Tablet

15/04/2011 18h43 - Atualizado em 14/07/2011 06h54

Notebook, Netbook, Tablet, All-in-one, Desktop ou Smartphone? Conheça as diferenças e saiba qual o melhor para você

Gustavo Ats
por
Para o TechTudo

Notebooks, Netbooks, Tablets, All-in-One, Desktops, Smartphones, ... Tantos gadgets diferentes com funções tão parecidas acabam nos deixando confusos. Pra falar a verdade, até o público especializado fica meio confuso com tanto gadget diferente. Então, para desmistificar o assunto de uma vez, a equipe do TechTudo resolveu preparar este guia completo sobre todos esses gadgets.

Entendendo um pouco sobre o funcionamento e as limitações de cada um, pelo menos, você poderá escolher com mais facilidade aquilo que responde melhor às suas expectativas. Por exemplo: Comprar um smartphone pode não resolver o seu problema se o seu caso for trabalhar com textos grandes; mas pode ser a sua solução para ler todos os e-mail recebidos assim que chegarem à sua caixa postal.

Um pouco de história

Antigamente tudo era resolvido com papel, até que apareceram Bill Gates, Steve Jobs e outras figuras menos conhecidas e introduziram os computadores pessoais no mercado. Hoje, trinta e poucos anos depois, a tecnologia evoluiu, e já existem milhares de gadgets cujas funções são muito parecidas - e isso acaba deixando o consumidor meio confuso.

Até o fim da década de 1990, a gente só se preocupava em diferenciar um desktop de um notebook ou uma calculadora. Os PDAs estavam tentando entrar no mercado, mas além de custarem uma fábula, serviam apenas como agendas eletrônicas super desenvolvidas.

iMac G3 - Um dos primeiros All-in-One (Foto: Divulgação)iMac G3 - Um dos primeiros All-in-One (Foto:
Divulgação)

No final da década de 1990 a Apple ressuscitou e lançou o primeiro All In One de sucesso da história, o iMac (foto) e os iBooks – os notebooks da empresa, mas o alto preço desses computadores limitava o acesso a estes computadores por usuários menos abastados.

Em meados de 2003 o preço dos notebooks começou a cair, e os PDA ficaram restritos a vendedores e representantes comerciais, que usavam os aparelhinhos para registrar as vendas, ou executivos, que usava-no como uma agenda eletrônica.

Em 2007, no entanto, é que a confusão com os gadgets começou a surgir. Com os notebooks ficando cada vez mais potentes e com seus preços decrescentes, alguns usuários com um pouco mais de dinheiro (Classe A e B) já preferiam comprar os portáteis. Nesse mesmo ano, a Asus anunciou o desenvolvimento do primeiro netbook, o EEE PC, que seria lançado no ano seguinte; e a Apple lançou também o que seria o smartphone de maior sucesso até hoje, o iPhone, com funções que incluiam acesso a internet via Wi-Fi, download de aplicativos e muitas outras coisas.

Na verdade, os smartphones são datados desde 1990 como um conceito da IBM, mas eles só foram se popularizar mesmo com a entrada da Apple no mercado.

Em 2010 foi a vez da Apple bagunçar ainda mais o mundo dos gadgets com o lançamento da "lousa mágica digital", o iPad. Junto com ele, várias empresas pegaram carona no sucesso, como a HTC, a Motorola, a Microsoft, e várias outras empresas de tecnologia. De qualquer maneira, novamente apenas a Apple popularizou uma ideia já existente. Antes do iPad, já existiam tablets, porém foi a empresa de Steve Jobs a responsável por popularizar esse tipo de computador.

Agora chega de papo e vamos ao que interessa: Quem é quem nessa história toda?

Desktops

Os desktops são os famosos computadores de mesa. É formado por vários componentes: teclado, mouse, monitor, gabinete (também conhecido como "torre", e erroneamente chamado de "CPU") e demais periféricos.

