Sistemas Operacionais

04/05/2012 15h57 - Atualizado em 04/05/2012 19h47

Repetindo: Qual o problema do Windows Phone?

Rodrigo Ghedin
por
Para o TechTudo

Um dos primeiros posts que escrevi nesta coluna foi este, intitulado “Qual o problema do Windows Phone 7?”. Na época, finzinho de 2010, o Windows Phone ainda não havia chegado ao Brasil e suas marcas, embora expressivas, eram tímidas comparadas a qualquer outra coisa: 5 mil apps no Marketplace, 1,5 milhão de smartphones entregue nas lojas — nem era o caso de vendidos efetivamente.

O Windows Phone surgira alguns poucos meses antes como a promessa de ser o “terceiro cavalo” do páreo dominado por iOS e Android. A Microsoft trouxe um sistema novo, elegante, diferente, disponível por diversas fabricantes e com a promessa de se integrar ao ecossistema da Microsoft.

Nokia Lumia 900 (Foto: Reprodução)Nokia Lumia 900 (Foto: Reprodução)

Corta para 2012. O Windows Phone já está no Brasil e chegou também, pra valer, nos EUA com o Lumia 900. O mercado norte-americano é estratégico para o sucesso de qualquer plataforma móvel e a forma como Nokia e Microsoft o trata reflete bem isso: o topo de linha da empresa sai de graça para clientes antigos da AT&T e custa só US$ 50 para novos. O último relatório fiscal da Nokia revela que as vendas vão bem no país, mas parece não ser o bastante para estancar o sangue verde que jorra dos cofres finlandeses — no último trimestre as perdas foram de euro; 1,9 bilhão.

A parceria entre Nokia e Microsoft é imprescindível para o sucesso do Windows Phone e ele também depende do sucesso que fará (ou não) nos EUA. Ao colidirem, esses três fatores, Nokia, Windows Phone e Estados Unidos, geraram reações… mornas. A chegada ao exigente mercado parece ter derrubado a áurea imaculada do Windows Phone. O terceiro grande sistema entrou no jogo, deixou de ser café com leite e já sente o peso de estar em uma disputa absurdamente competitiva.

As análises do Lumia 900 foram todas positivas, mas com ressalvas. A sensação geral é de que analistas e jornalistas perderam a paciência após um ano e meio de Windows Phone disponível. No Verge, Joshua Topolski teceu alguns dos comentários mais duros direcionados ao sistema móvel da Microsoft:

“Deixe-me colocar isso de forma direta: acho que é hora de pararmos de dar colher de chá para o Windows Phone. (…) Os problemas com o Windows Phone são uma miríade, muitos pequenos. Mas é uma morte por mil cortes. E todos esses pequenos problemas se tornaram uma vez mais aparentes para mim no momento em que comecei a usar o Lumia 900.”

Faltam apps, falta polimento e atenção em coisas que eram dadas como certas, como a integração perfeita do Skype, da própria Microsoft, com o Windows Phone — já em versão final, ele ainda não funciona em segundo plano, ou seja, você só recebe ligações se estiver com o app aberto.

Não bastasse a falta de tração do sistema junto aos consumidores, fatores futuros colocam ainda mais interrogações na cabeça daqueles propensos a comprar um belo Lumia 800 ou um econômico Lumia 710 ou Omnia W.

Windows Phone (Foto: Reprodução)Windows Phone (Foto: Reprodução)

O Windows Phone, atrasado na briga dos sistemas móveis, posicionou-se como sendo a união do melhor dos dois mundos. Do Android, trouxe a multiplicidade de fabricantes de hardware; do iOS, as atualizações garantidas e uniformes. Entretanto, duas decisões recentes da Microsoft colocaram em xeque essas características tidas por muitos como essenciais.

A aliança com a Nokia não excluiu outras fabricantes da jogada, mas as relegou a segundo plano. Cada vez mais Nokia e Microsoft estão ligadas e se por um lado isso cria uma identidade forte junto à linha Lumia, em muito ajudada por campanhas de marketing agressivas, por outro joga aparelhos de outras fabricantes para escanteio — e já repercute, como na recente saia justa com a LG.

