Smartwatches

NOTA tt
6.6

Review Moto 360 (2014)

O smartwatch da Motorola é bonito, elegante e confortável de se usar. Ele roda Android Wear, um sistema que promete muito mas que ainda conta com poucas funções. Confira no review do Moto 360 se o relógio vale a compra!

Matheus Vasconcellos
por
em

O Moto 360 é o novo smartwatch lançado pela Motorola. Seu design com a tela redonda, seu corpo feito de aço escovado, e a pulseira de couro legítimo, que pode ser trocada, tornam o gadget vestível um acessório com aparência clássica e funções modernas. Confira o nosso review completo do Moto 360!

Conheça o Smartwatch 2, da Sony, concorrente do Moto 360

Moto 360 conta com comando de voz "Ok, Google" (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Moto 360 conta com comando de voz "Ok, Google" (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)

Funcionalidades

A primeira pergunta que todo mundo faz é: eu realmente preciso de um smartwatch? A resposta é: não, você não precisa. Mas experimente usar um por alguns minutos e você ficará apaixonado. O Moto 360 é um facilitador de ações diárias no celular. Com ele é possível, por exemplo, visualizar notificações que chegam em seu smartphone em apenas alguns segundos sem precisar tirá-lo do bolso. Dentro do ônibus é possível ler uma mensagem no WhatsApp, responder e fechar a conversa sem mexer no seu aparelho celular; você pode ainda atender ligações pareando o Moto 360 com o Bluetooth do carro ou escolher as músicas e trocá-las, pausá-las e controlar o volume através do seu relógio.

Funcionalidades do Moto 360 podem ajudar no dia a dia (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Funcionalidades do Moto 360 podem ajudar no dia a dia (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)

Apesar dessa facilidade, o Moto 360 tem funções limitadas, mesmo com uma memória interna de 4 GB e uma memória RAM de 512 MB. O problema não está nas especificações do aparelho, mas no sistema. Nem todos os apps do Android estão adaptados ao Android Wear, que é o sistema do Google para relógios inteligentes. Isso significa que alguns aplicativos não são bem aproveitados, a exemplo do Outlook. Nele, não é possível responder um e-mail como acontece com as mensagens do WhatsApp: o smartwatch só avisa que você recebeu um e-mail, já que o programa não é otimizado para usar com o relógio.

 O Moto 360 carece, assim como todos os dispositivos vestíveis com o sistema do Google, de aplicativos. Ainda há poucas opções que tornem o seu smartwatch diferente daquilo que vem de fábrica. Tirando algumas alternativas de mostradores e aplicações fitness, não há nenhum app que seja imperdível para o acessório. Outro problema é que os poucos aplicativos disponíveis não se adaptam facilmente às diferentes telas dos relógios. Alguns são quadrados, outros são redondos, mas todos são diferentes em tamanhos e densidades de resolução.

O Moto 360 é conduzido também pelo comando de voz “Ok, Google”. Mas não se preocupe, o relógio entende muito bem o nosso idioma e responde com muita fidelidade à maior parte do que é pedido. Há só um problema: ele nem sempre entrega uma resposta direta e em muitos casos é preciso usar o celular. Em perguntas simples como “Quanto foi o jogo do meu time ontem?” o resultado poderia muito bem ser mostrado na tela, porém ele exige que você abra a resposta em seu celular.

Moto 360 conta com comando de voz "Ok, Google" (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Moto 360 conta com comando de voz "Ok, Google" (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)


Ele ainda traz entre suas funções nativas um pedômetro (que conta os passos dados) e um monitor de frequência cardíaca. O problema está no último citado que, por muitas vezes, funciona mal, não consegue medir os batimentos e acaba frustrando o usuário. Para os praticantes de corrida existem inúmeros apps que auxiliam a realização dos exercícios físicos e monitoram distância e velocidade, mas o design clássico e “chique” do relógio não facilita.

Moto 360 tem funções que ajudam na prática de atividades físicas (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Moto 360 tem funções que ajudam na prática de atividades físicas (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)


Sistema, conexões e bateria

Através do aplicativo também batizado de Android Wear, o aparelho pode se conectar com qualquer celular que utiliza o sistema do Google. Através do Bluetooth, parear o Moto 360 é simples e rápido, e em questão de minutos ele estará ligado ao seu smartphone e livre para ser usado. Não é preciso logar em nenhuma conta e nem colocar nenhum tipo de código ou senha. É só abrir o aplicativo, encontrar o dispositivo e pronto, você estará com seu smartwatch pronto para ser usado.

Apesar de usar uma conexão Bluetooth 4.0, que consome menos energia, o fato de "obrigar" o smartphone a manter-se constantemente conectado, seja via Wi-Fi ou 3G e 4G, acaba exigindo muito da bateria dos celulares. Durante nossos testes, a bateria do smartphone sofreu um impacto diário considerável após a adição do Moto 360 à rotina.

