Sistemas Operacionais

02/03/2012 16h15 - Atualizado em 04/04/2012 11h36

Chakra Linux: distribuição se destaca pela sua elegância

Maffalda
por
Para o TechTudo

Chakra Linux é uma distribuição do Linux baseada no Arch Linux e KDE 4. Como descrito na página do projeto, o Chakra é grátis e “foi desenvolvido por pessoas que gostam do princípio KISS, da elegância do Plasma Desktop e de um sistema de bundles para lidar com os aplicativos Gtk mais conhecidos.”

O princípio KISS é uma filosofia de desenvolvimento de projetos que prioriza a simplicidade de uso. De fato, o Chakra é elegante e enxuto, ao contrário do Arch, que pode ser bastante complicado de instalar.

Desenvolvimento

O desenvolvimento do sistema é feito em rolling release. Ou seja, por um desenvolvimento constante ao redor de um núcleo estável, ao invés de lançamentos periódicos. O release atual Archimedes (02/2012) traz várias novidades:

* Um tema novo (Ronak);
* KDE 4.8.0, Linux 3.2.2 (2.6.35.14 opcional);
* Qt 4.8;
* A imagem para CD tem a configuração básica do KDE desktop: Só com editor de texto, gerenciador de arquivos, navegador e um media player instalados;
* A imagem para DVD, em todas as línguas, tem uma seleção de aplicativos selecionadas pelos usuários da comunidade;
* QtWebkit 2.2.1;
* Boost 1.48, switch to GRUB2.

Pacotes adicionais podem ser baixados dos repositórios. Um toque interessante é que, a partir deste release, todos os seguintes terão nomes de engenheiros famosos.

Instalação 

A instalação do Chakra pode ser feita a partir de imagens ISO disponíveis no website e rodadas num CD, DVD ou pendrive. O instalador, chamado de Tribe, funciona bem.

chakratribeinstallerChakra Linux (Foto: Divulgação)

Gerenciamento de pacotes

O Chakra vem com o Appset, um instalador de pacotes que é uma interface gráfica do Pacman. O Pacman continua presente, tal como era no Arch Linux. No entanto, já foi anunciado que ele vai ser substituído por outro instalador na linha de comando.

No site do projeto encontram-se vários repositórios, inclusive um comunitário, em que estão pacotes produzidos pelos próprios usuários.

Bundles

Para facilitar ainda mais a vida do usuário e evitar a confusão de bibliotecas Gtk no sistema, o Chakra usa um sistema de bundles. Basicamente, os bundles são imagens ISO que contêm todos os arquivos necessários para rodar um aplicativo. Basta baixar o bundle, e o ”bundle manager” (CInstall) faz todo o resto do trabalho.

Entre os bundles disponíveis, estão o Firefox, Chrome, Gimp e Open Office. Uma desvantagem disso é que, se você instalar o Firefox e o Thunderbird a partir dos bundles, vai ter uma parte da biblioteca repetida dentro do sistema. Ainda assim, é possível instalar aplicativos Gtk usando o pacote Gtk-integration, que é capaz até de ajeitar o tema e as fontes dos aplicativos para combiná-los com a elegância do Plasma.

Chakra Bundle Manager (Foto: Reprodução)Chakra Bundle Manager (Foto: Reprodução)

A imagem de instalação para CD já vem com a configuração básica do KDE desktop e poucos aplicativos: Apenas editor de texto, gerenciador de arquivos, navegador e um media player simples.

A imagem para DVD vem, como dito anteriormente, com todas as opções de localização e mais Libre Office 3.4.5, Amarok, Kde-telepathy, Kde-telepathy, Spideroak , suporte a impressão, Minitube, K3b, Rekonq e outros.

Conclusão

Apesar de ser um sistema que prima pela simplicidade e facilidade de uso, o Chakra Linux não é, de maneira alguma, apenas para usuários iniciantes. E, em caso de dúvida, há muita documentação disponível em inglês e português.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares