12/05/2011 19h59 - Atualizado em 14/07/2011 06h48

Conceito de relógio bracelete do designer Andy Kurovets

Eduardo Moreira
por
Para o TechTudo

Muita gente não usa mais relógios de pulso, uma vez que podem utilizar o relógio de seus celulares e smartphones. Mas existem alguns conceitos de relógios que aparecem na internet que faz muita gente repensar na sua escolha. Por exemplo, esse relógio em forma de bracelete, desenvolvido por Andy Kurovets.

Braceletes de Andy Kurovets (Foto: Divulgação)Braceletes de Andy Kurovets (Foto: Divulgação)

O relógio lembra uma obra de arte (e, na prática, é). Possui linhas arrojadas, cores que deixam o produto ainda mais elegante, e uma disposição bem interessante para mostrar as horas, deixando horas e minutos separados pelo espaço natural do bracelete.

Esta peça ganha na beleza externa e pela excelente solução desenvolvida para adornar o braço do usuário. Pode passar despercebido para os olhos mais distraídos. Afinal, dependendo da distância que você estiver, a única coisa que você verá é apenas um bracelete futurista, e não um relógio.

Esses conceitos de produtos tem uma importante finalidade para desenvolvedores e fabricantes. Mesmo que esses produtos não cheguem ao mercado, eles podem ajudar na concepção de outros itens igualmente interessantes. Nem todos os conceitos chegam ao mercado, mas acabam contribuindo de forma decisiva nos lançamentos futuros, ou na descoberta de profissionais que podem ser aproveitados na área de design de grandes fabricantes.

No caso desse relógio/bracelete, não há nenhuma informação sobre um possível lançamento do produto no mercado. Mas certamente vai inspirar fabricantes a trabalharem em soluções para a moda feminina, e despertar o desejo de alguns usuários em colocar novamente algum acessório no pulso para se orientar sobre o tempo.

Via: TechFresh

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares