10 fatos sobre PCs com Windows que você precisa saber

Quantos programas os usuários do Windows têm instalados em média? E qual é o programa mais usado? Descubra

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Taysa Coelho, Para o TechTudo

Existem mais de 50 programas em cada PC com Windows. Metade deles está desatualizada, o que pode provocar lentidão no PC. Junte a isso o fato de a maioria dos computadores com o sistema operacional ter 5 anos de vida e ainda usar o Windows 7 e você terá um panorama sobre o uso dos computadores no mundo.

Os dados são de um relatório divulgado pela Avast. A empresa de segurança casou os dados anônimos dos 155 milhões de usuários de seus produtos com as estatísticas globais fornecidas pela consultoria Gartner. Dentre as descobertas, estão vários fatos sobre o sistema que chamam a atenção: o programa mais usado, a fabricante preferida dos consumidores e mais. Veja a seguir dez coisas que vale a pena saber.

Levantamento feito pela Avast atualiza o cenários dos computadores equipados com Windows (Foto: Luana Marfim/TechTudo) Levantamento feito pela Avast atualiza o cenários dos computadores equipados com Windows (Foto: Luana Marfim/TechTudo)

Levantamento feito pela Avast atualiza o cenários dos computadores equipados com Windows (Foto: Luana Marfim/TechTudo)

1. Mais de 50 programas instalados no PC

O número médio de programas instalados por computador é de 51. No entanto, países como Coreia e Japão, apresentam uma média de 79 e 73 apps, respectivamente, enquanto os paquistaneses, com 29, e os egípcios, com 34, são os povos com menos softwares em seus PCs. “Lembre-se que, quanto mais programas você instala, mais lento e potencialmente não confiável se torna o seu computador”, recorda o blog da Avast.

2. Chrome é o programa mais baixado

O navegador Google Chrome é a aplicação mais instalada enm PCs com Windows, sendo opção de 79% dos usuários. A utilização do programa vem crescendo bastante nos últimos dois anos: em 2015, era usado por apenas 25%. Logo em seguida, vêm os utilitários Adobe Flash Player (77%) e Java (59%). Em quarto lugar, está o browser da Mozilla, o Firefox (44%), e o mensageiro Skype (39%) fecha o top 5.

Dois navegadores aparecem na lista dos cinco apps mais baixados no Windows (Foto: Divulgação/ Avast) Dois navegadores aparecem na lista dos cinco apps mais baixados no Windows (Foto: Divulgação/ Avast)

Dois navegadores aparecem na lista dos cinco apps mais baixados no Windows (Foto: Divulgação/ Avast)

Vale ressaltar que a lista apresenta dois navegadores, mesmo que o Windows conte com um programa do gênero instalado de forma nativa: Microsoft Edge ou Internet Explorer.

3. 48% dos programas estão desatualizados

O percentual de softwares desatualizados é alto. “Usar versões ultrapassadas de aplicações não apenas significa perder os recursos mais recentes, compatibilidade e correções de erros, mas também deixa a porta escancarada para que hackers explorem vulnerabilidades”, explica a Avast em seu relatório. O Java é o app menos atualizado de todos, seguido pelo Adobe Air, Adobe Shockwave, VLC Media Player e iTunes, fechando a lista dos cinco com menos updates.

Lista apresenta os cinco programas com a menor taxa de atualização no Windows (Foto: Divulgação/ Avast) Lista apresenta os cinco programas com a menor taxa de atualização no Windows (Foto: Divulgação/ Avast)

Lista apresenta os cinco programas com a menor taxa de atualização no Windows (Foto: Divulgação/ Avast)

4. Usuários do Windows XP ainda são 4,6%

Lançado em 2001, o Windows XP foi descontinuado pela Microsoft em 2014. Isso significa que, desde então, a fabricante não realiza atualizações de segurança ou tem suporte técnico para a versão. Mesmo assim, 4,6% dos usuários ainda utilizam essa variante e estão completamente vulneráveis.

Depois do fim do suporte, Windows XP se tornou alvo ainda mais recorrente de hackers (Foto: Reprodução) (Foto: Depois do fim do suporte, Windows XP se tornou alvo ainda mais recorrente de hackers (Foto: Reprodução)) Depois do fim do suporte, Windows XP se tornou alvo ainda mais recorrente de hackers (Foto: Reprodução) (Foto: Depois do fim do suporte, Windows XP se tornou alvo ainda mais recorrente de hackers (Foto: Reprodução))

Depois do fim do suporte, Windows XP se tornou alvo ainda mais recorrente de hackers (Foto: Reprodução) (Foto: Depois do fim do suporte, Windows XP se tornou alvo ainda mais recorrente de hackers (Foto: Reprodução))

Os brasileiros, no entanto, aparecem no ranking, junto aos mexicanos, entre aqueles que menos utilizam o Windows XP: são apenas 2,5% do total dos usuários do país. Já os ucranianos são os campeões, com 11% dos PCs rodando o sistema mesmo sem suporte ou qualquer garantia de segurança.

5. Windows 7 é a versão mais usada

O Windows 7 é a versão utilizada por 47% dos usuários do sistema operacional da Microsoft. O número de adeptos da variante mais atual da plataforma, o Windows 10, cresceu 5% em relação ao ano passado, atingindo o patamar de 35,1%. Em seguida, estão o Windows 8.1, com 10,7% e o descontinuado Windows XP, com 4,6% do total dos utentes.

A versão mais recente do Windows ainda não lidera a preferência dos usuários (Foto: Divulgação/ Avast) A versão mais recente do Windows ainda não lidera a preferência dos usuários (Foto: Divulgação/ Avast)

A versão mais recente do Windows ainda não lidera a preferência dos usuários (Foto: Divulgação/ Avast)

6. Computadores têm mais de cinco anos de uso

Apenas 10,40% dos computadores com Windows foram lançados em 2015 ou mais recentemente. De acordo com a pesquisa, a média de tempo de uso de PCs com o sistema é de cinco anos e meio. No entanto, o percentual de máquinas com oito anos de vida útil ou mais é bastante alto: 27,82%.

Cerca de 28% dos computadores com Windows têm mais de 8 anos de uso (Foto: Divulgação/ Avast) Cerca de 28% dos computadores com Windows têm mais de 8 anos de uso (Foto: Divulgação/ Avast)

Cerca de 28% dos computadores com Windows têm mais de 8 anos de uso (Foto: Divulgação/ Avast)

7. HP é a fabricante preferida

A HP é, disparada, a fabricante de computadores preferida, sendo a opção de, aproximadamente, um a cada cinco usuários de Windows. Seus PCs representam 19,8% do total dos notebooks e desktops. Em segundo lugar, há um empate técnico entre três marcas: Acer (10,4%), Asus (10,3%) e Dell (10,2%).

HP é a escolha de um em cinco usuários do Windows (Foto: Divulgação/ Avast) HP é a escolha de um em cinco usuários do Windows (Foto: Divulgação/ Avast)

HP é a escolha de um em cinco usuários do Windows (Foto: Divulgação/ Avast)

8. Mais da metade dos PCs têm 4 GB de RAM

Mais precisamente, 50,6% dos usuários usam computadores com memória RAM de 4 GB, o que pode ser o suficiente para quem apenas precisa utilizar programas padrão, como o pacote Office, e navegar na Internet. Um hardware mais potente é necessário caso haja o desejo de rodar games modernos ou utilizar programas de edição. A segunda colocação ficou com aqueles que têm somente 2 GB de RAM, representando 24,7% das máquinas com sistema operacional.

Gráfico mostra percentual do tipo de memória RAM instalados  (Foto: Divulgação/ Avast) Gráfico mostra percentual do tipo de memória RAM instalados  (Foto: Divulgação/ Avast)

Gráfico mostra percentual do tipo de memória RAM instalados (Foto: Divulgação/ Avast)

9. HDs ainda reinam

Como a média de uso das máquinas com Windows é superior a cinco anos, não surpreende que 85,6% dos computadores utilize HD contra 7,4% equipados com o mais moderno e veloz SSD. Já aqueles com a combinação híbrida de HDD e SSD, na qual o disco mais rápido serve como um drive do sistema e o mecânico é usado para armazenamento de dados, representa somente 6,7% do total.

HDD ainda reina entre tipos de discos instalados nas máquinas Windows (Foto: Divulgação/ Avast) HDD ainda reina entre tipos de discos instalados nas máquinas Windows (Foto: Divulgação/ Avast)

HDD ainda reina entre tipos de discos instalados nas máquinas Windows (Foto: Divulgação/ Avast)

10. Número de PCs quad-core cresceu 4%

Mais um dado resultante do uso da baixa taxa de renovação dos computadores: 75% das máquinas têm processador dual-core, ou seja com dois núcleos. O número de PCs quad-core cresceu 4% em relação ao ano anterior e representa 19% dos usuários. De um modo geral, quanto mais núcleos, que atuam de forma independente, a CPU tiver, melhor é o desempenho da aparelho.

Dados mostram que cerca de 5% ainda utilizam processadores com apenas um núcleo (Foto: Divulgação/ Avast) Dados mostram que cerca de 5% ainda utilizam processadores com apenas um núcleo (Foto: Divulgação/ Avast)

Dados mostram que cerca de 5% ainda utilizam processadores com apenas um núcleo (Foto: Divulgação/ Avast)

Qual é o melhor Windows? Deixe seu comentário no Fórum do TechTudo.

MAIS DO TechTudo