Desktop (Foto: Divulgação)Desktop (Foto: Divulgação)

As vantagens do desktop estão no baixo custo das peças, na facilidade de atualização (upgrade) e reparo, baixo custo de manutenção, e ainda costumam ter um desempenho bem melhor que os notebooks (já que as peças maiores acabam saindo mais baratas que as dos notes).

As desvantagens são: Ocupa bastante espaço, não há portabilidade (vai ficar carregando ele por aí?), alto consumo de energia e um monte de cabos espalhados atrás do rack.

Os desktops são ideais para escritórios, escolas e secretarias pelo seu baixo custo e por sua manutenção fácil, além de ser ótimo para pessoas que gostam de jogos virtuais, por sua facilidade de expansão e upgrade. Também é recomendado para quem quer apenas um computador consistente para a casa e que não precisa ficar levando o computador para todo lado.

All-in-One

AIO ou All-in-One é o nome dado àquele computador que tem todos os seus componentes montados em uma peça só. Assim como os desktops, eles são voltados para pessoas que não precisam tanto de um computador portátil, mas que são organizadas e não gostam daquele monte de cabos espalhados dentro de casa.

All-in-One (Foto: Divulgação/Acer)All-in-One (Foto: Divulgação/Acer)

A maioria dos AIOs vem com TV integrada, o que torna esses aparelhos ideais para pequenas salas de estar, quartos e outros ambientes.

Dentre as vantagens dos AIOs estão principalmente a facilidade de instalação do computador (é só plugar na tomada e usar) e no número reduzido de cabos.

As desvantagens estão no preço, na dificuldade de atualização (alguns possuem muitas peças de notebooks) e na pouca quantidade de configurações disponíveis.

Os AIOs são ideais para quem quer um computador fácil de instalar, com TV integrada e que ocupe pouco espaço em casa, mas não servem para quem exige muita portabilidade. Além disso, geralmente eles possuem um design bonito e são ótimos para economizar espaço.

Notebooks

Os notebooks, carinhosamente chamados de notes, são praticamente desktops portáteis. Geralmente eles tem drive de CD/DVD ou Blu-Ray e possuem quase a mesma potência dos computadores de mesa. Hoje em dia, o preço desses aparelhos está bem próximo ao dos desktops, mas com a vantagem de serem portáteis. Já é possível encontrar notebooks com desempenho fantástico (mais ou menos como os Alienware que rodam jogos muito bem).

Notebooks (Foto: Divulgação/Dell)Notebooks (Foto: Divulgação/Dell)

A principal vantagem dos notebooks é rodar praticamente todos os programas que um desktop, com um tamanho bem reduzido, além de não precisar estar ligado na tomada 24 horas por dia.

A desvantagem é que nem sempre dá pra encontrar um notebook com uma boa configuração para usos específicos. Além disso, sua manutenção deve ser feita por pessoas especializadas - e geralmente custam bem mais. Mas para quem precisa de um computador pra levar para cima e para baixo sem dispensar um bom desempenho, o notebook é a melhor opção.

Netbooks

A própria definição de netbook é confusa, mas comumente eles são menores e mais leves que os notebooks. Eles possuem uma ótima duração de bateria, mas infelizmente não vêm com drive de CD ou DVD - e geralmente, também por causa do tamanho, seu desempenho é sacrificado.

Netbook (Foto: Divulgação/Acer)Netbook (Foto: Divulgação/Acer)

As vantagens dos netbooks são: baixíssimo peso, portabilidade, duração da bateria e preço baixo.

As desvantagens são: tela e teclado em tamanhos reduzidos, baixo desempenho, ausência de drive de CD/DVD e dificuldade de manutenção.

Netbooks são indicados para pessoas que precisam de um notebook leve e pequeno para tarefas simples, como navegar na internet e editar textos. Mulheres, estudantes, palestrantes e pessoas que viajam muito certamente devem considerar a compra de um netbook, mesmo que este seja seu segundo computador.

