Por Filipe Garrett, para o TechTudo

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Com a Fall Creators Update, atualização para Windows 10, um novo recurso é adicionado ao Windows Defender. A novidade, chamada de "Acesso a pastas controladas", serve como uma camada de proteção nativa do sistema operacional contra a ação dos ransomwares e funciona bloqueando o acesso de programas às pastas pessoais do computador.

Vírus e softwares maliciosos são impedidos de encriptar documentos para pedir resgate em moedas virtuais como bitcoin ou monero. Por padrão, a ferramenta vem desativada no Windows 10. Veja, no tutorial a seguir, como ativá-la.

Veja como ativar proteção contra ransomware no Windows 10 — Foto: Carolina Ochsendorf/TechTudo Veja como ativar proteção contra ransomware no Windows 10 — Foto: Carolina Ochsendorf/TechTudo

Veja como ativar proteção contra ransomware no Windows 10 — Foto: Carolina Ochsendorf/TechTudo

Passo 1. Abra o Windows Defender;

Acesse o Defender para visualizar as configurações — Foto: Reprodução/Filipe Garrett Acesse o Defender para visualizar as configurações — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Acesse o Defender para visualizar as configurações — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Passo 2. Em seguida, acesse a opção “Proteção contra vírus e ameaças”;

Abra as configurações de proteção — Foto: Reprodução/Filipe Garrett Abra as configurações de proteção — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Abra as configurações de proteção — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Passo 3. Clique em “Configurações de proteção contra vírus e ameaças”;

Encontre a opção "Configurações de proteção contra vírus  e ameaças" na lista — Foto: Reprodução/Filipe Garrett Encontre a opção "Configurações de proteção contra vírus  e ameaças" na lista — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Encontre a opção "Configurações de proteção contra vírus e ameaças" na lista — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Passo 4. Localize a opção “Acesso a pastas controladas” e ative o recurso;

Agora basta achar o novo recurso e ativá-lo — Foto: Reprodução/Filipe Garrett Agora basta achar o novo recurso e ativá-lo — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Agora basta achar o novo recurso e ativá-lo — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Passo 5. Você terá duas opções para configurar, caso deseje, a ferramenta;

Você terá acesso a duas opções para controlar melhor a novidade — Foto: Reprodução/Filipe Garrett Você terá acesso a duas opções para controlar melhor a novidade — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Você terá acesso a duas opções para controlar melhor a novidade — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Passo 6. Em "Pastas protegidas", você pode escolher quais pastas terão acesso controlado. Por padrão, o Windows 10 irá proteger documentos, imagens, downloads, vídeos e desktop. Mas você pode inserir outras;

Você pode alterar as pastas protegidas contra ransomware — Foto: Reprodução/Filipe Garrett Você pode alterar as pastas protegidas contra ransomware — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Você pode alterar as pastas protegidas contra ransomware — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Passo 7. Em “Permitir um app”, você pode escolher dar a um aplicativo bloqueado pelo Windows acesso a essas pastas. Basta clicar em “Adicionar um app permitido” e selecioná-lo nas opções.

Também é possível permitir apps específicos de acessarem as pastas e seus arquivos — Foto: Reprodução/Filipe Garrett Também é possível permitir apps específicos de acessarem as pastas e seus arquivos — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Também é possível permitir apps específicos de acessarem as pastas e seus arquivos — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Veja cinco dicas para se proteger de ransomware:

O que é ransomware: cinco dicas para se proteger

O que é ransomware: cinco dicas para se proteger

Área de Trabalho sumiu no Windows 10? Fórum do TechTudo tem a dica perfeita.

MAIS DO TechTudo