25/03/2011 14h12 - Atualizado em 14/07/2011 06h57

NeuroFocus Mynd, um sensor sem fio que lê seus pensamentos

André Luiz de Mello Pereira
por
Para o TechTudo
NeuroFocus (Foto: Reprodução)NeuroFocus (Foto: Reprodução)

A ideia de ter um headset com o poder de rastrear e armazenar qualquer atividade cerebral de quem o usa pode soar um pouco absurdo, mas é realmente esta a proposta das pessoas que trabalham na NeuroFocus, com seu mais novo equipamento chamado Mynd. Segundo a NeuroFocus, o Mynd é capaz de fazer uma cobertura total do cérebro, apenas usando uma matriz densa de sensores de encefalograma. Ele é capaz de capturar ondas cerebrais 2.000 vezes por segundo.

Além disso, a empresa ainda afirma que, após o usuário colocar o headset, as atividades cerebrais serão capturadas através do córtex inteiro, enquanto o módulo Bluetooth estará ativado e poderá ser facilmente conectado com outros serviços de Bluetooth também, fazendo com que seja bem fácil enviar seus pensamentos para algum tablet, computador, celular ou qualquer outro dispositivo que use a tecnologia Bluetooth.

Enquanto o Mynd ainda não tem um nível de aplicabilidade no mercado consumidor popular, ele poderá ser muito útil para empresas que fazem pesquisas avaliando reações cerebrais, pois assim elas poderão ter um mapa claro e rápido do cérebro em atividade para determinados estímulos pré-determinados pelo pequisador.

Aparentemente, a NeuroFocus tem grandes planos para o seu Mynd, como lançá-lo em vários mercados internacionais e em todos os laboratórios de testes neurológicos que se interessem pela tecnologia. Pelo menos ainda não há previsão para este produto ser lançado para o consumidor normal, talvez pela dificuldade de produção, encarecendo o preço do produto para usuários comuns.

Via: Engadget

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares