Celular

NOTA tt
7.6

Review Xperia Neo

Normalmente, nos smartphones testados, câmera e vídeo nunca são um destaque. Mas esse não é o caso do Xperia Neo: sua câmera de 8 megapixels capaz de filmar em HD é muito competente no que faz.

Stella Dauer
por
em

A Sony Ericsson despejou no Brasil uma nova leva de smartphones com sistema operacional Android. Um dos primeiros dessa nova linha foi o Xperia Neo, cujo destaque é a câmera de 8 megapixels capaz de gravar vídeos em HD (720p) e o design da 'grife' Sony Ericsson. Ele parece impressionar, e pelo preço supõe-se que tenha muito a oferecer. Será isso mesmo?

Sony Ericsson Xperia Neo (Foto: Stella Dauer)Xperia Neo é bonito, mas um pouco brilhante demais (Foto: Stella Dauer/TechTudo)


Design

Ficamos em dúvida sobre o que dizer do design do Neo. Ele é bonito ou não? A Sony Ericsson gosta de usar plástico brilhante, e não economizou aqui. Há plástico por todos os lados e de todas as cores. A traseira é preta com um degradê que cai para o azul escuro, todo curvado. Dos lados temos plástico prateado, com todos os botões do lado direito: Energia/Bloqueio, LED de aviso, volume e câmera.

A frente preta também é um pouco desajeitada. Não há homogeneidade, pois tudo possui relevo, como a câmera frontal, os sensores de luz e proximidade, o alto-falante, a tela e os três botões padrões do Android, que são físicos, prateados e duros.

Sony Ericsson Xperia Neo (Foto: Stella Dauer)Lateral de plástico metalizado do Xperia Neo com quase todos os botões (Foto: Stella Dauer/TechTudo)

O Xperia Neo é parrudo, tem boa pegada e se encaixa bem na mão. É ligeiramente pesado – com 126 gramas –, mas isso garante uma certa segurança. A Sony Ericsson quase acertou aqui mas, no final, o que poderia ser sóbrio acabou ficando meio "palhaço".

Tela

Aqui temos algo de boa qualidade. A tela é recoberta de vidro, e não de plástico, dando um bom visual. São 16 milhões de cores, 3,7 polegadas e resolução de 480 × 854 pixels em uma tela capacitiva de LED. Ela é resistente a riscos e é multitoque. Não é muito forte e nem muito brilhante, mas possui definição muito boa e cores perfeitas, com ótima nitidez.

Xperia Neo (Foto: Stella Dauer)Tela com relevo baixo e botões padrão do Android físicos no Xperia Neo (Foto: Stella Dauer/TechTudo)


Sistema operacional e usabilidade

Uma vantagem do Neo é o fato de ele vir com a versão 2.3.3 Gingerbread do Android, a mais atual versão disponível. Mesmo com uma nova vindo aí, isso significa que você terá um smartphone bem atualizado por um bom tempo (talvez até com o Ice Cream Sandwich). O 2.3 melhora o processamento dos aparelhos e deixa a interface mais preta e elegante.

Como sempre, a Sony Ericsson gosta de deixar a interface do Android como se ela não fosse desse sistema. Ela é tão, mas tão mexida, que mal dá pra perceber superficialmente que é o sistema da Google. Isso compromete um pouco o plano de usabilidade original, e pode até confundir que já usa Android, mas traz coisas boas também.

O launcher personalizado da Sony é cheio de animações e tem transições macias. Jogar um aplicativo no lixo ou mover um widget de lugar na tela é diversão garantida. Uma outra vantagem dessa interface é que dá pra ordenar os aplicativos por 'Mais recentes', 'Mais usados', em ordem alfabética ou personalizada, assim como é feito no iOS. Para quem possui muitos aplicativos, isso é perfeito, já que é possível organizar os mais utilizados na primeira página, colocar apenas os jogos em outra, etc.

xperia neo (Foto: Stella Dauer)Conexões microUSB e microHDMI possuem tampas de proteção no Xperia Neo (Foto: Stella Dauer/TechTudo)

O Neo também vem com a UI Timescape. Ela é concorrente do Blur da Motorola, e dispõe as atualizações sociais em uma interface que parece simular cartas voando. Nela você confere SMS, últimas ligações, Twitter e o Facebook. Não é muito útil, pois não há muitas funções ou carregamento rápido, mas é bonita.

Escrever no Xperia Neo é um pouco complicado. Por ter 3,7 polegadas (e não 4), o teclado virtual QWERTY fica superapertado na vertical. Até com dedos não muito grandes há dificuldade para se digitar. Digitar segurando o aparelho com as duas mãos melhora um pouco o desempenho.

Hardware e processamento

Falamos aqui de um smartphone com processador de 1GHz Scorpion, GPU Adreno 205, Qualcomm MSM8255 Snapdragon. Infelizmente são apenas 512 de RAM, mas ele se saiu muito bem em nossos testes de benchmark no aplicativo Quadrant, ficando acima de aparelhos como Galaxy S e Droid X.

O Xperia Neo foi capaz de exibir vídeos em alta definição e rodar jogos pesados sem engasgar. As transições, apesar de macias, não são muito rápidas, mas é provável que isso seja mais por causa do sistema do que do próprio processador.

Em conexões, não há do que reclamar. Com Wi-Fi n/b/g, GPS e A-GPS, Bluetooth 2.1 e Quad-band, o smartphone vem também com sensores como acelerômetro, bússola, proximidade e luz. Ele já vem com a possibilidade de funcionar como hotspot, fornecendo internet para até cinco dispositivos; e tem também conexão via DLNA para eletrônicos que possuam a mesma tecnologia. Para finalizar, ele já vem com suporte ao protocolo SIP, que permite fazer ligações VoIP sem qualquer aplicativo extra.

Câmera

Quando o assunto é foto e vídeo, a Sony Ericsson não brinca em serviço. No Xperia Neo, temos uma respeitada câmera de 8 megapixels com autofoco e flash LED. Ela possui botão físico dedicado – o que costuma ser útil –, mas possui o recurso touch focus, onde é possível tocar a tela no local onde se deseja focar, e ele funciona muito bem.

Existem outros recursos legais, como o geotagueamento, detecção de rosto e sorriso, câmera frontal VGA para fotos e videochamadas. Não há muitos ajustes disponíveis, apenas o básico, mas para fotos tão boas não há do que reclamar.

Xperia Neo (Foto: Stella Dauer)Microfone extra do Xperia Neo para captar melhor o som na hora do vídeo (Foto: Stella Dauer/TechTudo)

Diferentemente de muitos smarts que vemos por aí, o Neo se sai bem no vídeo! Além de ser HD, ele segura bem a iluminação e não fica muito granulado. O foco é contínuo e rápido, e se ficar escuro demais é possível ligar o LED de ajuda. Há um microfone extra na traseira que melhora a recepção de áudio do vídeo.

Toda essa qualidade de imagem deve-se ao sensor CMOS Exmor R da Sony para celulares, que permite capturar fotos e vídeos brilhantes, de alta qualidade, em baixa luminosidade.

Acessórios

No site da Sony Ericsson encontramos alguns acessórios à venda, como o carregador por indução e diversos fones de ouvido. Na caixa do Neo encontramos, além do aparelho, um par de fones de ouvido intra-auriculares, cabo USB, carregador (que só funciona com o cabo incluso), cabo HDMI, borrachinhas extras para os fones e alguns papéis. Destaque por vir com o cabo HDMI.

xperia neo (Foto: Stella Dauer)Acessórios inclusos na caixa do Xperia Neo (Foto: Stella Dauer/TechTudo)


Aplicativos

Assim como em seus notebooks, a Sony adora colocar muitos aplicativos em seus gadgets. Temos o TrackID para reconhecer músicas, suíte office, servidor de mídia e o gerenciador do LiveWare, que permite definir ações quando algum dispositivo é conectado ao Neo, como fones de ouvido, headsets e carregadores.

Na área de contatos, é possível mesclar informações do Exchange ActiveSync, do Gmail e do Facebook. O navegador (padrão do sistema) aceita o Flash 10.1 e funciona bem, com pinch to zoom (zoom com pinça) e boa velocidade.

Graças ao Gingerbread, temos muitos aplicativos do sistema bem atualizados e melhores: Mapas, Gmail, Gtalk e outros estão mais bonitos e quase tão funcionais quanto os do computador. Também temos a presença do aplicativo Livros, que permite acessar o acervo do Google Books, cheio de livros gratuitos e de domínio público. É possível ler a versão digital ou dar uma olhada na página original.

Música e mídia

O som com os fones intra-auriculares é perfeito. O estéreo é ótimo, graves e agudos equilibrados e um som bem alto. O externo é bom se você deixar a tela virada para baixo, e ainda assim fica um pouco “lata de sardinha”. O tocador vem com um equalizador com perfis pré-definidos, mas não notamos diferença entre eles.

xperia neo sem tampa (Foto: Stella Dauer)Visão do Xperia Neo sem a tampa (Foto: Stella Dauer/TechTudo)

No vídeo, ele também se sai bem. Já que tem conexão microHDMI, você pode reproduzir vídeos em Full-HD (1080p) e assistir tudo em sua HDTV.

O Neo conta com os recursos Reality Display com sistema Mobile BRAVIA Engine, disponibilizando contraste aprimorado, cores mais ricas e nítidas. Ou seja: ver vídeos nessa boa tela de LED também é muito confortável. E se você tiver uma TV da Sony, pode controlar o celular pela TV (é necessário ser compatível com CEC), acessando vídeos e fotos.

Bateria e armazenamento

A bateria dele é muito boa. Com Internet ligada, aguentou tranquilamente mais de 12 horas (sem fazer push mail). Com música e push mail, esse número cai drasticamente, mas ainda temos por volta de 6 horas de uso pesado. Ele só tem 320 MB de armazenamento interno, mas vem com um cartão microSD de 8 GB que pode ser expandido em até 32 GB.

Tela 3.7 polegadas  
Resolução de tela 480 × 854 pixels  
Sistema operacional Android 2.3.3 Gingerbread  
Rede GSM/EDGE/3G 
Armazenamento 320MB internos + microSD de 8GB  
Câmera 8 megapixels  
Flash Sim  
Conectividade Wi-Fi n/b/g / GPS com A-GPS / Bluetooth 2.1 
Sincroniza com PC Sim
 Dimensões116 x 57 x 13 mm 
Peso
126g  
Autonomia de bateria Até 400h em stand-by / Até 7h em conversação 
Itens inclusos Aparelho, bateria, cabo USB, carregador, fones de ouvido com borrachas extras e cabo HDMI  



Nota TechTudo

NOTA tt
7.6
Design
6
Desempenho
8
Tela
8
Câmera
8
Custo-benefí­cio
8

Prós

  • Boa tela
  • Ótimas fotos e vídeo HD
  • Android 2.3

Contras

  • Design esquisito
  • Interface modificada
  • Usabilidade
Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares