Por Elson de Souza, para o TechTudo


O Google Chrome tem um gerenciamento de sessões nativo, mas que não está a prova de falhas. Seja por problemas no próprio navegador ou por erros do sistema operacional, é possível que o usuário perca suas abas ao reiniciar o browser. Contudo, não há motivo para pânico: algumas ferramentas embutidas e também extensões podem ajudar a recuperar os sites abertos. Veja neste tutorial do TechTudo algumas soluções.

Veja como recurperar abas do Chrome — Foto: Melissa Cruz/TechTudo

Restaurar a partir do histórico

Se a janela de restaurar abas do Chrome não apareceu ao reiniciar o navegador, o usuário pode recuperar seus sites seguindo o passo a passo a seguir:

Passo 1. Clique no menu de três pontos, localizado ao lado da barra de endereços;

Google Chrome permite restaurar abas a partir do menu do navegador — Foto: Reprodução/Elson de Souza

Passo 2. Aponte o mouse sobre a opção ''Histórico'';

Passe o mouse sobre o Histórico do Google Chrome para ver abas fechadas — Foto: Reprodução/Elson de Souza

Passo 3. Procure pela opção “x guias”, sendo ''X'' o número de sites abertos no momento do erro. Clique nessa alternativa para recuperar;

Clique para recuperar as guias salvas no histórico do Google Chrome — Foto: Reprodução/Elson de Souza

Dica: é possível restaurar as suas abas mais rapidamente por meio do comando “Ctrl+Shift+T”. Ao pressionar as três teclas juntas, o Chrome abrirá os sites acessados antes do erro.

Pressione Ctrl+Shift+T para restaurar suas abas no Google Chrome — Foto: Reprodução/Elson de Souza

Outra opção é tentar recuperar os sites individualmente usando o histórico completo do navegador. Para acessá-lo, pressione “Ctrl+H” ou acesse “Menu > Histórico > Histórico”.

Acesse o histórico do Google Chrome para conferir todos os sites acessados na sua conta — Foto: Reprodução/Elson de Souza

Pronto! Agora você já sabe como recuperar as abas do Google Chrome sem instalar nada no navegador.

Com o plugin Session Buddy

A extensão Session Buddy está disponível gratuitamente na Chrome Web Store. O complemento grava as sessões do usuário no computador, exibindo ainda os sites que foram abertos em cada uma delas. De forma geral, trata-se de um recurso mais preventivo, com funcionamento mais confiável do que o gerenciador nativo do navegador. Veja como usar.

Passo 1. Na página de download da Session Buddy, clique em “+Usar no Chrome”;

Session Buddy pode registrar as sessões do Google Chrome — Foto: Reprodução/Elson de Souza

Passo 2. Uma janela de confirmação aparecerá. Clique em “Adicionar extensão”. Note que o ícone do complemento aparecerá ao lado da barra de endereços no fim da instalação;

Clique para adicionar extensão Session Buddy ao Google Chrome — Foto: Reprodução/Elson de Souza

Passo 3. Quando tiver um problema ou quiser reabrir uma sessão, clique no ícone da Session Buddy;

Clique no ícone do Session Buddy para recuperar a sessão do Google Chrome — Foto: Reprodução/Elson de Souza

Passo 4. Uma janela será aberta e o usuário poderá acompanhar todas as sessões salvas pelo complemento no lado esquerdo da tela. Clique na que deseja recuperar;

Session Buddy mostra sessões registradas à esquerda da tela — Foto: Reprodução/Elson de Souza

Passo 5. Para reabrir as páginas, clique em “Open” e escolha se deseja abrir em uma nova janela (One window) ou na mesma janela (This window);

Clique no botão Open para recuperar abas no Google Chrome — Foto: Reprodução/Elson de Souza

Dica: é possível salvar uma sessão para acessá-la quando quiser e impedir que o complemento apague o registro. Para isso, clique em “Save” e dê um nome para o grupo na janela que se abrirá;

Session Buddy também pode salvar uma sessão para que usuário acesse quando quiser — Foto: Reprodução/Elson de Souza

Pronto! Agora você já sabe usar a extensão Session Buddy para recuperar seus sites no Google Chrome.

Chrome lento e travando muito. Como resolver? Troque dicas no Fórum do TechTudo.

Mais do TechTudo