09/01/2013 15h58 - Atualizado em 31/01/2013 18h36

Asus aposta em produção local para diminuir preços de vendas no Brasil

Nick Ellis
por
Da CES 2013

O TechTudo entrevistou Marcel Campos, Gerente de Produtos da ASUS Brasil, para saber quais são as apostas da empresa para 2013. “Nós temos duas apostas grandes para o Brasil neste ano, e a primeira delas são os aparelhos finos e leves (thin and light), desde os mais baratos, com processador Celeron”, conta Marcel. “A competição no mercado é muito grande, e queremos nos tornar cada vez mais competitivos, por isto queremos vender notebooks leves com preços a partir de R$ 1.299. Nosso objetivo é trazer o que seria o conceito de um ultrabook para um valor ao qual as pessoas possam ter acesso, pois os ultrabooks ainda custam muito caro”, completou.

Marcel Campos, diretor da Asus no Brasil. (Foto: TechTudo / Nick Ellis)Marcel Campos, diretor da Asus no Brasil. (Foto: TechTudo / Nick Ellis)

Outra grande aposta da empresa é a tecnologia touch. “Já temos produtos no mercado rodando Windows 8 com telas sensíveis ao toque com um preço abaixo de R$ 2.000. Com a produção local, este custo vai cair ainda mais, cerca de R$ 400. O objetivo é oferecer produtos acessíveis produzidos no Brasil para quem precisa rodar o novo sistema da Microsoft”, diz Marcel. 

Os tablets também são prioridade para a ASUS Brasil neste ano. O Nexus 7 já está sendo vendido desde dezembro no Brasil, mas a ASUS aposta que ele irá fazer sucesso na versão 3G, que está chegando nos próximos meses, assim que for aprovado pela Anatel. Queremos trabalhar com tablets baratos de até 7 polegadas, com um custo máximo de R$ 1.000 no Brasil. Marcel diz que “a ASUS está analisando a produção local de tablets, mas por enquanto ainda não encontramos o parceiro ideal. É algo muito complexo, os parceiros ainda não estão prontos”.

Com a produção local, este custo vai cair ainda mais, cerca de R$ 400 "

Autor“São várias apostas para 2013. Temos aparelhos top com touch abaixo de R$ 2.000, temos aparelhos finos e leves abaixo de R$ 1.500 e tablets abaixo de R$ 1.000”, conta Marcel. “Nossa linha de tablets tem um produto para cada tipo de público. Temos tablets Android de 10 e 7 polegadas. Se você preferir tablets Windows 8 mais voltados para produtividade, temos com telas de 10 e 11 polegadas, com teclado ou sem teclado. Temos um notebook conversível de 11.6 polegadas que pode inclusive substituir seu computador.”

Sobre os notebooks híbridos Transformer Book e Taichi, Marcel elogia o conceito do último, com sua tela externa, que pode ser usado como um tablet: “se eu quero consumir conteúdo, é só baixar a tampa. Se eu quero produzir, é só abrir a tampa. Para compartilhar o que estou fazendo na tela externa, é só clicar um botão.”

O notebook conta com especificações de ultrabook, e tem duas versões de 11 e 13 polegadas. O Taichi de 11 polegadas vai chegar no Brasil por custo bem alto, cerca de R$ 6.000, o que pode ser justificado pelas duas telas IPS. Marcel explica que “a tecnologia deste notebook não permite que ele seja produzido no Brasil, pelo menos por enquanto.”

Perguntado sobre os All-in-Ones da empresa, Marcel conta que existe a possibilidade da ASUS lançá-los no Brasil ainda neste ano, mas o custo certamente será alto, para um público de maior poder aquisitivo. 

Marcel Campos conclui a conversa dizendo que o Brasil vai continuar a ser prioridade para a ASUS, como tem acontecido nos últimos anos: “Nós vamos investir muito mais do que temos feito até agora, e vale destacar que este é provavelmente o país que a ASUS mais investiu até hoje. Nosso objetivo é trazer produtos inovadores o quanto antes para o Brasil, encurtando o intervalo entre o lançamento no exterior.”   

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Albert Silva
    2013-01-10T01:40:47

    E o Padfone 2? Há tempos foi lançado no restante do mundo, só aqui que nem previsão tem para lançamento. E ainda fica diretorzinho de marketing dizendo que Brasil é prioridade. Vai enganar outro...

  • Ismael Costa
    2013-01-09T23:03:35

    "O Nexus 7 já está sendo vendido desde dezembro no Brasil" 2

  • Mauricio Santos
    2013-01-09T21:51:24

    Show de bola! Sou fã da marca e espero produtos bons e baratos...

  • Augusto Caetano
    2013-01-09T20:40:23

    Blz... Agora fabriquem um placas maes mais baratas tambem

  • Rodrigo Brasil
    2013-01-09T22:49:30  

    "O Nexus 7 já está sendo vendido desde dezembro no Brasil" Me fala aonde, que eu vou correndo comprar um! XD

    recentes

    populares

    • Rodrigo Brasil
      2013-01-09T22:49:30  

      É o estagiário novamente