Câmera

01/02/2011 15h13 - Atualizado em 14/07/2011 07h05

Gosta de foto e filmagem? Conheça as câmeras HDSLR

Marcelo Souza
por
Para o TechTudo

A ideia deste artigo, é essa, dar um pequeno Overview para o leigo em HDSLRs (câmeras fotograficas semi-profissionais que também filmam), sem entrar em descrições técnicas ou Side-by-side de features. O objetivo é apresentar aos leitores esse novo mundo de “filmadoras”, e te fazer entender exatamente o porquê dessas aspas no nome.

Mini câmeras de cinema digital, agora acessiveis a nós mortais… Isso está revolucionando o mercado de uma maneira muito rapida e se você gosta de cinema/filmagem e relacionados você vai gostar bastante dessas pequenas notáveis.

Vou começar falando um pouco da diferença básica entre essas cameras digitais e das compactas comuns, pois muitas dessas compactas, atualmente também filmam, mas lendo este artigo você vai perceber que elas não tem nada a ver com as HDSLR. Vamos explicar este termo...HDSLR, começando pelas SLR.

O que é e como reconhecer uma SLR?

O Termo está relacionado ao sistema de condução da luz/imagem até o sensor (nas digitais) ou filme (nas analógicas). Simplificando, a imagem chega ao sensor/filme, por rebatimento de um espelho. Por isso o termo Reflex. Existem máquinas que parecem reflex, mas não são (Sony Serie H, por exemplo). E, é bem fácil identificar uma reflex só de pegar e olhar pelo “ViewFinder”.

Toda camera Reflex tem um viewfinder óptico que funciona mesmo com a câmera desligada, ou seja, pegando a câmera e olhando o viewfinder, você verá a imagem que entra pela lente já como ela será captada pelo sensor da câmera. Geralmente essas câmeras fazem um barulho, no momento da foto, muito característico. Um “CLE-CLECK” geralmente bem sonoro. Esse barulho, vem não só do diafragma se fechando, como também, do tal “espelho” girando dentro da caâmera. Esse espelho comuta a projeção interna da imagem do ViewFinder para o Sensor.

Trocando em miúdos, toda câmera que tem “cara” de Profissional e de SLR, e que trocam as lentes, são SLR. Ou praticamente todas, pois algumas imitam o visual, mas não são Reflex reais. Essas câmeras sempre serviram somente para tirar fotos. E existem a anos. Sendo que os modelos analógicos são chamados de SLR (singles lens reflex).

Com a avalanche do mundo digital invadindo a fotografia, naturalmente as SLR receberam “primas” mais modernas, as DSLR (Adivinha de onde vem o “D”? ).

Porém, os fabricantes não se contiveram em criar somente SLR Digitais, e deram mais um pulo pra um mercado até então inimaginavel pras SLR. A Filmagem. Sim! Surgiram as DSLR que filmavam e em resolução HD e FullHD. E assim foram batizadas de HDSLR. Portando ficamos assim:

SLR - Cameras REFLEX analogicas; Tiram fotos usando filme;
DSLR – Cameras Reflex, digitais; Somente tiram fotos em formato digital;
HDSLR – Reflex, que tiram fotos digitais e também filmam em res. HD;

Mas qual a vantagem de se ter uma máquina fotografica que filma?

Essa é fácil. A qualidade de imagem, por conta de uma ótica normalmente MUITO melhor do que a encontrada nas filmadoras. Isso aproxima o material filmado ao material fotografado em termos de features visuais/qualidade. Fora que filmadoras Amadoras/Semi-Pro tem lentes fixas limitando muito tanto a qualidade quanto a versatilidade das trocas de lentes, profundidades de campo variadas, ranges de zoom/macro variados, e tudo mais.

Além de algumas outras vantagens, as HDSLR nativamente (em sua maioria), suportam filmagem a 24 quadros reais (24p), o mesmo framerate das câmeras de cinema, dando um look nas filmagens, sem muito esforço. Onde a maioria das câmeras de vídeo tem uma imagem de “vídeo”, com 30 FPS (29,97fps), elas também nativamente gravam os vídeos em formatos lidos diretamente por qualquer computador.

Fora que, mesmo que algumas filmadoras tenham capacidade de tirar fotos, quase sempre são stills de vídeo, com qualidade e resolução MUITO inferior aos stills de uma câmera fotográfica real. Então é uma função a mais a favor das HDSLR se você também gosta de fotografia. Você tem o melhor dos mundos.

