Firefox

Firefox

8.8
OPINIÃO DOS USUÁRIOS

Firefox é um dos navegadores mais famosos do mercado com novo visual

Edivaldo Brito
por Edivaldo Brito em 24/08/2015 18h05

Firefox é um navegador web de código aberto e multiplataforma com versões para Windows, OS X, Linux e Android, em variantes de 32 e 64 bits, dependendo da plataforma.

O programa é desenvolvido pela Mozilla Foundation, uma organização sem fins lucrativos que mantém todo o software e mais alguns projetos de código aberto, além de ser responsável por produzir documentação relacionada à internet e promover padrões web abertos.

Bastante completo, o Firefox possui suporte para extensões, navegação por abas, alerta contra sites maliciosos, suporte para sincronização de informações (histórico de navegação, senhas, favoritos e até mesmo abas abertas), gerenciador de senhas, bloqueador de janelas pop-up, pesquisa integrada, corretor ortográfico, gerenciador de downloads, leitor de feeds RSS e muitos outros recursos.

Além de ser multiplataforma, o Firefox também suporta diferentes linguagens, incluindo o português do Brasil.

Origem do navegador

O Firefox é baseado no componente de navegação da Mozilla Suite/SeaMonkey, que teve sua origem no antigo navegador Netscape Navigator, o qual teve seu código fonte disponibilizado pela Netscape para a Mozilla Foundation. Nas etapas iniciais de desenvolvimento em 2002, o programa foi chamado de Phoenix, Firebird e, depois dos problemas decorrentes desses nomes, em 9 de fevereiro de 2004 passou a ser chamado de Firefox.

Firefox Portable

Para quem não quer instalar o navegador, existe também uma versão portátil do Mozilla Firefox, otimizada para uso a partir de pen drives.

Como o Firefox Portable salva os dados no dispositivo onde está instalado, é possível levar seus favoritos e extensões a qualquer lugar, sem modificar arquivos do computador que estiver usando. Porém, nem todos os plugins podem ser instalados nesta versão. O Java, por exemplo, precisa estar instalado no sistema operacional.

Apesar do Portable ser a partir do Mozilla Firefox, ele não é um programa criado ou mantido pela Mozilla.

Versão para Android

Existe uma versão do Firefox para o sAndroid. Ele pode ser instalado através da loja Google Play ou o usuário pode simplesmente fazer o download do apk de instalação direto da Mozilla e instalar ele manualmente.

Suporte a Plugins e ad-ons

Uma das características mais marcantes do Firefox é o seu suporte aos plugins das principais tecnologias da atualidade como Java, Flash Player, Silverlight, QuickTime e outros.

O navegador também suporta add-ons ou complementos, que são aplicativos que permitem personalizar o Firefox com estilos ou recursos extras. E é exatamente nos add-ons que o navegador se destaca: existe uma grande quantidade de programas dessa categoria, feito especificamente para o navegador.

A polêmica do bloqueio de plugins

Apesar do suporte a plugins ser importante, ele também traz problemas para o navegador. Ciente disso, a Mozilla já chegou a bloquear o Java algumas vezes por causa de problemas de segurança e falta de correções. Seguindo a mesma tendência, o Flash Player também foi bloqueado na inicialização do navegador e passou a ser ativado apenas quando o usuário quisesse.

Usando o Firefox offline

O Firefox possui um recurso que permite trabalhar offline. Quando está ativo, o usuário pode acessar as versões dos sites que você visitou recentemente.

A funcionalidade pode ser muito útil para quem precisa ver um site visitado e está sem uma conexão a Internet no momento, ou simplesmente não quer se conectar para ver uma página que já está armazenada no disco.

Firefox OS

O Firefox cresceu tanto que a Mozilla criou um sistema operacional mobile baseado nele e no Linux: o Firefox OS. O sistema é baseado no motor de renderização da Mozilla, o Gecko que roda sobre um kernel do Linux e um userspace de Hardware Abstraction layer (HAL) chamado Gonk. Ele inicia diretamente em sua interface touch que, por baixo do capô, utiliza o motor de renderização Gecko do Firefox para executar aplicativos.

O Firefox OS exibe uma tela simples com ícones de programas, que, na verdade, são somente web apps. Ou seja, são construídos basicamente em Java Script e HTML5, o que permite que eles sejam rodados também em navegadores web.

Canais do Firefox

Para testar e avaliar os futuros recursos de seu navegador a Mozilla trabalha em três versões do mesmo, que são disponibilizados em canais, antes de se tornar a versão estável. Na prática, o Firefox possui três versões sendo desenvolvidas simultaneamente. Cada uma passa por num dos 3 ciclos (canais) de 6 semanas (chamados de Nightly, Developer Edition/Aurora e Beta). Portanto, novas versões do Firefox sempre são lançadas nesse intervalo de 6 semanas.

