Celulares & Tablets Celular
NOTA tt
8.0

Review Lumia 900

O Nokia Lumia 900 é uma excelente opção para quem gosta do Windows Phone mas inveja as telas grandes dos principais smartphones Android. Repetindo o hardware do Lumia 800, o modelo traz uma tela grande e uma bateria mais potente.

Marlon Câmara
por
em

Quando foi apresentado, o Lumia 900 era considerado o "top de linha" dos Windows Phones. As diferenças contra o Lumia 800 - até então principal modelo da fabricante - eram poucas, basicamente limitadas ao display e bateria maiores, uma câmera para videochamadas e, no exterior, o 4G. Confira o review do Lumia 900.

O problema é que a fabricante demorou para trazer o aparelho ao Brasil. Tanto que antes mesmo da Nokia colocá-lo nas lojas brasileiras, a Microsoft já havia anunciado a nova versão do Windows Phone. Dois meses depois, ainda, a própria empresa já estava lançando lá fora seus novos smartphones com WP8. Estes foram - e continuam sendo - os seus maiores defeitos. Mas ainda há muito o que falar sobre ele.

Nokia Lumia 900 (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)Nokia Lumia 900 (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)


Design

O design do aparelho pode ser considerado tudo, menos original: já utilizado anteriormente no modelo Nokia N9 - com a plataforma MeeGo - e repetida tempo depois no Lumia 800, o desenho compacto e colorido com tela curva já não surpreende mais. Ainda assim, com uma tela aumentada de 4,3 polegadas - contra 3,7 do 800 - o smartphone mantém sua boa pegada, leveza, e continua muito bonito e distinguível.

O aparelho é feito em uma só peça, o que o deixa atraente e resistente. A bela tela AMOLED levemente curvada ocupa quase toda a extensão frontal do smartphone, somente com um pequeno contorno em seus extremos. As cores do Lumia 900 - preto, rosa e azul - são muito chamativas, e podem atrair principalmente as mulheres.

Nokia Lumia 900 (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)Nokia Lumia 900 (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)

O único problema no layout do Lumia 900 é o tamanho. Por ser grande e "gordinho" (com 11.5 mm de espessura), ele chama muita atenção quando utilizado na rua: um aparelho grande e com tonalidade azul berrante não é lá muito discreto. Além disso, o seu caimento no bolso também é inconveniente, deixando claro que você carrega um smartphone - a não ser que existam carteiras com bordas arredondadas.

Como o grande atrativo do aparelho é justamente seu display maior, é importante ressaltar duas coisas: o sistema Windows Phone fica com uma interface ainda mais bonita quando esticada, mas a usabilidade continua praticamente a mesma. Isso porque, como o WP tem um visual muito clean e com ícones bem grandes, não dá para sentir muita diferença na hora de utilizar o sistema com uma tela de 4,3 ou de 3,7 polegadas.

Claro que a diferença aparece na hora de rodar jogos e vídeos, então, se você quer comprar o 900 para jogar e assistir filmes com maior conforto, vale a pena. Os aplicativos, aliás, rodam com perfeição, repetindo o ótimo desempenho já demonstrado pelo Lumia 800 - que, aliás, tem as mesmas especificações de hardware e câmera que seu irmão maior.

Nokia Lumia 900 (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)Nokia Lumia 900 (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)

O sistema Windows Phone tem uma performance impressionante. Como o Lumia 900 possui boas especificações - processador single-core de 1,4 GHz e memória RAM de 512 MB - , raramente foram percebidos travamentos ou quaisquer problemas enquanto o aparelho era utilizado - mesmo nas atividades mais pesadas. O maior defeito, mesmo, é a ainda pouca quantidade de aplicativos presentes na loja virtual do sistema, a Marketplace.

Um ponto negativo do aparelho é que, assim como o Lumia 800, ele não possui entrada para cartão de memória. Assim, os 16 GB internos são toda a capacidade de armazenamento do dispositivo, para ser dividido entre fotos, músicas, aplicativos e o que mais você quiser colocar no seu celular. Uma bola fora da Nokia que poderia ter sido reparada no lançamento do 900.

Câmera

A câmera traseira do modelo é exatamente a presente no Lumia 800: 8 megapixels, com lentes Carl Zeiss. E se não bastassem as ótimas imagens registrada pelo aparelho, a câmera ainda oferece diversas opções dignas de câmera profissionais.

