Produtividade

Por Paulo Alves, para o TechTudo


O Registrato é um extrato do registro de informações do Banco Central do Brasil que consolida dívidas e as operações de crédito e câmbio de uma pessoa com uma determinada instituição financeira. O painel da autarquia federal permite consultar online, pelo computador, o histórico de pessoa física ou jurídica gerado por bancos e financeiras. É possível, por exemplo, descobrir a existência de todas as contas bancárias associadas, ativas ou inativas, saber as últimas dívidas liquidadas ou não, além de obter relatórios de envio de valores para o exterior. Veja como entrar no sistema consolidado do Banco Central usando o CPF e uma validação por meio do Internet banking para consultar seu Registrato.

Aprenda a acessar o Registrato no Banco Central — Foto: Paulo Alves/TechTudo Aprenda a acessar o Registrato no Banco Central — Foto: Paulo Alves/TechTudo

Aprenda a acessar o Registrato no Banco Central — Foto: Paulo Alves/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Veja também: como consultar seu CPF no Serasa de graça

Como consultar CPF no Serasa; app grátis funciona no celular

Como consultar CPF no Serasa; app grátis funciona no celular

Passo 1. Acesse a página de credenciamento do Registrato no site do Banco Central (credenciamento.bcb.gov.br/via-bcb/0) e preencha seu cadastro com CPF, data de nascimento e primeiro nome da mãe. Em seguida, informe um banco que será usado para validar os dados de cadastro. Clique em “Próximo” para avançar;

Inicie o credenciamento no Registrado do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves Inicie o credenciamento no Registrado do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Inicie o credenciamento no Registrado do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 2. O Banco Central irá fornecer uma frase de segurança. Clique no botão ao lado para copiar a sequência. Ainda não feche o site;

Copie a frase de segurança — Foto: Reprodução/Paulo Alves Copie a frase de segurança — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Copie a frase de segurança — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 3. Em seguida, abra uma nova aba no navegador e acesse o seu banco pela Internet. Busque pela opção “Registrato”. Os principais bancos oferecem o credenciamento online, mas só Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil permitem realizar o procedimento também via aplicativo;

Busque pelo cadastro do Registrato no site do seu banco — Foto: Reprodução/Paulo Alves Busque pelo cadastro do Registrato no site do seu banco — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Busque pelo cadastro do Registrato no site do seu banco — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 4. Informe a frase de segurança e digite a sua senha para validar o acesso;

Cole a frase de segurnaça do BACEN no site do seu banco — Foto: Reprodução/Paulo Alves Cole a frase de segurnaça do BACEN no site do seu banco — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Cole a frase de segurnaça do BACEN no site do seu banco — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 5. Após a validação, o Banco Central já permitirá avançar no credenciamento. De volta ao cadastro, clique em “Próximo” no rodapé da página;

Prossiga com o credenciamento no site do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves Prossiga com o credenciamento no site do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Prossiga com o credenciamento no site do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 6. Informe novamente o CPF, a frase de segurança e a instituição financeira. Abaixo, coloque seu endereço de e-mail e crie uma senha de oito dígitos;

Informe de novo CPF, frase e banco e crie uma senha — Foto: Reprodução/Paulo Alves Informe de novo CPF, frase e banco e crie uma senha — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Informe de novo CPF, frase e banco e crie uma senha — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 7. Role a página e clique em “Concluir credenciamento” para finalizar o procedimento. Se tudo der certo, você verá uma janela popup com o botão “Acessar Registrato”.

Finalize o credenciamento no Registrato do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves Finalize o credenciamento no Registrato do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Finalize o credenciamento no Registrato do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Como gerar relatórios no Registrato do Banco Central

Passo 1. Para entrar no painel, acesse a página de login do Registrato (www3.bcb.gov.br/registrato) e use o seu CPF e a senha configurada no credenciamento online;

Use CPF e a senha configurada no cadastro para entrar no Registrato — Foto: Reprodução/Paulo Alves Use CPF e a senha configurada no cadastro para entrar no Registrato — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Use CPF e a senha configurada no cadastro para entrar no Registrato — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 2. Você verá uma tela dividida entre dívidas, relacionamentos e câmbio, mas ainda sem relatórios disponíveis. Clique em "Consultar" em cada um deles para gerar os relatórios;

É possível gerar três tipos de relatório no Registrato do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves É possível gerar três tipos de relatório no Registrato do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves

É possível gerar três tipos de relatório no Registrato do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 3. Em cada categoria, aceite os termos de uso e clique no botão ao lado para gerar o relatório;

Gere os relatórios um a um no Registrato do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves Gere os relatórios um a um no Registrato do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Gere os relatórios um a um no Registrato do Banco Central — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 4. O relatório de dívidas mostra todos os débitos em instituições financeiras, incluindo os valores vencidos e o montante atual devido;

Relatório mostra dívidas antigas e atuais em bancos — Foto: Reprodução/Paulo Alves Relatório mostra dívidas antigas e atuais em bancos — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Relatório mostra dívidas antigas e atuais em bancos — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 5. O relatório de relacionamento fornece uma lista consolidada com todas as instituições financeiras com as quais o CPF já teve ou ainda tem uma conta, seja uma conta-corrente ou uma conta de pagamentos. As que estão inativas trazem uma data de finalização na coluna mais à direita;

Banco Central mostra todas as instituições financeiras que o CPF tem relacionamento — Foto: Reprodução/Paulo Alves Banco Central mostra todas as instituições financeiras que o CPF tem relacionamento — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Banco Central mostra todas as instituições financeiras que o CPF tem relacionamento — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Passo 6. No painel de câmbio, o Banco Central emite um relatório com todas as transações em moeda estrangeira realizada pela pessoa física. O arquivo PDF, porém, leva até dois dias úteis para ser disponibilizado para download.

Relatório de operações em moeda estrangeira levam dois dias para serem gerados — Foto: Reprodução/Paulo Alves Relatório de operações em moeda estrangeira levam dois dias para serem gerados — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Relatório de operações em moeda estrangeira levam dois dias para serem gerados — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Mover apps para cartão de memória: como fazer? Descubra no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo