escuros, o dispositivo também não deixa a desejar. O flash duplo LED consegue dar conta do recado. Veja abaixo algumas imagens feitas com o novo aparelho da Apple.

Foto tirada com o iPhone 6 durante o dia (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Foto tirada com o iPhone 6 durante o dia (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)
Foto tirada com o iPhone 6 durante a noite (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Foto tirada com o iPhone 6 durante a noite (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)


Foto tirada em dia nublado com o iPhone 6 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)Foto tirada em dia nublado com o iPhone 6 (Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo)


Custo-benefício

O iPhone 6 é um dos melhores smartphones do mercado. Com um design de qualidade, hardware de ponta e câmera potente, não há como negar que a Apple continua caprichando e evoluindo mais a cada iPhone lançado. Mas, como nem tudo é perfeito: o top aterrissou no Brasil com preços bem salgados e nada convidativos. A versão mais "barata", com 16 GB, custa R$ 3.199. 

Já o modelo de 64 GB chega por R$ 3.599, enquanto o de 128 GB sai por R$ 3.999. Bem, não podemos questionar que é possível encontrar smartphones com boas especificações e por um preço mais justo, como o novo Moto X. Mas há quem não dispense o "padrão Apple" de usabilidade e desempenho do iOS, além da possível integração entre os dispositivos Apple.

Tabela de especificações do iPhone 6 (Foto: Arte/TechTudo)Tabela de especificações do iPhone 6 (Foto: Arte/TechTudo)



Nota TechTudo

NOTA tt
9.0
Design
9
Desempenho
10
Tela
10
Câmera
9
Custo-benefí­cio
7

Prós

  • Tela maior;
  • Desempenho top;
  • iOS com novos recursos;
  • Câmera excelente.

Contras

  • Bateria pouco eficiente;
  • Design "escorregadio";
  • Preço salgado.
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Fernanda Voi
    2014-11-14T14:28:12  

    Os produtos da Apple sempre tem alta qualidade, excelente durabilidade, boa segurança, bom suporte ao cliente, elegante design e raramente dão defeito. A experiência ensina mais do que o conselho.

    recentes

    populares

    • Fernanda Voi
      2014-11-14T14:28:12  

      Vortex Ykehara o meu iPhone está com iOS 8.3, se quer saber. E está funcionando muito bem, se quer saber. Agora, tente fazer o mesmo nos lixos da Samsung pra ver o que acontece. Caso não saibam,meu celular reserva é um Moto G, mas não chega aos pés do velho iPhone.

    recentes

    populares

    • Fernanda Voi
      2014-11-14T14:28:12  

      iPhone é melhor do q qualquer aparelho Android, aceitem q dói menos

  • João Feitosa
    2015-09-17T15:57:01

    Uma coisa eu n entendo, o cara tem um aparelho Android e está feliz com ele. Só tenho uma pergunta, pq ele vai perturbar quem gosta de iPhone?

  • Alcides Faria
    2014-11-14T19:08:39

    Só no Brasil que esse povo tem essa mania besta de se achar porque comprou um celular melhorzinho...Aliás, brasileiro compra apto de 60 metros quadrados, um Fiestinha e já pensa que é rico. Coisa de gente sem nenhum conteúdo.

  • Jander Gomes
    2014-11-14T21:41:10

    sou louco louco pela apple, ai meu deus que tudo , ja tenho o meu 6 , e nao vejo a hora de chegar logo 2015 com o iphone 7, ai que babado , tenho ipad, ipod, mac, e agora proximo passo comprar o relogio da apple..... ai que tuuuddoooo.

  • Lucas Alexandre
    2015-04-13T20:26:53

    Lugar confiável pra comprar Iphone 6, que não seja essas lojas da Walmart, Americanas... Quero saber daqueles q vendem no Instagram. Alguém que indique as q são confiáveis?

  • Fabiano Santos
    2015-02-01T21:04:22

    O q as pessoas nao entendem ou nao quererm entender,e q a Apple nao coloca mais memoria ram,nao coloca um processador com mais potencia,porque simplesmente NAO PRECISA!!!O desempenho de um celular nao e somente uma questao de numeros.Esta ligada a como o software e o hardware trabalham juntos.E nisso,a Apple trabalha muito bem.Android e um sistema bom,mas muito pesado e por isso precisa de numeros tao robustos.Mas quando se coloca um iphone em uma competicao com outros,os resultados sao muito similares,e as vezes o iphone ganha.

