Áudio e Vídeo

10/04/2013 08h00 - Atualizado em 10/04/2013 12h04

Descubra as principais diferenças entre os formatos de arquivo de áudio

Douglas Brandão
por
Para o TechTudo

Conheça os principais arquivos de formato de áudio e entenda suas peculiaridades de cada um deles. Abaixo veremos os mais comuns e por qual motivo muitas vezes não é possível, de imediato, executá-los em qualquer player ou PC.

Fone de ouvido (Foto: Reprodução/Stock.xchng)Conhecer os principais arquivos de áudio é importante para saber executá-los em seu PC (Foto: Reprodução/Stock.xchng)

MP3

Este é o mais popular de todos os formatos, pois alia qualidade de áudio com boas taxas de compressão, o que torna o seu tamanho bastante reduzido. Foi desenvolvido pela Moving Pictures Experts Group e é geralmente usado para armazenar arquivos de música no PC, celular ou mesmo em sites de compartilhamento na Internet. Apesar de ter uma boa qualidade, há uma leve perda desta se comparado ao áudio original, porém a níveis praticamente imperceptíveis à maioria dos ouvidos. É suportado pelos principais players do mercado.

WMA

É um arquivo de áudio criado pela Microsoft semelhante ao MP3. É o formato de áudio padrão do Microsoft Windows Media Player e pode ser reproduzido em outros players como Winamp por exemplo. No entanto, não é suportado pelo iPod e nem pelo iTunes e, assim como o MP3, possui perdas na qualidade do áudio.

Esta é a página principal do iTunes (Foto: Thiago Barros/TechTudo) (Foto: Esta é a página principal do iTunes (Foto: Thiago Barros/TechTudo))O iTunes, por exemplo, não executa arquivos WMA (Foto: Thiago Barros/TechTudo)

Ogg

Possui taxas de compressão semelhantes ao MP3, porém com melhor qualidade de áudio. É um formato de código livre e foi criado pela Xiph.org, porém devido à maior divulgação do MP3, este formato ainda encontra muitas dificuldades de disseminação. Uma de suas vantagens é a inclusão de metadados como informações sobre o artista e álbum.

 AAC

Este é outro formato de arquivo semelhante ao MP3, no entanto oferece diversos aprimoramentos de desempenho o que mantém a qualidade quase indistinguível do áudio original mesmo sendo comprimido. O Advanced Audio Coding (AAC) não é um formato proprietário, porém é o formato padrão usado pela Apple no iPod e na iTunes Music Store. 

WAV

Desenvolvido pela Microsoft e IBM, o Waveform Audio File Format é um formato de áudio sem perdas de qualidade baseado em PCM (Pulse Code Modulation) que usa um método de armazenamento de áudio não comprimido. Como ele não sacrifica dados, exige bastante espaço de armazenamento. O WAV permite gravações de áudio com diferentes taxas de amostragem e bits, inclusive na mesma qualidade de CDs de áudio. É indicado para edições em trabalhos profissionais, podendo ser facilmente editado e manipulado por softwares do gênero. No entanto, possui a limitação de não ultrapassar 4 GB por aquivo.

AIFF

Arquivo de áudio semelhante ao WAV, ou seja, também usa um método de armazenamento não comprimido e sem perdas na qualidade. O AIFF (Audio Interchangeable File Format) foi desenvolvido pela Apple baseado no formato de arquivos IFF da Electronic Arts e não possui uma lista de tocadores suportados tão extensa quanto o WAV.

PCM

Talvez você nunca tenha ouvido falar neste tipo de arquivo, porém o Pulse Code Modulation (PCM) ou, traduzindo, Modulação por Código de Pulsos é o formato padrão de áudio digital em computadores e mídias como DVDs e CDs. É a tecnologia mais antiga de digitalização sonora e de onde são baseados vários formatos digitais sem perdas como visto acima. 

FLAC

O FLAC um formato de arquivo de código aberto que utiliza compressão de áudio sem perdas de qualidade, ou seja, ele comprime os dados sem remover a qualidade do áudio original. É como se fosse um arquivo ZIP, porém projetado para áudio e suportado em diversos tocadores. 

Além destes, existem inúmeros outros tipos de arquivos - tanto proprietários quanto não proprietários - e é daí que vem a confusão. Existem formatos não suportados por alguns tocadores devido aos direitos de patente, como é o caso do Windows Media Player, por exemplo, que não suporta vários formatos de arquivos de áudio. E, em muitos casos, esse suporte não acontece por falta de interesse das empresas, como é o caso do Ogg que ainda não é suportado por muitos players mesmo sendo de código aberto. Porém, você não precisa se preocupar caso o player do seu smartphone não toque o seu álbum favorito, pois é para isso que servem os codecs e conversores de áudio que você encontra aqui mesmo no TechTudo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Thomaz Aily
    2013-04-10T09:25:20

    Galerinha do TechTudo: Os links para os Codecs e os Conversores não estão funcionando... Parabéns pelo site!!!