Mas nem tudo são flores, as HDSLR tem seus problemas, claro. Como não são feitas pra vídeo sua “pegada”, anatomicamente falando, é de camera fotografica, e não moldada para filmagens, principalmente longas. Para sanar isso, o mercado das HDSLR, está tomado de acessórios diversos para melhorar cada vez mais a experiência de uso delas.

Uma das coisas que causou um BOOM das HDSLR foi a qualidade de imagem sem muita produção ou preparação. Podemos dizer que as HDSLR são mini-câmeras de cinema digital com custo muito acessível variando de U$600 a U$2500 dolares em média. E mesmo nas mais baratas você tem uma imagem geralmente MUITO mais bonita do que de uma camera convencional de video, muitas vezes até mais cara.

Still, do curta (Reviere) de Vincent Laforet, feito com a Canon Mark II (Foto: Divulgação)Still, do curta (Reviere) de Vincent Laforet, feito com a Canon Mark II (Foto: Divulgação)

Por isso as HDSLR sofreram um BOOM no mercado Indie/alternativo de "filmmakers" e de realizadores/estudantes de cinema que de uma hora pra outra tiveram acesso a câmeras, similares as de cinema digital em alguns aspectos e com um resultado na tela muito agradável tanto pra produção autoral quanto comercial. Muitas dessas cameras literalmente são usadas em comerciais de TV com altissima qualidade visual, onde antes a hegemonia era da câmera RED (Cinema digital).

As HDSLR são uma alternativa viável para substituir as REDs em takes/filmes específicos onde por exemplo, não se consegue usar uma RED pelo seu tamanho e manuseio complicado que demanda vários operadores. Nos entremeios da produção sabemos que o buraco é mais embaixo, e a opção por escolher uma ou outra câmera para determinada produção depende de "trocentos" fatores. Algumas vezes, se bem utilizado, se consegue até misturar num mesmo filme uma HDSLR (uma Canon 5D Mark II por exemplo) e uma RED. Se você pensar na diferença absurda de custo entre essas câmeras, e no resultado que elas dão lado a lado, terá certeza de que usar uma HDSLR é uma opção que viabiliza muitas produções menores sem perda grande de qualidade.

O modelo que mais se popularizou com os FilmMakers, foi a Canon 5D Mark II. A sua versão anterior (Somente DSLR) já era extremamente famosa no meio da fotografia tida com uma das melhores e mais populares cameras FullFrame (Sensor do tamanho de 35mm) do mercado. Quando o modelo MARK II (HDSLR/que filma) foi lançado o BOOM foi enorme. Mesmo apesar do preço elevado (por volta de 10-12 mil reais a uns anos atrás), ainda infinitamente inferior ao de uma câmera similar com mesma qualidade de imagem/captação.

Diversas produtoras começaram a comprar e a testar as MARK II em filmagens comerciais com muito êxito e a mesma se tornou um ícone do novo cinema digital, criando uma legião enorme de fãs e usuários no mundo todo com sites dedicados e toneladas de acessórios diretamente relacionados à produção cinematográfica usando essas pequenas notáveis.

 

Canon EOS 5D (Foto: Divulgação)Canon EOS 5D (Foto: Divulgação)

Em outros artigos, posso me aprofundar mais nas diferenças entre as opções de mercado e os contras/prós de se utilizar uma HDSLR para filmagens sérias ou mesmo Cinema Digital. Como elas se comportam em situações de luz variadas ou mesmo onde elas são melhor aplicadas, para se utilizar o melhor dessa tecnologia.

A seguir um excelente exemplo do bom uso das HDSLR:

Egypt / Lebanon Montage from Khalid Mohtaseb on Vimeo.

É isso. Espero que tenham gostado e que esse seja o primeiro de muitos artigos relacionados ao cinema digital, equipamentos, e etc. Em breve, postarei um novo artigo falando sobre as opções mais populares e acessiveis dentro da familia Canon de HDSLRs, para te ajudar a escolher o melhor equipamento para seu bolso/objetivos.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Eduardo Mendes
    2011-02-02T14:33:57

    Muito bacana! Bem legal que todos tenha acesso às novidades, sem névoas na informação. Tenho feito trabalhos com duas Canon e os resultados são realmente muito bons. Alguns deles, aqui: www.vimeo.com/seiseum