  • Renato Carlos
    2015-03-08T10:32:42  

    pela primeira vez decide ter um iphone, vou agora comprar o 6 e espero não me arrepender, queria esperar pelo galaxy s6 edge sair mas estou cansado da interface do android

    recentes

    populares

    • Renato Carlos
      2015-03-08T10:32:42  

      Tamo Junto

    recentes

    populares

    • Renato Carlos
      2015-03-08T10:32:42  

      Tamo Junto kkk

  • Diego Rodrigues
    2014-12-21T02:55:42  

    CCE E POSITIVO AS GIGANTES DO MERCADO MOBILE SÓ NÃO VÊ QUEM NÃO QUER!

    recentes

    populares

    • Diego Rodrigues
      2014-12-21T02:55:42  

      kkkk sonha Alice...

    recentes

    populares

    • Diego Rodrigues
      2014-12-21T02:55:42  

      Sonha Alice...

  • Harry Potter
    2014-12-20T01:29:53

    Sem fundamento esta análise. Como um celular que amassa, que custa quase 4000, que tem somente 1GB de memória e que perder em tudo pro Moto Maxx recebe a mesma nota? Só rindo mesmo desse technada.

  • Mateus Sousa
    2014-11-17T15:35:03  

    Tem que ser muito alienado fanboiola pra dar 4600 num celular que tem 1,4 de processador 1GB de ram e dizer que não trava me poupem seus animais...

    recentes

    populares

    • Mateus Sousa
      2014-11-17T15:35:03  

      Concordo se estivessemos falando de ANDROID, mas é IOS. Vá se informar primeiro antes de falar alguma coisa!

    recentes

    populares

    • Mateus Sousa
      2014-11-17T15:35:03  

      Com certeza não tem um produto da apple pra falar isso... Eu tenho o iphone 6 e ele não trava com nada

  • Guilherme Diniz
    2014-12-16T21:31:06

    O IPhone é muito bom, mas não troco pelo meu Lumia.

  • Rafael Soares
    2014-11-14T11:46:23  

    Muito caro para um celular sem nada especial. Faz o que todos os outros fazem.

    recentes

    populares

    • Rafael Soares
      2014-11-14T11:46:23  

      Desculpa aos que tem celular a prova d'agua. Apple nem isso fez.

    recentes

    populares

    • Rafael Soares
      2014-11-14T11:46:23  

      pra que isso ?

  • Kadu Ramos
    2014-11-14T23:30:17  

    Quem critica o hardware e acha que isso é fator decisivo para saber qual o melhor precisa estudar mais o assunto,o único problema do aparelho é o preço ,o resto é questão de gosto e a verdade é que não existe Smartphone barato,o mais "barato" custa R$1.500,00 e acho um absurdo achar isso barato rs ,esses "concorrentes" do iphone para serem interessantes deveriam ser bem mais baratos que o iphone e não são,eu queria um Z3 e o bixo ta o preço do iphone. Sony XperiaZ3 R$3.000,00 ,GalaxyS5 R$2.600,00 e ficam com esse papo de que só o iphone que não vale o preço e está caro; Tá de sacanagem né?

    recentes

    populares

    • Kadu Ramos
      2014-11-14T23:30:17  

      nunca q o z3 e o s5 estão desse valor, para de falar bobagem

    recentes

    populares

    • Kadu Ramos
      2014-11-14T23:30:17  

      Diego Mariano Coloquei o preço anunciado antes do lançamento,hj olhei no site do G1 e diz que o preço de lançamento do Z3 foi de R$2.700,00 Você não achou caro por conta dos referenciais comparativos que fez,o fato é que se não colocarmos o iPhone como referencial será que as pessoas não vão começar a reclamar dos preços do xperia,galaxy,e semelhantes? Mesmo sem retirar o iPhone como referencial já vejo gente condenando a sony e quem a usa. O preço é a ultima coisa que teríamos que usar como comparativo já que sabemos bem que não é culpa da apple termos o iPhone mais caro do mundo.

