Como configurar e utilizar o sistema de previsões do Excel

Crie planilhas de previsões, testes de hipóteses e estimativas

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Daniel Ribeiro, Para o Techtudo

O Microsoft Excel é um editor de planilhas com eficientes recursos para comparar dados. O programa também conta com um sofisticado sistema de análises e previsões lógicas que facilita cálculos e estimativas com operações matemáticas.

Para utilizar estas ferramentas, o usuário deve acessar comandos da aba “Dados” e configurar certas características das planilhas. Confira neste tutorial como usar os recursos do sistema de previsões do Excel.

Como criar gráficos no Microsoft Excel

Como criar gráficos no Microsoft Excel

Teste de Hipóteses: Função Atingir Metas

Passo 1. O recurso “Atingir Metas” faz com que o Excel estime um valor de acordo com a meta estimada para uma fórmula. No exemplo em destaque, o objetivo é saber o quanto se deve gastar em livros para não ultrapassar um orçamento. Para usar esta ferramenta, na aba “Dados”, selecione o botão “Teste de Hipóteses” e escolha “Atingir Metas”;

Na aba “Dados”, aperte o comando “Teste de Hipóteses” e selecione “Atingir Metas” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) Na aba “Dados”, aperte o comando “Teste de Hipóteses” e selecione “Atingir Metas” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Na aba “Dados”, aperte o comando “Teste de Hipóteses” e selecione “Atingir Metas” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Passo 2. Em seguida, selecione o campo “Definir célula” e escolha a célula com a fórmula de soma em sua tabela. No caso, é necessário que haja uma soma na planilha para o recurso funcionar;

Em “Definir célula”, insira o campo com a fórmula que você deseja utilizar para estimativa (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) Em “Definir célula”, insira o campo com a fórmula que você deseja utilizar para estimativa (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Em “Definir célula”, insira o campo com a fórmula que você deseja utilizar para estimativa (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Passo 3. No campo “Para valor” digite o total que você deseja alcançar na fórmula previamente selecionada;

No campo em destaque, insira a meta que você deseja alcançar (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) No campo em destaque, insira a meta que você deseja alcançar (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

No campo em destaque, insira a meta que você deseja alcançar (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Passo 4. No campo “Alternando célula”, digite a célula cujo valor será estimado, de acordo com a meta definida para a fórmula anteriormente selecionada;

Em “Alternando célula” insira o campo que será estimado (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) Em “Alternando célula” insira o campo que será estimado (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Em “Alternando célula” insira o campo que será estimado (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Passo 5. Pressione “Ok” para concluir. O Excel fará o cálculo, apresentará uma janela com um pequeno relatório das operações, enquanto o valor estimado para meta será inserido na planilha automaticamente;

Ao concluir a operação, o valor é inserido na planilha e pequeno relatório será apresentado (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) Ao concluir a operação, o valor é inserido na planilha e pequeno relatório será apresentado (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Ao concluir a operação, o valor é inserido na planilha e pequeno relatório será apresentado (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Planilha de Previsão

Passo 1. Para utilizar o recurso Planilha de Previsão, é preciso utilizar uma sequência numeral na linha de denominação das colunas principais. No exemplo abaixo, os meses foram transformados em seus respectivos números;

A Planilha de Previsão só funciona se a denominação das colunas estiver em uma sequência de números (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) A Planilha de Previsão só funciona se a denominação das colunas estiver em uma sequência de números (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

A Planilha de Previsão só funciona se a denominação das colunas estiver em uma sequência de números (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Passo 2. Em seguida, selecione toda a tabela que você deseja transformar em Planilha de Previsão e, na aba “Dados”, clique no botão do recurso em destaque na imagem, no canto superior direito;

Selecione a tabela e, na aba “Dados” aperte “Planilha de Previsão” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) Selecione a tabela e, na aba “Dados” aperte “Planilha de Previsão” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Selecione a tabela e, na aba “Dados” aperte “Planilha de Previsão” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Passo 3. Uma janela será aberta exibindo a Planilha de Previsão. Defina os valores e o formato dos gráficos apresentados e conclua a operação no botão “Criar”;

Escolha o modelo gráfico da Planilha de Previsão e aperte “Criar” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) Escolha o modelo gráfico da Planilha de Previsão e aperte “Criar” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Escolha o modelo gráfico da Planilha de Previsão e aperte “Criar” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Passo 4. Ao final da operação, o Microsoft Excel irá criar uma nova aba de planilha com os valores e os gráficos determinados pela Planilha de Previsão;

A Planilha de Previsão será montada em uma nova planilha do Excel (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) A Planilha de Previsão será montada em uma nova planilha do Excel (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

A Planilha de Previsão será montada em uma nova planilha do Excel (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Teste de Hipóteses: Função Tabela de Dados

Passo 1. A Tabela de Dados permite criar uma estimativa através da multiplicação e soma de dois ou mais valores. O exemplo a seguir busca saber o total da venda com novos valores para preços de dois produtos;

A Tabela de Dados estima diferentes valores em uma série de operações matemáticas (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) A Tabela de Dados estima diferentes valores em uma série de operações matemáticas (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

A Tabela de Dados estima diferentes valores em uma série de operações matemáticas (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Passo 2. Para o recurso funcionar, é preciso que uma das estimativas esteja em uma sequência de linhas, enquanto a outra em uma sequência de colunas, como na imagem abaixo. O total das operações matemáticas que serão calculadas deve estar no encontro entre as sequências, como indicado pela seta da imagem;

Coloque os valores que serão estimados no formato indicado na figura (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) Coloque os valores que serão estimados no formato indicado na figura (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Coloque os valores que serão estimados no formato indicado na figura (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Passo 3. Em seguida, selecione a tabela com as sequências indicadas e, na aba “Dados”, selecione “Teste de Hipóteses” e, depois, a opção “Tabela de Dados...”;

Marque a tabela criada e, em “Dados”, clique em “Teste de Hipóteses” e escolha “Tabela de Dados...” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) Marque a tabela criada e, em “Dados”, clique em “Teste de Hipóteses” e escolha “Tabela de Dados...” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Marque a tabela criada e, em “Dados”, clique em “Teste de Hipóteses” e escolha “Tabela de Dados...” (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Passo 4. Nos campos da janela do recurso, insira os valores originais que foram operacionalizados em contas matemáticas, indicando o que está na sequência de linhas e o outro, na de colunas. No exemplo, foram escolhidos os valores dos produtos no mês anterior - inclusive, o número de itens vendidos é o valor total anteriormente indicado;

Escreva os valores que serão estimados, indicando o que está na sequência de linhas e o que está na sequência de colunas (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) Escreva os valores que serão estimados, indicando o que está na sequência de linhas e o que está na sequência de colunas (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Escreva os valores que serão estimados, indicando o que está na sequência de linhas e o que está na sequência de colunas (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

Passo 5. Após confirmar em “Ok”, a tabela será montada indicando o total em cada estimativa de valor definido pelas linhas e colunas originais;

O resultado exibirá uma tabela com as operações matemáticas entre cada valor (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro) O resultado exibirá uma tabela com as operações matemáticas entre cada valor (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

O resultado exibirá uma tabela com as operações matemáticas entre cada valor (Foto: Reprodução/Daniel Ribeiro)

MAIS DO TechTudo