Tablet PC

Tablet PC nada mais é que um notebook com touchscreen.

Tablet PC (Foto: Divulgação/Fujitsu)Tablet PC (Foto: Divulgação/Fujitsu)

As vantagens dele são: touchscreen e bom desempenho.

As desvantagens são: preço alto e a dificuldade de encontrar um tablet com boas configurações à venda.

São recomendados para pessoas que fazem questão de touchscreen mas não querem abrir mão do bom desempenho de um computador e dos programas para o Windows ou Linux.

Pelo alto custo, esse tipo de computador (por enquanto) só é indicado para quem realmente precisa do touchscreen, como profissionais que trabalhem com desenhos tridimensionais ou arte gráfica.

Tablets

Os tablets são computadores portáteis, sem teclado ou mouse, mas com tela touchscreen. O mais famoso, o iPad, por exemplo, possui uma tela muilti toque, com reconhecimento de gestos, como o movimento pinçado para operar o zoom.

A diferença deles para os netbooks está na arquitetura. Enquanto o notebook e netbook são baseados em processadores x86 (que dá para instalar Windows, Linux e rodar programas para essas plataformas), os tablets são baseados em processadores ARM, com sistemas operacionais parecidos com a de celulares.

iPad 2 (Foto: Divulgação)iPad 2 (Foto: Divulgação)

As vantagens são : tamanho reduzido, touchscreen, boa duração de bateria, facilidade de uso e portabilidade.

As desvantagens são: impossibilidade de upgrades nas peças internas (hardware), e a incapacidade para mudar de sistema operacional ou instalar programas feitos para PCs.

Tablets são mais adequados para pessoas que gostam de jogos ou para quem desejam estar sempre conectadas a internet, mas não acha o netbook portátil o suficiente. De qualquer forma, sua arquitetura, sem teclado nem mouse, dificulta a realização de algumas tarefas mais simples, como escrever textos grandes ou realizar tarefas que exijam tempo. Por outro lado, ele é fantástico para quem gosta de ler muita coisa e para consultas rápidas e frequentes na internet - em qualquer lugar.

Smartphones

O último ítem da nossa lista é o chamado smartphone, um telefone com centenas de funções - e até lojas de aplicativos. Geralmente eles funcionam como "mini tablets" que fazem ligações telefônicas.

O iPhone, por exemplo, é como um iPad reduzido, só que capaz de realizar ligações telefônicas. Alguns smartphones possuem, além da tela touchscreen, um teclado QWERTY, como o Milestone 2, que roda o sistema operacional da Google, Android. Eles são ideais para quem quer um telefone celular e adora ficar conectados à internet 24 horas por dia.

Motorola Milestone (Foto: Divulgação)Motorola Milestone (Foto: Divulgação)

Na verdade, o smartphone pode ser considerado um telefone com funções de computador. Geralmente eles acessam a internet tanto pelo Wi-Fi quanto pelo 3G, e possuem aplicativos diversos, como visualizador de documentos (Word, PowerPoint e Excel, inclusive), jogos e organizadores pessoais (veja aqui vários aplicativos), dentre vários outros.

As vantagens dos smartphones são: Hiper-portabilidade, possibilidade de fazer ligações telefônicas e facilidade de uso.

As desvantagens são: Tamanho pequeno e preço elevado, principalmente no Brasil.
 

Agora que você já entendeu as diferenças entre eles, pode começar a pensar em qual gadget comprar. Confera qual é o melhor de cada categoria nas nossas avaliaçõe de Tablets, Computadores (desktops e AIO), Smartphones e Notebooks (e netbooks).

Aproveite e veja também esta matéria (ao lado) do Jornal da Noite, que fala exatamente sobre esse assunto. E se quiser falar mais sobre o assunto, entre no nosso Fórum e troque uma ideia com outros usuários.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • eliseu filho
    2011-04-16T10:39:36

    eu tenho um tablet PC e ate um certo momento o achava um maximo. Tela touch, pratico e rapido, tinha como funçao girar e deitar a tela, fazendo com o tempo, quebrar o cristal liquido. Valor do prejuizo: R$ 1500,00.

