Streamers

Por Leandro Eduardo, para o TechTudo


O streamer é o profissional responsável por transmitir vídeos ao vivo na Internet. A carreira com as lives, que é nova, pode ser uma ótima oportunidade para ganhar dinheiro. No Brasil, as principais plataformas de streams são o YouTube, a NimoTV, a Twitch TV, o Mixer e o Facebook Gaming. Os influenciadores são remunerados quando conseguem bater as metas estabelecidas com as plataformas. Fazer lives de games é uma tendência, e jogos como Free Fire, Fortnite, Call of Duty: Modern Warface, League of Legends (LoL) e Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) são muito populares. Veja, a seguir, algumas dicas para abrir um canal de sucesso.

Ninja foi o streamer que mais lucrou em 2019, segundo a Forbes. Atualmente ele faz lives na Mixer — Foto: Divulgação/Ninja

Quer comprar jogos, consoles e PC's com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Escolha a plataforma ideal para você

O primeiro passo antes de abrir o seu canal é escolher a plataforma ideal para o seu público e para você. Escolher uma plataforma com interface confusa, que possa dificultar a usabilidade dos espectadores, não é uma boa ideia. Além disso, outro aspecto que deve ser observado é a disponibilidade multiplataformas. Recomenda-se plataformas disponíveis em versão web (site) e em aplicativos para celulares Android e iPhone (iOS).

A Twitch disponibiliza aplicativos para PC, TV e dispositivos móveis — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

As principais plataformas do mercado aceitam que qualquer pessoa transmita jogatinas. Mas, vale ressaltar que, ao aceitar transmitir, os streamers devem cumprir todas as diretrizes de comunidade para evitar que a conta seja suspensa temporariamente ou definitivamente da plataforma. A Twitch, por exemplo, já baniu jogadores por discurso de ódio, exibir de nudez, agressão a animal de estimação e até mesmo dar tiro com arma de fogo ao vivo.

Equipamentos

Para fazer transmissões de qualidade também é necessário ter equipamentos com boas configurações. Por exemplo, caso o foco seja realizar lives de jogos de PC, como GTA 5 e Fortnite, o streamer deve ter uma máquina capaz de executar tarefas simultâneas: gravar e enviar a transmissão para plataforma e rodar o game sem travamentos. Por isso, escolha um PC com placa de vídeo, processador e memória RAM adequadas.

Para fazer transmissões de jogos mobiles, como PUBG Mobile e Free Fire, o streamer deve ter um computador e placa de captura de vídeo. As placas de capturas são conectadas ao smartphone e enviam a imagem e áudio diretamente para o PC, que repassa a transmissão para plataforma de streaming. As placas de captura mais populares do mercado são da marca Elgato e AverMedia, com preços que variam entre R$ 500 e R$ 1 mil.

A placa de captura da Elgato é um dos equipamentos necessários para lives de jogos mobile — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Escolha de tema e formato

Enquanto transmite a jogatina, o streamer também deve conversar sobre assuntos que possam interessar ao seu público-alvo. Isso evita que as transmissões fiquem silenciosas e, ao mesmo tempo, instiga o retorno e proximidade do público. Portanto, o primeiro passo é identificar a idade do público-alvo e, posteriormente, definir temas que possam deixar os espectadores interessados nas lives. Assuntos que estão em alta no cenário gamer são alguns dos temas que podem ser conversados nas transmissões. Contar história sobre a vida do streamer também é uma forma de aproximar o público.

Interaja e ouça seu público

A interação também é importante para fidelização do público. Por isso, atenha-se ao chat da plataforma e, sempre que possível, responda as principais perguntas do público. Pedir o feedback do público sobre as lives também é importante para melhorar a qualidade do conteúdo. Vale ressaltar que muitas plataformas remuneram o streamer de acordo com número de visualizações, por isso, é importante conquistar fãs.

Interagir com público é essencial para fidelizar o público. Na foto, o influenciador Victor "Coringa", da LOUD, em live na Nimo TV — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Acompanhe outras lives com o mesmo assunto que o seu

Caso seja iniciante, o mais recomendável é assistir às transmissões de outros streamers com o mesmo assunto ou jogo que o seu. Analise as principais plataformas de streaming, identifique os principais influenciadores e verifique como cada um se comporta nas lives. Mas não tente imitar streamers conhecidos e estabelecidos no cenário gamer. Construa suas próprias características para conquistar seu público.

Assista lives de outros streamers com mesmo assunto que o seu. Na foto, YoDa um dos streamers mais populares do Brasil — Foto: Reprodução/Leandro Eduardo

Analise o resultado dos seus vídeos

Monitorar a audiência das transmissões é fundamental para entender o público-alvo e o seu conteúdo. Por meio dela, os streamers podem avaliar o sucesso das lives, analisando os temas e formatos que deram mais certo. Assim, é possível ser mais assertivo nas próximas streams. Por exemplo, a Twitch TV oferece um painel de estatísticas com total de visualizações, novos seguidores, duração da stream, máximo de espectadores e um mapa de calor exibindo horas de transmissão ao longo do último mês.

Não consegue ver lives pelo PC? Veja dicas no Fórum TechTudo

Mais do TechTudo