Por falar em bateria, o relógio inteligente da Motorola tem uma boa autonomia, mesmo com os singelos 320 mAh, e consegue ser usado por mais de 24 horas sem precisar de carga. O carregamento é feito por indução e em pouco menos de uma hora já é possível voltar a usar o Moto 360 com a bateria cheia. Ah, mas não vá com sede ao pote: o relógio esquenta bastante enquanto carrega, então recomendamos que você tire o aparelho da base e espere um pouco antes de colocá-lo no pulso.

Com o Android Wear, os smartwatches vão emplacar?Opine no Fórum do TechTudo

Design

O smartwatch lançado pela Motorola aparenta ser um relógio comum. Com 95 mm de diâmetro e apenas 49 g, o Moto 360 é muito confortável. Por causa do seu corpo feito em aço inoxidável e da tela Gorilla Glass 3 resistente a riscos, o smartwatch tem um charme especial e é o relógio inteligente mais bonito atualmente no mercado. Além de sua beleza e resistência, o Moto 360 também é à prova d'água e traz em sua tela touch capacitiva de LCD com 1,5 polegadas uma resolução razoável de 320 x 290 (205 ppi).

Design do Moto 360 é bastante semelhante ao de um relógio comum (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Design do Moto 360 é bastante semelhante ao de um relógio comum (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)

Além de sua beleza e resistência, o Moto 360 também é à prova d'água e traz em sua tela touch capacitiva de LCD com 1,5 polegadas uma resolução razoável de 320 x 290 (205 ppi).

Detalhes da tela de 1,5 polegadas do Moto 360 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Detalhes da tela de 1,5 polegadas do Moto 360 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)


Para aqueles que acham que um smartwatch só pode apresentar uma versão digital em seu mostrador de horas, a Motorola disponibiliza diversos modelos que podem ser trocados com muita facilidade. É só colocar o dedo na tela e segurar por alguns segundos; entre as opções estarão relógios de ponteiros mais clássicos, mais modernos, digitais, com horário mundial e muitas outras opções.

Ainda é possível baixar o aplicativo Motorola Connect no seu smartphone com Android e personalizar as cores dos mostradores bem como escolher se a data deve ou não aparecer, quais países devem ser mostrados no “horário mundial” e muito mais.

E, por falar em personalização, o Moto 360 oferece a chance de mudar de pulseira. São diversas opções como couro cinza, couro marrom, aço e etc. A Motorola diz que é possível usar o smartwatch com qualquer pulseira desde que seja levado a um relojoeiro para que ele faça a troca. Sendo assim, sua beleza e design clássicos, e suas possibilidades de personalização fazem com que esse seja um dos pontos mais positivos do acessório!

Pulseira do Moto 360 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Pulseira de couro do Moto 360 (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)


Preço e disponibilidade

Não é fácil encontrar o Moto 360. A maior parte das revendedoras ainda não possui o dispositivo para vender, e atualmente é mais fácil achá-lo na loja online da Motorola. Porém, conseguindo encontrar um lugar para comprar o smartwatch, é preciso ter coragem, pois o preço é bem salgado no Brasil: R$ 799. O preço, quase igual a de um Moto G 2014, atrapalha e afasta os consumidores que gostariam de experimentar um novo tipo de acessório.

Conclusão

O Moto 360 é um lindo smartwatch com design clássico e elegante. Apesar de trazer facilidade e auxilio para as atividades cotidianas de um celular, o acessório não é imperdível, principalmente pensando no alto preço cobrado pela Motorola. Ainda faltam aplicativos compatíveis e mais funções para o Android Wear. O Moto 360 parece ter um ótimo futuro pela frente, mas não é das melhores compras por agora. Talvez alguns meses mais sejam necessários até que o sistema amadureça e ofereça mais para os usuários.


review moto 360 (Foto: Arte/TechTudo)Tabela sobre o moto 360 (Foto: Arte/TechTudo)

Nota TechTudo

NOTA tt
6.6
Design
10
Desempenho
8
Tela
8
Câmera
0
Custo-benefí­cio
7

Prós

  • Design elegante e clássico;
  • Muitas opções de personalização;
  • Boa duração da bateria;
  • Facilidade de uso e conexão;
  • Confortável de usar;
  • À prova d'água.