E tem as atualizações. Até agora o Windows Phone só teve duas grandes, a NoDo e a Mango. Elas chegaram a todos os aparelhos. A Apollo, próxima e maior de todas, muito provavelmente não estará disponível para os modelos hoje à venda, incluindo os flagships Lumia 800 e 900. Embora não haja palavra oficial da Microsoft a esse respeito, analistas conceituados e reconhecidamente inteirados do que acontece lá dentro deram seu parecer nesse sentido, como Paul Thurrott:

“Há algumas histórias controversas sobre se será possível a atualização nos smartphones Windows Phone já lançados — incluindo os dispositivos Windows Phone 7 de primeira geração e os novos que saem de fábrica com o Windows Phone 7.5, como o Lumia 900 — para o vindouro Windows Phone 8. Permita-me ser bem direto nessa resposta. Não. Não vai acontecer. Nem para o Lumia 900, nem para qualquer outro celular existente. Não acontecerá parcialmente, através de uma atualização que entregue apenas algumas funções, e não vai acontecer para aqueles que estiverem dispostos a pagar por essa atualização. Simplesmente não vai rolar. Desculpe.”

Segundo Thurrott, as baixas vendas de smartphones com Windows Phone, somadas ao alto custo de se manter software atualizado em hardware legado, inviabilizam a atualização — e aqui as especificações simples do Windows Phone, pela primeira e derradeira vez, cobram seu preço. O Lumia 900, lançado em abril nos EUA com salvador da Nokia e do Windows Phone, estará desatualizado antes do fim do ano. Pior que muito Android.

O Windows Phone ainda vai patinar muito para se estabelecer, mas pessoalmente não duvido que ele tenha cacife para ser o tal terceiro cavalo do páreo. A Microsoft tem grana para queimar (e assim o faz) e já mostrou que tem paciência para esperar promessas desencantarem. Entretanto, o mercado de smartphones é diferente do de consoles ou buscadores; é mais efêmero, ágil, muda em uma velocidade alucinante. O Windows Phone tem mantido o passo, embora a atualização para o Apollo deva representar um gargalo na escala evolutiva e, mais importante, uma mancha na confiança que os early adopters depositaram na plataforma. Enquanto isso, Android e iOS evoluem por caminhos distintos, ambos muito atraentes, encolhendo o espaço restante para outros. Corra, Microsoft,corra!

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Leandro Cruvinel
    2012-09-17T11:57:09

    Falam que o WP8 não vai ser atualizado p quem tem os primeiros smartphones com WP7, mas ninguém fala se quem tem o iphone3gs consegue usar o ios5 e se terá possibilidade d usar o ios 6. A MS já vai fazer muito, fazendo uma versão 7,8 do WP7 p quem tem as primeiras versões . Aprendam uma coisa: a apple não e favoravel aos clientes atualizarem oq ja tem, eles querem q vc sempre compre o produto novo deles!! Tenho um iTouch d segunda geração e nem o IOS4 eu consegui usar! Até penso em comprara o novo iTouch5, mas se perguntem se quem tem o iTouch3 ou iPhone3gs vai conseguir atualizar p o IOS6!

  • Alan Calixta
    2012-06-13T01:22:23

    O maior problema do Windows Phone é a Marketplace. Só tem porcaria.

  • RODOLFO VASCONCELOS
    2012-05-24T09:26:36

    O iOS está anos-luz à frente de Windows Phone, que mantem o mesmo pensamento de desktops para dispositivos móveis.

  • Manoel Barbosa
    2012-05-13T17:38:06

    eu ainda não entendi uma coisa, o windows phone usa windows 8 ou windows 7 ?

  • Angelo Costa
    2012-05-12T01:02:52

    Sempre usei Android( desenvolvo até app) agora estou usando um HTC HD 7 com WP 7.5 a duas semanas e estou satisfeito e descobrindo a cada dia novas coisas, a sacada do WP é a interação das redes social que funciona muito bem, pena que os app Twitter e Facebook perde e feio para os app do Android.