Raposa ou Panda? Raposa de fogo ou Firefox?

Apesar do nome do navegador remeter a uma raposa, o animal mostrado no ícone é na verdade um panda vermelho estilizado. A associação com o animal acontece porque o panda vermelho também é conhecido como raposa de fogo (Firefox, em inglês), ou gato de fogo.

Concorrentes

Atualmente o Firefox é um concorrente direto do Chrome, IE (Internet Explorer), Microsoft Edge, Opera e tantos outros navegadores menores que surgiram nos últimos anos. O mais interessante é que alguns desses concorrentes utilizam o mesmo motor de renderização do Firefox: o Gecko.

Nossa opinião

O maior mérito do Firefox é, obviamente, todo a sua flexibilidade, compatibilidade e alcance. Ele é um navegador que pode ser usado na maioria das plataformas e sua interface possui pouca diferença de uma para outra.

O Firefox é um navegador com muitos recursos, suporte a múltiplas plataformas, plugins e complementos. Isso, no entanto, também tem sido seu "Calcanhar de Aquiles". Ele não chega a ser lento, mas por causa de tantos recursos, cada vez mais ele tem se tornado um devorador de CPU e de memória, chegando a consumir mais de 1 GB de RAM com poucas abas abertas ou com o Flash Player ativado. Em alguns momentos, o browser chega até mesmo a engasgar, sendo necessário fechá-lo a força.

A interface do navegador poder ser muito boa de usar em alguns dispositivos com tela touchscreen. Isso graças a seus ícones grandes. Contudo, em alguns aparelhos isso nem sempre acontece. Infelizmente, ainda falta à interface do Firefox um padrão responsivo que se ajuste a todo tipo de tela.

Devido ao seu desenvolvimento aberto, porco depois do lançamento do Windows 10, O Firefox já tinha lançando uma versão adaptada ao novo sistema. Com isso, o navegador foi um dos pioneiros na nova plataforma.

Prós
  • Pode ser usado na maioria das plataformas
  • Possui suporte a múltiplas tecnologias, padrões, plugins e complementos
  • Interface pode ser muito boa de usar em alguns dispositivos com tela touchscreen
  • Já possui versão adaptada para o Windows 10
Contras
  • Pode se tornar um devorador de CPU e memória
  • Em alguns aparelhos touchscreen a interface fica ruim de usar

Fotos

Opinião dos usuários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

avatar
Qual a sua nota?

Escreva a sua opinião:

0
Agora não
avatar

Alexandre Magno Teles Zimerer

26 de Fevereiro de 2015
O Firefox perdeu muito espaço para as funcionalidades de desenvolvedor que já vem nativo no Chrome.
avatar

Ivanete

31 de Maio de 2015
O Firefox não roda no Windows Fone?
avatar

Alexandre Moreno Castellani

09 de Março de 2015
Por muito tempo, a melhor alternativa ao IE.
avatar

Gustavo Souza da Luz

27 de Fevereiro de 2015
É mais lento e consome mais memória que os principais concorrentes, mas é o único dos grandes navegadores com o código totalmente aberto.
avatar

Ivanete

31 de Maio de 2015
O Firefox não roda no Windows Fone?
avatar

Alexandre Moreno Castellani

09 de Março de 2015
Por muito tempo, a melhor alternativa ao IE.
avatar

Gustavo Souza da Luz

27 de Fevereiro de 2015
É mais lento e consome mais memória que os principais concorrentes, mas é o único dos grandes navegadores com o código totalmente aberto.
avatar

Alexandre Magno Teles Zimerer

26 de Fevereiro de 2015
O Firefox perdeu muito espaço para as funcionalidades de desenvolvedor que já vem nativo no Chrome.
Baixar para baixar
mais infos +

downloads

tamanho do download

Licença

Idioma

Desenvolvedor

Mozilla

Lançamento

25/09/2014

Versão

Nossa Opinião

NOTA tt
8.8

O maior mérito do Firefox é, obviamente, todo a sua flexibilidade, compatibilidade e alcance. Ele é um navegador que pode ser usado na maioria das plataformas e sua interface possui pouca diferença de uma para outra.

Opinião dos usuários

Fórum

Firefox

Você ficou com alguma dúvida sobre Navegadores ? Visite o Fórum TechTudo e peça ajuda para a comunidade.

Você vai gostar

Veja tudo sobre Navegadores