  • Almir Ribeiro
    2014-11-15T07:46:28  

    "A versão mais simples do Smart sai por R$ 3.199, enquanto o mais caro do R$ 4.399". Enquanto o preço médio cobrado no mundo para o iPhone 6 é de US$ 826 e o do iPhone 6 Plus, de US$ 948. *Esse verdadeiro assalto é culpa do próprio consumidor Brasileiro que aceita esse abuso. Samsung e Apple ficam fazendo o seu joguinho e a galera cai que nem patinho.

    recentes

    populares

    • Almir Ribeiro
      2014-11-15T07:46:28  

      Problema nao e apple,e sim o Brasil ne, com os impostos...

    recentes

    populares

    • Almir Ribeiro
      2014-11-15T07:46:28  

      Bruna Fialho Verdade amigo, mas a empresa também é famosa por cobrar CARO os seus produtos.

  • Marcos Nathan
    2014-12-01T14:21:41

    Celular excelente, não tenho o que reclamar a respeito.. preço muito salgado realmente pra quem for comprar aqui no Brasil, mas paguei 1600 no meu 6 plus e estou super satisfeito.

  • Adão Carvalho
    2014-11-20T15:37:50

    eu acho que gosto é gosto. eu prefiro de Gadgets rodando android sou programador e acho um sistema mais complexo é muito bom para quem intende de tecnologia por ser um sistema open source se uma I PHONE rodasse ANDROID eu compraria kkk

  • Julio Ferreira
    2014-11-14T18:54:32  

    Eu comprei o iPhone 6 Plus e ja tive o 4,5,5s e nao troco o iphone por nenhum outro. Gosto da simplicidade do IOS, nao trava igual o android. Muitos falam que é para se aparecer que uso o iPhone, mas nao é, eu gosto e posso pagar então nao vejo nenhum problema em pagar esse valor alto. Comprei o Note 3 quando ele lançou e usei por uma semana nao gostei, deixei de lado e voltei a usar meu iPhone. Busco qualidade, exclusividade, bom desempenho e o que me deixa mais confortável. Você que critica o iPhone sem usar ele, me poupe, é pq vc realmente nao tem dinheiro e critica por nao poder comprar.

    recentes

    populares

    • Julio Ferreira
      2014-11-14T18:54:32  

      Como vocês são edeotas, os maçamaníacos são assim porque tem muita gente do 'contra', se outros forem indiferentes a tais consumidores, já, já, eles desgostam da empresa.

    recentes

    populares

    • Julio Ferreira
      2014-11-14T18:54:32  

      Eu uso e critico. Tenho iPhone desde o 3GS, atualmente estou no 5S, mas acho que a Apple deu uma bela parada no tempo. A única coisa que salva o iPhone ultimamente é o iOS.

  • José Rodrigues
    2014-11-14T16:09:02  

    O iPhone 6 é igual a Ferrari... não é para pé-rapado não. Tem que estudar muito, conseguir um bom emprego e nunca se misturar com favelados e petistas. Inveja-se a riqueza, mas não o trabalho que deu para consegui-la. Ninguém fica doido de tanto estudar, é mais fácil ficar doido de tanto ser burro! Então estude como se você fosse viver para sempre e viva como se você fosse morrer amanhã. Parabéns pela aquisição do Phone 6, você merece.

    recentes

    populares

    • José Rodrigues
      2014-11-14T16:09:02  

      Por pensamentos como o do José Rodrigues que nós brasileiros pagamos 3 vezes oq valem nossos carros novos, q pagamos 3 ou 4 vezes oq valem eletrônicos e etc. Enqto tivermos essa mentalidade de cão chutado de que um carro ou celular nos faz melhores do que os outros, continuaremos comprando golzinho "completo" por 45.000, qdo vale 22, 25 no máximo.