Com ela, é possível fazer o balanço do branco, mudar a exposição e o ISO (vai até 800), o contraste e a saturação das cores. Além disso, é possível adicionar alguns efeitos especiais, como Sépia, Preto e Branco e Negativo. Desta maneira, é possível fazer fotos impressionantes para um celular, com alta qualidade e diferentes texturas.

Fotos tiradas com o Lumia 900 em diferentes configurações (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)Fotos tiradas com o Lumia 900 em diferentes configurações (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)

Um dos principais diferenciais do 900 em relação ao seu antecessor é a presente de uma câmera traseira de 1,3 megapixels, com qualidade VGA. A câmera menor tem um bom desempenho, e mostra imagens ótimas para fazer videoconferências ou até mesmo para o usuário poder se fotografar enquanto visualiza a cena na tela.

Bateria

Mesmo com uma tela bem grande e iluminada, a bateria de 1.830 mAh do Lumia 900 (bem maior que a do 800, com 1450) dá conta do recado e tem uma boa performance. Se a fabricante promete 9 horas de uso direto do 3G e 55 horas de música sem recarga, na prática ele aguenta cerca de um dia com uso moderado de ligações, mensagens e Wi-Fi.

Nokia Lumia 900 (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)Nokia Lumia 900 (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)

O mais interessante neste quesito é a função Economia de Bateria. Acessando o recurso, é possível visualizar há quantas horas foi feita a última recarga, e o tempo estimado que ainda resta da sua bateria considerando a frequência do seu uso. E ao ativar a "Economia de Bateria", o aparelho pode ganhar até 5 horas a mais de uso, automaticamente.

Custo-benefício

O Lumia 900 é não só o maior desta geração de Windows Phones, mas também o mais caro. O aparelho tem o preço máximo de R$ 1.799, que pode ser encontrado por menos em promoções ou em lojas virtuais. O valor, na verdade, é bem razoável se considerar que o desempenho do aparelho é excelente, seu design é muito bonito e ele ainda conta com uma tela bem grande. Se você gosta do Windows Phone, o 900 não vai decepcionar nem um pouco.

Mas saiba que os novos smartphones da Nokia com o aguardado Windows Phone 8 estarão chegando ao mercado no começo do ano que vem por valores não tão maiores. O Lumia 920, por exemplo, top de linha da próxima geração de Windows Phones, deve custar cerca de R$ 300 a mais que o 900 hoje, e vai trazer novas funções, um sistema operacional mais moderno e uma câmera muito superior.

Lumia 800 e Lumia 900 lado a lado (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)Lumia 800 e Lumia 900 lado a lado (Foto: TechTudo/Marlon Câmara)

Então, se você tem pressa para adquirir um smartphone e decidiu optar agora por este, saiba que vai levar um aparelho realmente muito bom. Porém, tenha certeza que vai comprá-lo em alguma promoção ou com desconto, pois, já sabendo que o modelo deve se tornar obsoleto no começo do ano que vem, seu preço é muito exagerado.

Além disso, é muito importante considerar se você faz questão de um smartphone com tela tão grande. Isto porque o Lumia 800 tem uma performance bem semelhante e custa cerca de R$ 300 a menos. Lembrando de novo que, embora os vídeos, fotos e jogos fiquem lindos no display do 900, o tamanho do aparelho pode ser um pouco inconveniente para usar na rua ou colocar no bolso.

 Tela4,3 polegadas (480 x 800 pixels) 
Sistema operacional Windows Phone 7.5 
Rede Wi-Fi, 3G, Bluetooth 
Armazenamento  16 GB
Câmera 8 megapixels 
Flash Sim 
Dimensões 127.8 x 68.5 x 11.5 mm 
Peso 160 g 
Bateria Li-Ion 1830 mAh 
Sincronia com o PC Sim 
Itens inclusos Carregador, cabo de dados, fone de ouvido 


Nota TechTudo

NOTA tt
8.0
Design
10
Desempenho
8
Tela
8
Câmera
8
Custo-benefí­cio
6

Prós

  • Tela grande
  • Design bonito
  • Bateria duradoura

Contras

  • Loja com poucos apps
  • Sem expansão de memória
  • Tamanho muito chamativo
Seja o primeiro a comentar


Imagem do usuário
Sair

Quer realmente sair da globo.com?

Imagem do usuário

recentes

populares