Por Barbara Mannara, Para o TechTudo


É preciso estar atento às configurações de privacidade de apps instalados no computador, pois elas podem abrir brechas de segurança que o usuário nem desconfia no dia a dia. Por exemplo, alguns aplicativos para Windows podem acessar livremente a biblioteca de fotos e vídeos do PC.

No entanto, é possível mudar a autorização de cada programa no PC, e descobrir a quais arquivos cada um deles têm acesso. Essas opções estão disponíveis nas configurações do sistema, e é possível desativar de vez qualquer permissão, para que nenhum dos apps acessem imagens e vídeos pessoais. Confira como configurar a privacidade dos aplicativos no passo a passo deste tutorial.

Descubra quais apps estão acessando sua biblioteca de fotos e vídeos — Foto: Barbara Mannara/TechTudo Descubra quais apps estão acessando sua biblioteca de fotos e vídeos — Foto: Barbara Mannara/TechTudo

Descubra quais apps estão acessando sua biblioteca de fotos e vídeos — Foto: Barbara Mannara/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Passo 1. Acesse o menu do Windows e selecione o botão de "Configurações";

Abra as configurações do Windows no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara Abra as configurações do Windows no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Abra as configurações do Windows no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Passo 2. Em seguida, selecione as configurações de "Privacidade";

Acesse as configurações de privacidade no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara Acesse as configurações de privacidade no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Acesse as configurações de privacidade no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Passo 3. Role o menu lateral até o final e encontre o item de "Imagens". Para começar, veja se a chave de permissão de acesso à biblioteca está em "Ativado" (azul: permite personalizar quais programas podem acessar) ou mantenha como "Desativado" (cinza: para impedir que todos os apps acessem a biblioteca de fotos);

Descubra se há permissão ativa para apps acessarem a biblioteca de imagens — Foto: Reprodução/Barbara Mannara Descubra se há permissão ativa para apps acessarem a biblioteca de imagens — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Descubra se há permissão ativa para apps acessarem a biblioteca de imagens — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Passo 4. Em seguida, para descobrir quais apps podem visualizar sua biblioteca de imagens, role a tela e encontre a listagem de programas com a chave em ativado. Desative os aplicativos que você deseja remover o acesso;

Personalize quais apps podem ter acesso à biblioteca de imagens no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara Personalize quais apps podem ter acesso à biblioteca de imagens no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Personalize quais apps podem ter acesso à biblioteca de imagens no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Passo 5. Para proteger a privacidade dos seus vídeos pessoais no PC, encontre o item de "Vídeos", no menu da lateral esquerda. Verifique se a permissão de acesso está como "Ativado" (em azul: permissão personalizada) ou deixe como "Desativado" para impedir que todos os apps acessem a biblioteca de vídeos;

Descubra se há permissão de acesso de apps na biblioteca de vídeos no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara Descubra se há permissão de acesso de apps na biblioteca de vídeos no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Descubra se há permissão de acesso de apps na biblioteca de vídeos no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Passo 6. Caso prefira manter ativado para apps personalizados, você pode descobrir quais estão com o acesso especial na listagem logo em seguida, em todos que contam com a chave azul ativada. Para remover a permissão de apps pontuais, desative a chave.

Personalize quais apps poderão acessar sua biblioteca de vídeos no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara Personalize quais apps poderão acessar sua biblioteca de vídeos no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Personalize quais apps poderão acessar sua biblioteca de vídeos no PC — Foto: Reprodução/Barbara Mannara

Pronto. Agora o usuário pode ficar mais tranquilo com o controle dos softwares que podem acessar a biblioteca de imagens e vídeos. Os testes deste tutorial foram feitos no Windows 10.

Como gravar a tela de um notebook com Windows

Como gravar a tela de um notebook com Windows

MAIS DO TechTudo