    recentes

    populares

    • José Rodrigues
      2014-11-14T16:09:02  

      Dividiu em 48 vezes e se achando seu lixo

  • Beto
    2014-11-14T14:40:07  

    Cambada de pobres. Valam por que não tem dinheiro para compra os produtos da Apple

    recentes

    populares

    • Beto
      2014-11-14T14:40:07  

      Cesar Fonseca acabou com esse tal de beto. Tenho o Iphone 6, mas comprei fora num preço justo. Não vale o valor cobrado no Brasil (não compraria aqui, é um desaforo com o consumidor)

    recentes

    populares

    • Beto
      2014-11-14T14:40:07  

      Gabriel Lima, bem isso que penso. Se eu comprar, será fora do Brasil, mas só por março, mais ou menos. Melhores estoques, aparelhos sem eventuais bugs iniciais, chance de melhores preços (mesmo sendo tabelado)... Uso iPhone desde o 3GS, sei da diferença de experiência do iOS e Android, mas mesmo assim não me sujeito a pagar 3600 (iPhone 6 64gb) em um celular. O máximo que pretendo pagar por ele é cerca de 2500, e ainda chorando. hehe

  • Bruno Anjos
    2014-11-14T15:40:40  

    A Microsoft vai dominar o mercado de celulares, em 5 anos estranho é quem não vai ter um, é assim com o Computador, o windows domina o mercado, e foi assim com o Xbox, e vai ser assim com os Lumias.

    recentes

    populares

    • Bruno Anjos
      2014-11-14T15:40:40  

      Basta ela melhorar a quantidade de aplicativos disponíveis para o Lumia,para deixar seu "ecossistema" semelhante com a do iOS e a do android,que será um senhor avanço.

    recentes

    populares

    • Bruno Anjos
      2014-11-14T15:40:40  

      Também acho! E particularmente, é disparado o melhor sistema! Tanto para PC quanto para Smart's e tablets!

  • Gabriel
    2014-11-15T15:38:28

    Quem não entende nada de tecnologia vira fanboy da apple, a apple acabou depois da morte de Steve Jobs.

  • Thiago Nunes
    2014-11-14T15:58:22  

    Povão fanboy do Android fica louco quando escutam algo favorável ao iphone, pra eles só podem falar mal. O aparelho ta ótimo uma pena q o preço seja abusivo. Fico curioso com essa obsessão em odiar o aparelho por q acha caro. como se estivessem obrigando alguém a comprar. Perdem tempo vindo aqui criticar como pré adolescentes. Aceitem q dói menos, nem todo mundo é marionete do Google. A matéria é sobre iphone e aparece gente falando de genérico Moto Q? fazendo propaganda contra. larguem mão de ser ridículos.

    recentes

    populares

    • Thiago Nunes
      2014-11-14T15:58:22  

      Iphone é celular para pessoa que quer tirar onda e só usa o aparelho para acessar o Facebook. Quem realmente conhece tecnologia sabe que o aparelho não vale o que cobram, seja no Brasil ou fora.

    recentes

    populares

    • Thiago Nunes
      2014-11-14T15:58:22  

      Quem não entende nada de tecnologia vira fanboy da apple igual ao Thiago Nunes, a apple acabou depois da morte de Steve Jobs.

  • Fábio
    2014-11-15T02:02:25  

    Nenhum iphone vale o preço que cobram no Brasil, na verdade nenhum eletrônico, seja celular, tablet, video-game ou qualquer outra coisa eletrônica vale o preço que cobram no Brasil, independente de marca ou modelo.

    recentes

    populares

    • Fábio
      2014-11-15T02:02:25  

      Finalmente alguém consciente aqui. Parabéns.

  • Almir Ribeiro
    2014-11-15T07:36:32

    "A versão mais simples do Smart sai por R$ 3.199, enquanto o mais caro do R$ 4.399". Enquanto o preço médio cobrado no mundo para o iPhone 6 é de US$ 826 e o do iPhone 6 Plus, de US$ 948. *Esse verdadeiro assalto é culpa do próprio consumidor Brasileiro que aceita esse abuso. Samsung e Apple ficam fazendo o seu joguinho e a galera cai que nem patinho. Paga quem quiser, mas essa mentalidade curta é que alimenta esse abuso. Tem aparelhos excelentes a preços bem mais realistas. A Maioria compra só pela Marca e não usa 10% dos recursos. Se não muda o povo, não muda o país.

  • Pedro Martins
    2014-11-15T02:00:42

    Prefiro um ultrabook.