Jogos de RPG

NOTA tt
6.0

Review Sacred Citadel

Sacred Citadel busca sem êxito preencher a lacuna dos jogos no estilo “Briga de Rua”.

Dário Coutinho
por
em

Sacred Citadel é um jogo de luta no estilo “Beat ‘em up” com versões para Xbox 360, Playstation 3 e PCs. Muito popular nos anos 1990, o gênero eternizado por clássicos como Golden Axe, Streets of Rage e Final Fight é homenageado neste game. Infelizmente, Sacred Citadel apresenta falhas em sua tentativa de reviver os jogos de "briga de rua". Confira:

Sacred Citadel (Foto: Reprodução / Dario Coutinho) (Foto: Sacred Citadel (Foto: Reprodução / Dario Coutinho))Sacred Citadel (Foto: Reprodução / Dario Coutinho)

Voltando no tempo

Sacred Citadel traz à tona a série Sacred, pouco conhecida na geração atual, Sacred foi uma série de jogos de ação e RPG, conhecida entre os jogadores como um dos “clones de Diablo”. Sacred Citadel pega emprestado elementos de RPG dos jogos anteriores e os coloca em uma roupagem em estilo cell shading.

São quatro classes de guerreiros para escolher: Guerreiro, Mago, Sacerdotiza e Ninja. Embora cada personagem tenha suas características próprias, todos os guerreiros compartilham das mesmas armas iniciais. A mecânica de pegar loots e armas “dropadas” para equipar seu personagem está presente. Há também uma pequena vila que o jogador pode visitar sempre que quiser para comprar novos equipamentos e aumentar o poder de ataque do seu personagem.

Sacred Citadel tem 20 fases no total, divididas em quatro atos (Foto:Reprodução / Dario Coutinho)Sacred Citadel tem 20 fases no total, divididas em quatro atos (Foto:Reprodução / Dario Coutinho)

Jogabilidade e controles

A jogabilidade principal é o padrão dos jogos beat’n up. Trilha-se o caminho da esquerda para a direita, batendo em qualquer coisa que aparecer pelo caminho. Além dos inimigos, há interação com objetos no cenário, que podem ajudar o jogador se ele souber utilizá-los, um exemplo está em um grande balanço de madeira em uma das fases. Ele pode ser usado para atingir muito inimigos de uma única vez.

Jogado em um computador, Sacred Citadel praticamente exige um controle USB ou um controle do Xbox 360. Mas essa necessidade não é por causa da intensidade dos combates, e sim pela estranha configuração dos botões no teclado. A experiência melhora bastante depois dessa mudança sugestiva.

Objetos do cenário ajudam a derrotar os inimigos (Foto: Reprodução / Dario Coutinho)Objetos do cenário ajudam a derrotar os inimigos (Foto: Reprodução / Dario Coutinho)

Entretanto, mesmo assim o jogo apresenta outro problema: a falta de ritmo. Os combates e combos, principalmente, são enfadonhos, fazendo que o jogador torça para tudo terminar logo e finalmente enfrentar o “chefão”.

Sacred Citadel não é um jogo difícil, ao cair em algum precipício ou morrer nas mãos dos inimigos, o jogo posiciona o seu personagem minutos antes dele ter morrido. O salvamento automático é outra “colher de chá” que o jogo dá aos novatos.

Diversão Online

Sacred Citadel pode ser jogado por até três pessoas, localmente ou online. Com três jogadores ao mesmo tempo, batendo em tudo que aparece pelo caminho, o jogo fica mais fácil de avançar e também mais divertido.

Multiplayer Online é divertido, mas tem que combinar com amigos, pois está difícil encontrar pessoas online (Foto: Divulgação)Multiplayer Online é divertido, mas tem que combinar com amigos, pois está difícil encontrar pessoas online (Foto: Divulgação)

Os jogadores poderão montar combos entrei si, cercando alguns inimigos e os eliminando rapidamente. Montar um grupo variado também é uma excelente opção. Como em bons MMORPGs online, o Guerreiro faz o papel de “Tanker” e a Maga e o Xamã, podem utilizar golpes a distância.

Dublagem excelente, mas efeitos sonoros pobres

A única coisa que empolga em Sacred Citadel é a sua dublagem e a boas legendas em português. Personagens com a Mãe dos Orcs estão com uma ótima dublagem e texto, tirando até alguns sorridos do rosto do jogador.

Excelente dublagem e legendas em português são um dos poucos charmes de Sacred Citadel (Foto: Reprodução / Dario Coutinho)Excelente dublagem e legendas em português são um dos poucos charmes de Sacred Citadel (Foto: Reprodução / Dario Coutinho)

Já a trilha sonora decepciona, investindo em músicas repetitivas e enfadonhas. Em vários beat’em ups, as músicas sempre se destacam por ajudar a dar ritmo à aventura.

Conclusão

A grande pergunta é se Sacred Citadel vale a “ficha de nostalgia” para os mais velhos e a resposta dificilmente é sim. Apesar do ótimo trabalho gráfico e das bem-vindas legendas em português, o jogo sofre com uma falta de dinâmica e ritmo essenciais nesse gênero. Os combates são repetitivos e as poucas opções para montar combos fará com que a maioria dos jogadores se canse antes de chegar ao final da aventura.

Veja os clássicos para PS3 recomendados pelos gamers do nosso fórum!

Nota TechTudo

NOTA tt
6.0
Gráficos
7
Jogabilidade
6
Diversão
7
Som
7

Prós

  • - Estilo Beat’em Up
  • - Ótima dublagem

Contras

  • - Combos repetitivos
  • - Pouca variedade de inimigos
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares