Por Viviane Werneck, da redação

Dez dicas de sobrevivência para iniciantes em Monster Hunter: World Dez dicas de sobrevivência para iniciantes em Monster Hunter: World

Monster Hunter: World, game de aventura da Capcom para PS4, Xbox One e PC (Steam), veio com um objetivo ambicioso: fazer o jogo de caçada a monstros cair de vez no gosto dos gamers ocidentais. Isso porque a franquia sempre foi um sucesso no oriente, em especial no Japão. Algumas mecânicas foram aprimoradas, mas o gameplay diferenciado e o sistema de progressão de personagem por ranking - característico da franquia - ainda estão presentes. E é exatamente aí que alguns jogadores, acostumados a subir de nível por XP, ou pontos de experiência, podem ficar perdidos.

Pensando nisso, o TechTudo montou um guia de sobrevivência para você dar os primeiros passos no jogo sem perder horas tentando entender cada novo tutorial, possibilidade de customização ou missão. Acredite, é muita informação. Sem mais demoras, confira a lista a seguir.

Monster Hunter: World - Gameplay comentado

Monster Hunter: World - Gameplay comentado

1. Qual arma escolher?

Monster Hunter: World dá ao jogador a possibilidade de escolher entre 14 diferentes armas. E cada uma escolhida agrega uma jogabilidade totalmente diferente da outra. Muita opção pode atrapalhar, especialmente se você nunca jogou nada da série antes. A dica aqui é dar uma passada na Área de Treino e testar todas elas. É só falar com o Amigato, que trabalha como zelador, no seu quarto (há algumas entrada para o cômodo em Astera). No treinamento, você poderá explodir e destruir o que quiser sem custos de munição.

A segunda dica é não tentar jogar com todas as armas de uma vez, especialmente no começo. O interessante é escolher uma ou duas e se especializar nisso. Ao progredir no jogo será possível comprar novas armas e ainda aperfeiçoar as que você já tem. É claro que, para isso, será necessário dinheiro (que você ganha ao completar missões), coletar objetos pelo mundo e caçar monstros, às vezes o mesmo várias e várias vezes na esperança de conseguir aquela gema rara. A propósito, todos os itens que podem ser extraídos de criaturas são aleatórios e você precisará ter muita paciência até que a garra que precisa, por exemplo, apareça. Inclusive, paciência é algo que você irá exercitar muito nesse jogo.

Teste todas as armas disponíveis em Monster Hunter: World e, após fazer sua escolha, não deixe de aperfeiçoá-la sempre que possível — Foto: Reprodução/Viviane Werneck Teste todas as armas disponíveis em Monster Hunter: World e, após fazer sua escolha, não deixe de aperfeiçoá-la sempre que possível — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Teste todas as armas disponíveis em Monster Hunter: World e, após fazer sua escolha, não deixe de aperfeiçoá-la sempre que possível — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

2. Não se apegue às armaduras iniciais

O impulso inicial é quase sempre querer aperfeiçoar aquele primeiro ou segundo set de armadura ao máximo, certo? Não faça isso. Mas há uma explicação. Os sets de armaduras são divididos em dois grupos: ranking mais baixo (de raridades 1 a 4) e ranking mais alto (de raridades 5 a 8). Seu foco precisa ser nessa segunda opção, até porque sets de raridade baixa têm limite máximo baixo de aperfeiçoamento.

É claro que para chegar nesse grupo mais alto você precisa progredir na história e, principalmente, sobreviver até lá. A dica é sempre deixar ativa alguma Caçada para ganhar Esferas de Armaduras, itens usados para aperfeiçoar suas vestimentas. Em princípio, aparecerão esferas mais fracas, ideais para dar uma ajudinha na sua armadura inicial, mas use-as com moderação. Elas serão bem mais úteis em equipamentos melhores. Para registrar uma Caçada, basta ir ao Pátio do Comércio (no 1º andar) e ir até o Centro de Recursos. Conforme progredir na campanha, caçadas mais difíceis, e com Esferas de Armaduras mais poderosas, aparecerão.

Para desbloquear novas armaduras é indispensável progredir na campanha principal. No entanto, desbloquear significa apenas tê-la à disposição na Oficina (localizada no 2º andar). Agora é correr atrás dos recursos para forjá-las, além de ter o dinheiro necessário. Novamente, insira o exercício da sua paciência aqui.

Deixar caçadas ativas é uma forma mais prática de conseguir Esferas de Armaduras em Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck Deixar caçadas ativas é uma forma mais prática de conseguir Esferas de Armaduras em Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Deixar caçadas ativas é uma forma mais prática de conseguir Esferas de Armaduras em Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

3. Meu caçador não sobe de nível! O que houve?

Esta, talvez, seja a maior dúvida de quem “caiu de paraquedas” em Monster Hunter pela primeira vez. A progressão de nível clássica, que faz parte da maioria dos jogos ditos ocidentais, onde é necessário matar inimigos e cumprir algumas tarefas para acumular XP (pontos de experiência), só funciona para seu Amigato. Seu personagem progride a partir de um sistema de ranking de caçador.

Em princípio, seu ranking vai subir conforme você progredir na história principal, somente. Não importa quantas vezes você voltar nesse ou naquele monstro para matá-lo ou capturá-lo. Até antes da última batalha da campanha será possível progredir até o nível 15. Assim que derrotar a última criatura, seu ranking será “destravado” e você poderá subir normalmente após completar, com sucesso, um contrato de captura (como missão designada). Para continuando subindo de ranking, será necessário completar missões disponíveis tanto com a Assistente (que geralmente está na Cantina, no 3º andar) quanto em algum dos Quadros de Missões, espalhados por Astera.

Para subir de ranking você precisa avançar na campanha principal. Busque por contratos no Quadro de Missões de Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck Para subir de ranking você precisa avançar na campanha principal. Busque por contratos no Quadro de Missões de Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Para subir de ranking você precisa avançar na campanha principal. Busque por contratos no Quadro de Missões de Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

4. Seu Amigato, seu melhor amigo

Monster Hunter: World não se resume apenas à dor e sofrimento para conseguir o set de armas e armaduras dos sonhos. Ao longo de sua árdua jornada, seu principal escudeiro será um Amigato (Palico), Felynos que fizeram um pacto com os caçadores para ajudá-los em batalhas. Não se engane por sua carinha fofa e peluda. Amigatos são destemidos e muito úteis em batalhas, tanto para te ajudar a derrotar monstros quanto coletar itens extras, mas você precisa equipá-los para tal.

Vá até a Oficina e escolha a opção Forjar Equipamento de Amigato. Se você não tiver participado de nenhum evento ainda, como o que liberou a armadura especial de Horizon Zero Dawn para o Amigato, só aparecerá a opção Equipamento Padrão. A lista de armas e armaduras para seu Palico também será atualizada conforme progredir na campanha e você precisará de itens de criaturas para forjá-las. A única diferença aqui é que ao invés de dinheiro, tudo relacionado aos Amigatos é feito com pontos - conseguidos ao terminar missões e outras tarefas com sucesso.

Além de forjar armas e armaduras, é possível escolher o tipo de habilidade especial do seu Palico. Converse com ele, no seu quarto, e escolha a opção Mudar Equipamento de Amigato. Essas habilidades serão desbloqueadas conforme você encontrar outros grupos de diferentes Felynos pelo mapa, que também te ajudarão nas missões. A critério de curiosidade, é possível dispensar seu Amigato, em uma das opções ao conversar com o bichano. A questão é ter o coração gelado de fazer isso.

Não esqueça de melhorar o equipamento do seu Amigato. Ele é bem útil em batalhas em Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck Não esqueça de melhorar o equipamento do seu Amigato. Ele é bem útil em batalhas em Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Não esqueça de melhorar o equipamento do seu Amigato. Ele é bem útil em batalhas em Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

5. Leve apenas o necessário em sua bolsa

Existem centenas de recursos, espalhados pelo mapa, que podem ser combinados para criar vários itens. Desde as tradicionais poções de cura a bombas de barril e cápsulas de esterco, você terá à sua disposição inúmeras opções de customização, o que pode te levar a querer carregar tudo de uma vez na sua bolsa. Não faça isso. O espaço do seu inventário é limitado e, dependendo da arma que tiver escolhido, o item que você possivelmente está carregando é inútil e só ocupa espaço. O conselho também vale para os coletores compulsivos: você não precisa pegar vários recursos para munição se está usando uma espada, por exemplo.

A dica é otimizar sua bolsa levando itens já prontos para uso e deixar a maior parte das matérias-primas no seu baú pessoal (que pode ser acessado em vários pontos do mapa, inclusive dentro da sua barraca em missões ativas). Se você já souber o que te espera numa missão (qual monstro vai enfrentar e em que ambiente), priorize levar itens que te ajudarão a sobreviver mais tempo. Se for um contrato de captura de monstro, por exemplo, não deixe de levar alguma armadilha e bombas sedativas; você precisará dele vivo.

A propósito, antes de fazer qualquer missão, não deixe de visitar seu baú e ver se é possível criar novos objetos e, ainda, reabastecer o seu estoque da bolsa. Estar no meio da lava e só aí lembrar que esqueceu de pegar algumas bebidas geladas pode ser tarde demais, por exemplo. Também é interessante marcar os itens que mais usa para produção automática.

Antes de sair para uma nova missão em Monster Hunter: World, dê uma passada em sua caixa de itens para criar mais poções e armadilhas, por exemplo — Foto: Reprodução/Viviane Werneck Antes de sair para uma nova missão em Monster Hunter: World, dê uma passada em sua caixa de itens para criar mais poções e armadilhas, por exemplo — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Antes de sair para uma nova missão em Monster Hunter: World, dê uma passada em sua caixa de itens para criar mais poções e armadilhas, por exemplo — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

6. Como sobreviver à câmera do jogo nas batalhas

A câmera de ação de Monster Hunter: World, certamente, vai te estressar antes que qualquer monstro o faça. Especialmente se este é seu primeiro contato com algum título da série. Sabendo disso, o próprio jogo te permite fazer ajustes, como focar a mira em todos os monstros ou apenas nos grandes, direção de mira, velocidade da câmera e etc. Para acessar essas configurações, dentro do game, vá em Sistema, Opções, Câmera.

Não há uma fórmula mágica de melhor câmera a se usar. Tudo depende do seu estilo de jogo e até mesmo do tipo de arma que está usando. Vale testar algumas combinações e ver o que mais se adequa ao seu gosto. Ao todo, existem 16 opções de personalização para você. Divirta-se.

Adapte a câmera de Monster Hunter: World ao seu estilo e não sofra tanto. Enfrentar o Kushala Daora (foto) já é adversário o suficiente  — Foto: Reprodução/Viviane Werneck Adapte a câmera de Monster Hunter: World ao seu estilo e não sofra tanto. Enfrentar o Kushala Daora (foto) já é adversário o suficiente  — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Adapte a câmera de Monster Hunter: World ao seu estilo e não sofra tanto. Enfrentar o Kushala Daora (foto) já é adversário o suficiente — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

7. Como melhor se preparar para enfrentar um monstro

Além de organizar sua bolsa de itens, como dito anteriormente, antes de enfrentar uma criatura é muito importante saber mais sobre ela. Da primeira vez que encontrar um Anjanath, por exemplo, é bem capaz de você ter que enfrentá-lo às escuras, o que pode significar uma morte quase certa. Mas nem sempre precisa ser assim. A maioria dos monstros deixa rastros (pegadas, mucos, partes do corpo) e, um dos seus trabalhos como caçador, é coletar esses rastros para aprender mais sobre o seu alvo. Quando coletar rastros suficientes será possível visualizar o monstro no mapa.

Lembrando que é importante visitar o Chefe de Ecologia, que fica no Pátio do Comércio, para apresentar suas descobertas e, assim, desbloquear mais informações para o Bestiário. Este catálogo contém informações úteis, como: características dos monstros, habitats, pontos fracos, que efeitos eles sofrem e etc. Quanto mais rastros você coletar, mais informações serão desbloqueadas.

Dica de ouro: antes de sair para uma caçada, não deixe de passar na cantina para comer alguma coisa. Além de se manter mais ativo em batalha, você ainda pode ganhar bônus de comida.

Mesmo já tendo reconhecido e localizado um monstro, nunca deixe de coletar rastros sempre que possível em Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck Mesmo já tendo reconhecido e localizado um monstro, nunca deixe de coletar rastros sempre que possível em Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Mesmo já tendo reconhecido e localizado um monstro, nunca deixe de coletar rastros sempre que possível em Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

8. Como conseguir itens para forjar armas e armaduras

Essa é a parte mais adoravelmente sofrida do jogo. O ponto alto do game é caçar monstros, por isso, se quiser aquele set de armadura ou arma de ranking 8 você terá que ir caçar… E muito! Entre no Quadro de Missões e escolha entre publicar ou entrar numa nova missão. Se sua intenção é conseguir algumas partes em específico, a melhor opção são os contratos de Investigações, que além dos itens normais recebidos ao completar a missão com sucesso, também dão matérias-primas extras.

Ativar os tickets diários, recebidos ao entrar no game, antes das missões também aumentam as chances de prêmios recebidos. Há sempre recursos extras que podem ser conseguidos enviando Amigatos para Safaris. Para isso, é só visitar o zelador em seu quarto quando o serviço estiver ativo.

Responder ao SOS de outros jogadores também é interessante, especialmente se filtrar sua busca pelo monstro que está procurando. A partir daí é pura loteria: você pode conseguir o item que precisa de primeira ou ter que refazer a mesma missão várias vezes até conseguir. E se estiver jogando em modo multiplayer, ainda tem o risco de passar quase 50 minutos numa caçada e, por azar, os jogadores excederem o número de desmaios (geralmente são 3) e a missão falhar. Procure não se desesperar. Mantenha o foco, você vai conseguir!

Fazer Investigações pode ser a melhor maneira de conseguir itens mais raros para suas armas e armaduras de Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck Fazer Investigações pode ser a melhor maneira de conseguir itens mais raros para suas armas e armaduras de Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Fazer Investigações pode ser a melhor maneira de conseguir itens mais raros para suas armas e armaduras de Monster Hunter: World — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Dica de ouro: sempre que possível, capture um monstro ao invés de matá-lo. Capturas rendem mais itens. Durante a luta, espere aparecer a imagem de uma caveirinha em cima do ícone do monstro no mini mapa, e pare de bater nele (ou você irá matá-lo). Espere até que ele se arraste para o ninho e durma. Coloque uma armadilha bem próximo e, assim que ele cair nela, jogue duas ou três bombas sedativas nele. Também é possível capturar uma criatura antes de ela ir para o ninho, desde que apareça a caveirinha no mini mapa, mas a primeira opção é mais segura.

9. “It's dangerous to go alone” (É perigoso ir sozinho)

Como um velhinho aconselhou Link, em The Legend of Zelda, a não enfrentar os perigos que estavam por vir sozinho, a melhor experiência de Monster Hunter: World é mesmo jogar com outras pessoas. Vale ressaltar que, em nenhum momento, o game te obriga a jogar em modo multiplayer. No entanto, por mais que você seja um lobo solitário, dê uma chance ao modo cooperativo. E o motivo é bem simples: cada jogador tem a possibilidade de complementar o outro em alguma estratégia, especialmente tendo 14 tipos de armas diferentes à disposição.

Jogar em grupo também te ajuda a respirar um pouco numa batalha, enquanto a atenção dos monstros está nos outros caçadores. Assim você pode, por exemplo, afiar sua arma, trocar o tipo de munição, beber uma poção, coletar alguma parte da criatura que caiu no chão, ou simplesmente descobrir onde a câmera resolveu focar dessa vez. De qualquer maneira, Monster Hunter: World é uma das experiências online mais satisfatórias dessa geração, basta apenas a Capcom resolver alguns probleminhas de sessões caindo de vez em quando.

Os membros do seu grupo atual de Monster Hunter: World ficam listados no canto superior esquerdo da tela, logo abaixo do seus status — Foto: Reprodução/Viviane Werneck Os membros do seu grupo atual de Monster Hunter: World ficam listados no canto superior esquerdo da tela, logo abaixo do seus status — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Os membros do seu grupo atual de Monster Hunter: World ficam listados no canto superior esquerdo da tela, logo abaixo do seus status — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

10. Bônus: personalize seu poogie

Isso não vai mudar em absolutamente nada o seu gameplay e nem se encaixaria como uma dica de sobrevivência, mas é necessário ser dito: customize seu porquinho de estimação. Em Astera (o acampamento base do jogo), você verá perambulando pelo Pátio de Comércio um simpático porquinho de pijama.

Brinque com ele e resolva o mini game, que basicamente se resume a apertar um botão, na hora certa, ao final da música. Faça isso toda vez que chegar de uma missão (ou sempre porque ele é fofo). Em algum momento, ele pulará de felicidade e corações aparecerão sobre a cabeça dele. Pegue-o no colo e leve-o para passear no primeiro andar. Ao sentir o controle vibrar na sua mão coloque-o no chão. Seu poogie começará a cavar e pode encontrar itens para seu uso em batalhas, além de roupinhas para ele. Importante: não se esqueça de dar-lhe um nome!

Brinque e personalize o seu poogie de Monster Hunter: World. Ele é fofo — Foto: Reprodução/Viviane Werneck Brinque e personalize o seu poogie de Monster Hunter: World. Ele é fofo — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Brinque e personalize o seu poogie de Monster Hunter: World. Ele é fofo — Foto: Reprodução/Viviane Werneck

Quais os melhores jogos no estilo Monster Hunter? Comente do fórum do TechTudo.

Mais do TechTudo