  • Gustavo Ats
    2011-04-28T21:08:43

    Gente, calma.. Porque os Nets são ideais para as mulheres? Pelo mesmo motivo de serem ideais para para estudantes. Em geral, vemos mulheres com bolsas que comportam um netbook perfeitamente. Além disso, por causa do peso reduzido. Além disso, as mulheres se adaptam melhor aos nets, por causa dos dedos pequenos, das mãos pequenas e de serem - em sua maioria - mais delicadas, tanto que existem mais netbooks voltados ao público feminino do que os Notebooks propriamente ditos. Claro que se a mulher usa CAD, não dá pra usar um Netbook, não é?

  • Washington Dutra
    2011-04-17T16:40:58

    Qual o nome do CPU mostrado na matéria?

  • Zulmira Carvalheiro
    2011-04-16T20:27:27

    Como assim, "netbooks ideais para mulheres"?! Mulheres não precisam dos mesmos recursos que os homens? Lamentável constatar a persistência de tal discriminação.

  • Wagner Shimatai
    2011-04-16T20:16:20

    Eu tenho um TabletPC desde 2008 e até hoje ele ainda é uma máquina boa. Tem 3 GB de RAM e processador com núcleo duplo de alta performance. Em pleno 2011 esse meu tablet da HP ainda dá banho de performance em muitos notebooks.

  • Isabel Kieling
    2011-04-16T15:51:35

    Estava felliz com a matéria, lendo tudo, mas quando cheguei no netbook, fiquei abismada com a indicação do público alvo: mulheres. Muito machista e fora total de uso, para não dizer ridículo o comentário. O autor quer dizer que mulheres não precisam de notes e desk com maiores recursos? Não dá pra para acreditar que no portal do Globo.com existam pseudo jornalistas escrevendo bobagens, como este.

  • Roberto Braga
    2011-04-16T13:47:21

    Decidi facilmente: comprei todos!

  • Angel Morse
    2011-04-16T12:02:13

    netbook eh para mulheres.??????? sera que soh eu acho um absurdo um comentario desse.

  • Brown
    2011-04-16T11:25:57

    Desktop não é só o gabinete. A imagem deveria conter o monitor...

  • Gustavo Ats
    2011-04-28T21:18:09  

    @Washington: Cara é um gabinete meio antigo.. Não tenho certeza se é produzido ainda. @Valéria: Exato. É chato isso. Não dá pra entender pq as pessoas gostam de ver discriminação em tudo, principalmente quando publicados num portal do porte do Techtudo... Como diria o filósofo: A beleza está nos olhos de quem vê, e o tal Preconceito IDEM. @Brown: A Imagem é apenas ilustrativa.

    recentes

    populares

    • Gustavo Ats
      2011-04-28T21:18:09  

      Concordo... o comentário em nada me aborreceu... ao contrário... me sinto muito feliz em saber que fizeram algo pensando em nós...

  • Valéria Marques
    2011-04-16T22:22:03  

    Pessoal, deixem dessa mania de ver bullying em tudo, ok? A constituição física da mulher é menor que a do homem e, por consequência, seus DEDOS são menores. O autor ressaltou o tamanho do teclado no texto. Por isso ele fez alusão ao provável público alvo.Vocês sabem que os celulares são montados unicamente por mulheres por causa disso? Até os esportes são adaptados às mulheres. Isso não é ser inferior. É ser exclusiva.

    recentes

    populares

    • Valéria Marques
      2011-04-16T22:22:03  

      Concordo com vc Valéria... as pessoas estão vendo "ataques" em tudo que se diz... vamos olhar por outro lado... algo feito sob medida para nós né??? Abçs.