Contras

  • Poucos apps compatíveis;
  • Android Wear ainda é muito 'jovem';
  • Preço e disponibilidade são ruins no Brasil;
  • Medidor de frequência cardíaca funciona mal.
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • RODRIGO PAIVA
    2015-01-23T12:55:09  

    Tenho um Moto 360 há 1 mês. Duas coisas me chamaram atenção nesse rewiew, por não condizer com a experiência que estou tendo com o gadget: 1. O monitor de batimentos cardíacos funciona perfeitamente comigo. Tenho usado o relógio para correr e uso quase diariamente a função de medir a frequência cardíaca. Nunca tive problemas. Tenho usado o app Runtastic para acompanhar minha atividade física e tenho gostado bastante. 2. O meu Moto 360 não esquenta NADA ao ser recarregado e o carregamento realmente é bastante rápido e prático já que não precisa conectar nenhum fio ao relógio.

    recentes

    populares

    • RODRIGO PAIVA
      2015-01-23T12:55:09  

      Boa noite Rodrigo, vi que você utiliza aplicativo de corrida no Moto 360.. tenho interesse em adquirir um desses e gosto muito de corrida..tenho uma duvida ...pra utilizar o aplicativo Runtastic no relógio precisa está com o celular no braço??? vlew

    recentes

    populares

    • RODRIGO PAIVA
      2015-01-23T12:55:09  

      Oi Kenio, precisa sim. Uso um case especial de corrida que fica no braço e proteje o celular de suor e sol. A vantagem é que consigo controlar música e ver as informações da corrida sem precisar mexer no celular.

  • Henrique Guimaraes
    2015-01-23T16:48:03

    Se eu fosse comprar um acessório para o telefone seria o Hint, acho ele mais útil pelo que custa e oferece! Resta saber se ele funciona como deveria!? Alguém comprou, tem e usa?

  • Antonio
    2015-01-23T15:41:30

    Tenho um, e acho ele lindo, útil já não digo... A vibração de notificação é muito fraca, em pouco tempo nos acostumamos a ela e nem percebemos que uma nova notificação chegou. O medidor de batimento cardíaco é realmente falho, mas são por 2 fatores. Pressão e Pelos nos braços. Se a pessoa é peluda, a chance dos pelos comprometerem o sensor é grande, então tem que enfiar o dedo por baixo do relógio para tentar tirar os pelinhos do caminho do sensor. Também precisa estar bem apertado para funcionar bem, isso é terrível. No geral é um gimmick inútil, ninguém precisa e não faz falta. Só style

  • Julien Sarrazin
    2015-01-23T15:16:28

    Kkkk o gear s da um banho nisso aí ..

  • RICARDO SILVA
    2015-01-23T14:37:15

    Olha o reportagem de maluco "só 390g ", vamos ler e entender o que escreve antes de publicar. Ele pesa 49g, Com 390g é melhor amarrar seu Ipad no braço.

  • Claudio Potter
    2015-01-23T12:32:14  

    O mais feio d etodos!

    recentes

    populares

    • Claudio Potter
      2015-01-23T12:32:14  

      Beleza é questão de gosto, mas, se esse é o mais feio, qual é o mais bonito na sua opinião?

    recentes

    populares

    • Claudio Potter
      2015-01-23T12:32:14  

      Oq seria bonito pra vc? Com gliter, pedrinhas e uma borda bem notável? Esse é um dos mais elegantes...

  • Danilo
    2015-01-23T12:59:05

    Não da pra pagar 700 reais em uma coisa só pra não ter o trabalho de olhar o celular..esse segmento de smartwatch é Natimorto

  • Yuri Melo
    2015-01-23T12:38:04

    esse relogio é maneiríssimo, comprei 1 e adorei, vamos lembrar que ele eh um relogio, e como relogio ele eh muito maneiro

  • Paulo Neto
    2015-01-23T12:31:19

    É indiscutível que esse relógio é bonito, mas já basta ter que carregar todo dia o celular, relógio também? Não tem como, se o celular é completo e tem visor melhor, não tem sentido usar um relógio desses, melhor ficar com o tradicional rolex.

  • Marcelo
    2015-01-23T11:46:11

    pra mulheres que andam com celular na bolsa ok receber as notificações no celular.. até pq as vezes elas nem escutam... agora pra quem ta com o celular no bolso... acaba sendo 2 trabalhos... ver a mensagem no relógio e dependendo do que é tem que tirar o celular do bolso.. e ainda tem o problema de ter um aparelho a mais pra colocar pra carregar toda a noite...

  • Teste 1574
    2015-01-23T11:45:47

    Bacana o review, parabéns Matheus. A princípio eu achei esse relógio mais bonito que o da Apple. Talvez seja questão de gosto, mas ele se parece com os relógios que já tenho costume de usar. Senti falta de um vídeo na matéria, esperava vê-lo em ação. E o preço não tá distante do cobrado pelos relógios convencionais de qualidade.

  • Alexandre Juliano
    2015-01-23T11:37:50

    Tem muito a evoluir e tornar o preço mais acessível.