  • Raissa Mattenhauer
    2012-05-11T00:36:11

    comprei com lumia 800 e estou muitoooo satisfeita.. cada dia descobrindo coisas novas.. a interação com as redes sociais é ótima!!! superrr recomendo ..

  • Rayner Carvalho
    2012-05-09T01:35:11

    Ta, ok...querendo ou nao o Windows Phone é/sera o 'terceiro cavalo do páreo', reparem bem...qual outro sistema poderia ser? --' O que tem que se discutir é a distancia que ela esta e em quanto tempo ela poderia começar a ser uma ameaça ao IOS e ao Android

  • Renato Ribeiro
    2012-05-04T19:45:46

    Hoje tenho um Windows Phone (Omnia W) e venho do Android (Motorola Atrix), o sistema da MS em si é muito melhor, mais rápido, fluido e intuitivo, porém, não é novidade que ainda faltam aplicativos, por exemplo, não consegui encontrar um bom aplicativo para ler livros, no Android tem muuuitos aplicativos Deste tipo com qualidade (Kindle por exemplo), este, apesar de existir para WP, não sei por que cargas d'água não está disponível para o Brasil, o App da livraria cultura (ios e android) não existe para WP. Um pouco frustrante, mas estou contente com a mudança, recomendo.

  • Pedro
    2012-05-04T18:56:58

    Me explica cara, como pode rodar o WP8 no lumia 610 com 800MHz 256MB de ram e não rodar em um Lumia 800 com 1,4GHz e 512MB de ram. Conselho cara, vai estudar um pouco sobre computação. Entendo que você não gosta da Microsoft e realmente o WP está MUITO atras do Android e do iPhone, mas por favor, não fale mentiras.

  • Pedro
    2012-05-04T18:54:55

    A proposito hoje recebi uma newsletter da microsoft para desenvolvedores dando dicas para desenvolvermos aplicativos celulares com pouca memoria (lumia 610) . Me explica por favor, como vão rodar o WP8 no lumia 610 qu etem 256MB de memoria e 800 MHz e não vao rodar em um lumia com 1,4GHz e 512 de MB. Deixa de lado essas picuinhas com a Microsoft e vá estudar um pouco mais a fundo sobre computação, é melhor que escrever coisa errada na WEB.

  • Pedro
    2012-05-04T18:51:18

    Velho na boa, vi que você estudou Direito.Para de colocar coisa sem nexo sobre atualização do WP pro Apollo. A Nokia ja informou que ta testando o WP8 no Lumia 800. A arquitetura de todos WP são a mesma cara, estude sobre isso antes de colocar isso na matéria de novo por favor Como você pode colocar um trecho de uma matéria de um site que pegou a matéria de outro site? Qualquer cara formado em computação e que conhece a fundo arquitetura de dispositivos móveis sabe que todos serão atualizados. O Hardware e a arquitetura nao são problemas. Faça-nos um favor e vá exercer sua profissão real.

  • Murilo Vieira
    2012-05-04T18:32:24

    "Você está mal informado. Sim, TODOS os WP lançados até hoje receberam atualizações para a versão mais atual do WP, inclusive os da primeira geração. Já tem L800 e L610 (!) testando o WP8. O que a galera anti-MS quer é criar medinho, afinal, se as atualizações do WP8 ocorrerem iguais as atualizações até agora a única plataforma com problema de desrespeito ao consumidor será o Android. "

  • Luciano Abreu
    2012-05-04T16:34:20

    PorQue a nokia não desiste do Windows Phone eim? não consigo entender. A melhor coisa do L900 é que já estão conseguindo rodar o Android nele, daqui a pouco vai valer a pena pegar um.

  • Guilherme Fernandes
    2012-05-04T16:22:27

    Eu tive um Omnia W por um tempo e infelizmente tive a sensação de que o WP7 é um sistema capado que vai na contra mão da proposta de smartphone, que é tentar se aproximar de um PC. De fato ele é leve como a proposta, funciona de forma mais ágil do que o Android ou do que o iOS, mas a sensação de que ele é capado só foi reafirmada com o que eles disseram que ocorrerá na atualização Apollo. Complicado investir em um sistema que piora o smartphone ao invés de melhorar.

