Diablo 3

Diablo 3

9.0
OPINIÃO DOS USUÁRIOS

Diablo 3: a saga de RPG de ação está de volta com uma aventura completa

Felipe Vinha
por Felipe Vinha em 30/10/2017 16h31

Diablo 3 é o terceiro capítulo da famosa série de RPG de ação da produtora Blizzard. O game está disponível para PC, PS4, PS3, Xbox One e Xbox 360,  e apresenta uma aventura dividida em atos, na qual o jogador precisa, novamente, avançar entre hordas de monstros para salvar o mundo de mais uma ameaça das profundezas. O título foi lançado mais de 10 anos após o anterior, Diablo 2, o que gerou muitas expectativas nos fãs.

O game começou a ter novidades no meio deste tempo e, desde então, muitas foram as novidades, inovações e até decepções que os jogadores tiveram. As primeiras imagens mostravam um pouco do “novo visual” que Diablo 3 adotaria, o que deixou algumas pessoas desanimadas. O aspecto sombrio dos jogos originais havia dado lugar a algo mais vivo, colorido e, principalmente, claro. Era tudo que a saga “não” precisava, na opinião de quem curtia, o que levou a Blizzard a mudar seu design.

Quando lançado, o título provou que os temores eram desnecessários e o jogo agradou não somente a fãs, mas também a quem jogava pela primeira série. Tudo isso graças a um visual que não chegava a ser tão sombrio, mas que também não desrespeitava os clássicos, além da jogabilidade acessível.

A série começa em um tempo de um conflito sem fim, chamado Guerra Eterna. Os anjos do céu e uma legião do inferno estão em constante embate. No meio dessa batalha, um grupo de anjos rebeldes criou com a Pedra do Mundo o continente Santuário, que se tornou uma região de paz escondida. Essa tranquilidade, porém, não durou muito.

Na história de Diablo 3, 20 anos se passaram desde que os Males Supremos foram derrotados e banidos do mundo de Santuário. Agora, cabe ao personagem do jogador voltar para onde tudo começou – a pequena cidade de Tristram – e investigar a suposta queda de uma estrela, o primeiro indício do renascimento do mal e o presságio para o Fim dos Dias.

No game, o feiticeiro Deckard Cain aparece com sua sobrinha, Leah, quando um cometa de fogo segue em direção à catedral de Tristam. O jogador precisa descobrir a relação desse astro com os eventos estranhos que acontecem naquela região. Assim, é possível jogar com cinco classes de heróis distintos – bárbaro, feiticeiro, arcanista, monge e o caçador de demônios –, e cada um deles tem uma variedade de feitiços e habilidades.

O mundo de Santuário também apresenta novas áreas externas e internas. Além disso, novos ambientes interativos, com várias armadilhas e obstáculos, foram criados. O jogo possui quatro opções de dificuldade – Normal, Pesadelo, Tormento e Inferno -, o que o deixa ainda mais desafiador, caso o jogador deseje.

Diablo 3 apresenta uma jogabilidade de fácil acesso. Qualquer um pode sentar na cadeira do computador e aprender em poucos minutos como lidar com os inimigos. Com o mouse, posicionamos onde queremos nossos personagens em um dos botões, enquanto no outro, atacamos sem dó nem piedade nossos alvos.

Cada um dos personagens possui suas próprias habilidades. O arcanista, por exemplo, pode atacar à distância com magias e outras habilidades, enquanto o bárbaro precisa chegar perto para acabar com os alvos, graças à sua força bruta. Da mesma forma ocorre com o monge, que prefere uma abordagem de proximidade, apesar de não ser tão forte quanto o guerreiro, mas, por outro lado, é mais rápido.

Saber lidar com cada classe e descobrir qual sua favorita é o segredo para se dar bem em Diablo 3. O ideal é que o jogador teste um pouco de cada uma e aventure-se em alguns minutos do jogo para ver como se sai com todas elas, para que assim saiba o caminho a seguir.

Mas não pense que seu herói escolhido vai sair sozinho por aí. Caso o jogador opte por isso, ele terá uma companhia controlada pelo computador, que vai ajudar durante as explorações dos mapas e masmorras. Chamados de seguidores, o jogo base conta com três no total – templário, vigarista e sibila -, novamente cada um com suas respectivas habilidades.

Diablo 3 utiliza um sistema de geração aleatória de mapas. Isto é, seu jogo nunca vai ser o mesmo duas ou mais vezes. Sempre que for se aventurar no mundo do game, verá um cenário diferente e com inimigos distintos.

Os monstros mudam de lugar, assim como baús de itens e os objetos deixados por inimigos abatidos. Mesmo que jogue com um amigo, seu cenário vai ser totalmente diverso. Há um único item que não muda: a cidade principal, onde é possível vender e trocar itens, construir novos objetos, salvar o progresso e obter dicas de outros personagens controlados pelo computador. Mas, lá, não se encontra inimigos.

Um dos pontos mais divertidos de Diablo continua intacto neste capítulo: a caça aos itens. Cada monstro derrotado pode “dropar” objetos, como os jogadores falam, o que vai de acordo com a sorte de cada um. Estes itens podem ser armas e equipamentos raros ou apenas lixo que deve ser descartado ou vendido.

Os materiais podem ser equipados no momento em que são encontrados e sua raridade segue o mesmo esquema que os fãs de Diablo já conhecem. Alguns itens mágicos vêm com a cor azul ao redor, enquanto outros mais raros ou lendários podem ter um contorno amarelo ou dourado. É bom sempre saber identificar seus equipamentos, para que não perca nenhum detalhe entre as batalhas – e consequentemente não perca também a oportunidade de ficar ainda mais poderoso.

Diablo 3 possui um robusto sistema de multiplayer. Por ser sempre online, o jogo está constantemente aberto para que você entre na partida de um amigo ou vice-versa. Isso facilita bastante a comunicação entre duas pessoas que quiserem jogar juntas, por não ser preciso estarem na mesma parte do jogo para que um ajude o outro.

Há ainda o modo competitivo, o famoso “modo arena”, que era muito popular em Diablo 2 e chegou nesta edição com novidades. Aqui é possível fazer diferente: desafiar um amigo online e ver quem é o mais forte. Para jogar o competitivo, é preciso falar com o personagem Nek, o Brigão, na cidade de cada ato. Gamers mais antigos, porém, podem estranhar uma novidade neste modo de jogo : não é possível morrer de forma permanente e perder todos os seus itens e progresso, algo que era um cenário comum na versão anterior.

Diablo 3 mostra ser uma aventura completa em diversos aspectos, seja pelo desafio ou pela quantidade de novidades apresentadas aos jogadores. Ainda que sua acessibilidade tenha ficado em alta nesta versão, fãs mais antigos podem aproveitar e se sentir em casa. Baixe agora e vá caçar criaturas das trevas!

Fotos

Opinião dos usuários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

avatar
Qual a sua nota?

Escreva a sua opinião:

0
Agora não
Baixar para baixar
mais infos +

downloads

tamanho do download

Licença

Idioma

Desenvolvedor

Blizzard

Versão

Review

NOTA tt
9.0

Depois de quase uma década de espera, finalmente Diablo 3 chegou aos PCs de todo o mundo. Neste review, mostraremos que toda essa (longa) espera valeu a pena, e mesmo sendo lançado no início de 2012, já aponta como o favorito ao prêmio de Melhor Jogo do Ano.Confira:

Opinião dos usuários

Fórum

Você ficou com alguma dúvida sobre Jogos de RPG ? Visite o Fórum TechTudo e peça ajuda para a comunidade.

Você vai gostar

Veja tudo sobre Jogos de RPG