28/07/2011 10h24 - Atualizado em 28/07/2011 10h24

Tecnologias que vão mudar nossos carros

Humberto Oliveira
por
Da Contém Conteúdo

A indústria automobilística passou por uma série de mudanças nos últimos tempos, lançando no mercado carros com uma quantidade cada vez maior de aparatos tecnológicos. Para começar, aparelhos de GPS se tornaram populares e passaram a vir de série em alguns modelos. Os rádios, por sua vez, agora permitem conectar o seu iPod e iPhone para ouvir suas músicas preferidas e fazer ligações através do bluetooth. Qual será a próxima novidade, então?

As mudanças não pararam. Em um futuro próximo, diversas tecnologias sairão dos laboratórios e ajudarão a tornar nossos carros cada vez mais seguros, econômicos e potentes. Vamos conhecer algumas dessas novidades que trarão cada vez mais conforto para os motoristas.

Piloto automático (Foto: Reprodução)Piloto automático? Ainda não. Vamos mostrar o que de fato já está chegando no mercado (Foto: Reprodução)

Conectividade avançada

Até pouco tempo atrás os carros eram um dos poucos lugares onde conseguíamos ficar realmente sozinhos e desconectados de tudo que acontece na internet. Mas com a popularização dos smartphones, sempre conectados, deu-se o primeiro passo para acabar de vez com esse exílio digital sobre rodas.

Os principais fabricantes estão investindo na criação de sistemas que vão conectar o seu carro a uma nuvem de dados, de onde ele poderá obter diversas informações úteis, como a situação do trânsito em determinada localidade em tempo real, ou uma lista de empresas e lojas nas redondezas (levantadas usando o GPS que virá embutido).

Em um futuro um pouco mais distante, o primeiro passo para o piloto automático será fazer com que os veículos comuniquem-se entre si e com a estrada, que terá uma série de sensores capazes de identificar a quantidade de veículos circulando por ela e otimizar ao máximo a situação do trânsito.

Displays HUD

Para dar conta de toda essa conectividade os designers automotivos precisarão se preocupar em encontrar uma nova forma de exibir todas as informações geradas por ela, e é justamente aí que entram os displays HUD. A sigla, do termo em inglês "Head UP display", é o nome dado aos instrumentos utilizado em aviões para fornecer detalhes sobre o voo diretamente no vidro à frente do piloto.

Além de apresentar a velocidade, os displays HUD podem exibir informações como a distância e as direções até o destino, e até servir de televisão, quando o carro estiver parado (Foto: Reprodução)Além de apresentar a velocidade, os displays HUD podem exibir informações como a distância e as direções até o destino, e até servir de televisão, quando o carro estiver parado (Foto: Reprodução)

A próxima geração de veículos contará com um para-brisa inteligente que exibirá não somente as informações básicas do veículo, como a sua velocidade e distância percorrida, mas também qualquer tipo de dado que seja transferido pelo sistema de conectividade. Até os mapas do GPS poderão ser exibidos diretamente nele, oferecendo uma excelente forma de se navegar por estradas desconhecidas.

Além dos sensores de obstáculos, os novos automóveis serão capazes de te dizer onde e quando houver problemas em sua mecânica (Foto: Divulgação)Além dos sensores de obstáculos, os novos
automóveis serão capazes de te dizer onde e quando
houver problemas em sua mecânica (Foto:
Divulgação)

Dispositivos de assistência

A automação sempre esteve presente na evolução automobilística, eliminando uma série de tarefas manuais que tornam a direção mais prazerosa. Foi ela a responsável pela eliminação do câmbio manual e pela inclusão de uma série de facilidades para os motoristas, como a inclusão de um sensor crepuscular que liga automaticamente os faróis quando a luminosidade diminui abaixo de um nível aceitável.

Nos próximos anos podemos esperar uma evolução ainda maior nessa área e a inclusão de uma série de novos sensores nos veículos. Além do sensor de estacionamento, que está se tornando cada vez mais popular, seu próximo carro provavelmente terá um dispositivo capaz de pará-lo sempre que um pedestre desavisado entrar na sua frente (e com isso, evitar acidentes graves, tornando a direção cada vez mais segura).

Dificilmente veremos veículos voadores como nos filmes futuristas, mas uma coisa é certa: cada vez mais os carros estão deixando de ser um objeto puramente mecânico para receber uma quantidade cada vez maior de eletrônica embarcada. E tudo tem apenas um único objetivo, que é o de tornar as suas viagens mais confortáveis.

Sistema Start-Stop

A principal função do sistema Start-Stop é economizar combustível, e ele faz isso desligando automaticamente o motor do carro sempre que você parar completamente o veículo, mesmo em intervalos curtos de tempo, como num semáforo, por exemplo. Para voltar a andar com o carro, basta pisar no acelerador que ele automaticamente dá a partida no motor, sem a necessidade de utilizar as chaves.

A BMW já utiliza o sistema Start-Stop em alguns de seus modelos mais novos (Foto: Divulgação)A BMW já utiliza o sistema Start-Stop em alguns de seus modelos mais novos (Foto: Divulgação)

Os fabricantes divulgam que a redução do consumo dos combustíveis pode chegar a até 10%, um argumento bastante favorável numa época em que os preços dos combustíveis estão cada vez mais caros. Além disso, ele ajuda na redução da poluição do ar, outra grande preocupação dos motoristas nas grandes cidades.

Partida sem chaves

Dar a partida no seu carro usando uma chave convencional será um ato cada vez mais raro. Já existem sistemas onde o carro percebe a sua presença através de uma chave inteligente, que possui um pequeno sensor instalado e libera a partida através de um botão no painel. Sair com o seu carro será tão simples quanto ligar um microondas.

Essa tecnologia já está presente em alguns carros de luxo e é bastante provável que dentro de pouco tempo ela esteja incorporada também nos carros mais populares.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Rafael Lopes
    2011-08-11T16:51:40

    depende do tempo que vc fica parado, mas no geral, gasta mais, ficar com ele ligado, esperando.

  • Humberto Junior
    2011-07-28T21:43:49

    Dar a partida do motor não gasta mais combustível do que ficar parado no sinal com carro ligado?