Internet

11/06/2013 15h03 - Atualizado em 11/06/2013 16h54

Google adquire o Waze; veja o que a compra pode trazer de novo ao Maps

Thiago Barros
por
Para o TechTudo

Nesta terça-feira (11), o Google anunciou oficialmente a aquisição do Waze, aplicativo de GPS que ficou famoso entre os usuários de smartphones por seu cunho mais social. Não foram revelados detalhes financeiros - apesar de as especulações serem de que o valor é de US$ 1,3 bilhão (R$ 2,6 bilhões) para o acordo -, mas a expectativa agora é grande de se ver novidades no Google Maps em breve.

Waze está cada vez melhor no Android (Foto: Divulgação) (Foto: Waze está cada vez melhor no Android (Foto: Divulgação))Inovações do Waze podem ajudar a melhorar o Google Maps (Foto: Divulgação)

No próprio anúncio oficial do Google, inclusive, a companhia frisou que a aquisição acaba ocorrendo, realmente, com um foco no seu próprio serviço de mapas. Pelo visto, haverá, futuramente, a incorporação de algumas características – e o lançamento de novas, claro – do Waze no Google Maps. A princípio, porém, a equipe responsável pelo app não vai ser incorporada pelo Google.

“O time do Waze segue em Israel e operando separadamente por enquanto. Estamos animados para melhorar o Google Maps com algumas das características de trânsito oferecidas pelo Waze e em melhorar o Waze com a capacidade de busca do Google”, explicou a Gigante das Buscas em publicação em seu blog oficial.

Para os fãs da empresa e usuários do Android, uma ótima notícia. Para quem usa o iOS e reclama dos mapas da Apple, e para o Facebook, que também tinha certo interesse na compra do Waze, segundo os rumores, nem tanto. E o futuro parece reservar uma certa quantidade de coisas boas para ambas as empresas. Resta saber, porém, como vai ser o trabalho em conjunto das empresas daqui para frente.

Como o Waze pode ajudar o Maps

Lado social é um dos trunfos do Waze (Foto; Divulgação)Lado social é um dos trunfos do Waze
(Foto: Divulgação)

Algumas possibilidades são interessantes. Pela nota, é possível perceber que o interesse do Google é de aproveitar o sistema de notificações de trânsito do Waze e a sua enorme, além de fiel, comunidade – descrita no comunicado como “DNA do app”. Portanto, não há muito segredo aí. Certamente, em breve, haverá recursos como informes em tempo real dos amigos e coisas do tipo sendo levadas para o Google Maps.

Além dos alertas da comunidade sobre acidentes, perigos, blitz, via bloqueadas e muito mais, o Waze ainda oferece recursos integrados ao Facebook, como navegação com um toque para eventos e visualização de amigos dirigindo para o mesmo local. Quem sabe, agora, estas funcionalidades, e mais algumas, não chegam ao Google+?

Além disso, há notificações para pessoas com tempo estimado de chegada e link para acompanhar seu percurso e um sistema de ranking para recompensar quem contribui. Tudo isso fez do Waze um grande sucesso e agora está ao alcance do mais popular e, certamente, um dos melhores serviços de mapas do mundo. Como disse o Google em seu post sobre a compra, é hora de usar a inteligência para superar o trânsito.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Ailton Gomes
    2013-06-19T13:41:04

    Quem usava o Waze no Iphone dançou agora!!!!!

  • Guilherme Ramos
    2013-06-11T20:56:39

    esse troço consome bateria adoidado...

  • Filipe Massignan
    2013-06-11T16:23:39

    Essa compra será ótimo tanto pro Waze quanto pro Google Maps