  • Alberto Ferreira
    2012-05-04T16:21:14

    Acho que o maior problema do Windows phone no Brasil é o preço! Isso que o faz ser uma plataforma meio que distinta aqui. Conheço muita gente que tem seus Androids e querem mudar para o WP, mas acabam se desencorajando quando olham o preço.

  • Willy Milane
    2012-05-08T10:12:37

    A Nokia não tem tomado suas decisões errôneas somente nas questões sobre seu novo sistema operacional ou de hardware, mas também com seus clientes donos de aparelhos antigos como eu que possuo um C7-00. Ele apresentou defeitos desde que comprei e, por vários motivos, não atendido em garantia. O resultado? Fui sacaneado pela Nokia e comprei um aparelho 25% mais caro que um Luima e 2 vezes mais caro que um C7-00 ou 1 vez e meia mais caro que seu reparo, um Galaxy Note que custou R$2000,00 e posso dizer com alegria: Nokia nunca mais!

  • Ricardo Souza
    2012-05-06T17:54:19

    Estava me convencendo a adotar um lumia 800, mas ainda não vai ser desta vez. Gostara de usar um "sistema leve e fluido" só que vou ficar mesmo com Galaxy X. Ouvir de um importante desenvolvedor que vou ficar a ver navios quanto a atualizações, segundo ele mesmo disse "sinto muito, vão vai rolar...". é no mínimo ridículo!!! Prefiro o Android, que não é o mais estável, pelo menos não somos enganados quanto a atualizações.

  • Guilherme Fernandes
    2012-05-06T00:38:56

    Toda vez que eu leio: "Sistema mais intuitivo e fluido" eu imagino um homem das cavernas mexendo no aparelho, sério que tem gente que acha dificil usar OS de celular? E quanto às novas versões, no caso o W8, já foi informado que ele é um hibrido, Tablet, Smartphone e PC, vocês acham realmente que haverá atualização para os atuais aparelhos, levando isso em consideração? E pra quem acompanhou o WP7, eu comprei o Omnia W assim que saiu, viu que o sistema é leve porque a Microsoft capa o sistema ao atualizar.

  • leandro tayti
    2012-05-05T18:39:58

    Também acho terão atualizações. Tenho iPhone desde o 3G, hoje tenho o 4S e tive 3 android, sony e motorola. Adquiri agora o LUMIA 710. Gostei muito, por ser uma das primeiras versões do W7 esta muito boa, claro que tem muitas coisas para melhorar, principalmente qqtde de apps. Android nunca mais. Vale muito a pena o W7, da de 10 no android.

  • Lucas Gonçalves
    2012-05-05T13:55:48

    Palhaçada. Já vazaram imagens e textos (na rede social I'm a WP7) de que o Windows Phone 8 (apollo) está sendo testado em celulares atuais, como os Lumia. Não sei da onde o autor do artigo inventou que "muito provavelmente" não haverá atualização. Aff.

  • Jose Silva
    2012-05-05T12:58:54

    Mudei para o Winows phone e estou satisfeito. Tão bom quanto o mac. Android não quero mais. Aplicativos diversos é questão de tempo.

  • Bruno Chaves
    2012-05-04T21:56:18

    Alguem pode me dizer uma area da faculdade em que se estuda sistemas e criação de apps para sistemas moveis? Agradeço a resposta. Câmbio!

  • Bruno Chaves
    2012-05-04T21:53:21

    Realmente a Microsoft tem R$ em caixa e acho q ela não deixaria os aparelhos antigos sem atualização. Concerteza brevemente ela, NOKIA e companhia vai melhorar e cala a boca de muita gente que queria a desgraça do OS. Abraços

  • Renato Ribeiro
    2012-05-04T19:36:44

    Muito boa a matéria, porem, não acredito que a MS deixará os atuais aparelhos sem atualização, como dito, ela tem muito dinheiro para gastar e o custo para manter aparelhos atualizados, mesmo sendo alto não será problema para a MS. Eles sabem melhor do que qualquer um que este é um pinto muito delicado em relação ao Android, é uma forma de ficar a frente em pelo menos um ponto (igusçando-se ao iOS neste mesmo ponto).