Smartwatches

Por Helito Beggiora, para o TechTudo


O Apple Watch apresenta uma bateria com promessa de autonomia de 18 horas de uso ou até cinco horas de treino ao ar livre com GPS e LTE, no caso do modelo com telefonia celular. No entanto, a duração real da bateria varia de acordo com o perfil de uso, rede, configuração e outros fatores. Em geral, o relógio da Apple deve aguentar um dia inteiro longe das tomadas. Usuários que desejam otimizar ao máximo a autonomia da bateria do dispositivo podem fazer alguns ajustes e desativar funções não usadas para poupar energia. Confira a seguir oito dicas sobre como fazer a bateria do Apple Watch durar mais.

O procedimento foi realizado em um Apple Watch Series 5 e em um iPhone XR com iOS 13. Os truques também valem para os demais modelos do relógio inteligente e do celular da Apple.

Dicas mostram como melhorar a autonomia do Apple Watch — Foto: Helito Beggiora/TechTudo

Desligue o sensor de frequência cardíaca

Durante exercícios de corrida ou caminhada, o Apple Watch usa o sensor de frequência cardíaca para monitorar os batimentos do coração do usuário. É possível desativar o recurso para economizar bateria, especialmente se o exercício for de longa duração. Neste caso, de acordo com a Apple, o cálculo da queima de calorias pode não ser preciso.

Passo 1. No Apple Watch, desbloqueie o relógio e pressione o botão da Coroa Digital para acessar o menu. Por lá, abra o app de ajustes.

Acesse as configurações do watchOS — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Passo 2. Agora, abra as configurações do app "Exercício" e ative o recurso "Economia de Energia".

Ativando economia de energia em exercícios — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Desative atualizações de apps em segundo plano

Por padrão, o Apple Watch permite que os aplicativos executem tarefas em segundo plano. O recurso deixa que os apps atualizem e baixem informações mesmo quando o relógio não está sendo usado, mas isso faz com que o dispositivo precise rodar vários processos ao mesmo tempo e gaste mais energia.

Passo 1. Para desativar as atualizações em segundo plano, acesse as configurações do watchOS e vá em "Geral". Por lá, abra "Atualização em 2º Plano".

Acesse as configurações de apps em segundo plano — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Passo 2. Desative a opção "Atualização em 2º Plano" para impedir que qualquer app execute tarefas em segundo plano. Também e possível deslizar a tela para cima para desativar o recurso para aplicativos específicos.

Desativando atualizações em segundo plano — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Desative a opção despertar a tela ao levantar o braço

O Apple Watch, por padrão, acende a tela do relógio ao levantar o braço. Caso o usuário mexa muito as mãos, a tela é ativada com frequência e a duração da bateria pode ser comprometida. Para desativar o recurso, acesse as configurações do watchOS e abra "Geral". Vá em "Despertar Tela" e, por fim, desative "Despertar ao Levantar Braço". Quando quiser acender a tela, é só tocar nela ou pressionar a Coroa Digital.

Desativando despertar da tela ao levantar braço — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Desative o display sempre ligado

A partir do Apple Watch Series 5, a tela fica ligada o tempo todo. Embora a Apple prometa a mesma autonomia da bateria das versões anteriores, o recurso costuma consumir bastante energia e, se desativado, pode prolongar a bateria. É possível desativar a função acessando as configurações de "Tela e Brilho". Em "Sempre Ativo", desative a opção de mesmo nome. Dessa forma, basta levantar o braço para acender a tela ou tocar sobre ela, caso também tenha desativado este recurso.

Desativando tela sempre ativa — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Desative as notificações de apps

O Apple Watch sai de fábrica com a função de espelhar todas as notificações do iPhone (iOS) na tela do relógio. No entanto, além de prejudicar a autonomia da bateria, isso pode ser um incômodo ao usuário dependendo do número de alertas. Neste caso, a dica é desativar as notificações dos aplicativos indesejados e deixar somente o necessário. Ao fazer isso, os apps desativados continuam exibindo os alertas na tela do celular.

Desativando notificação de um app — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Ative o modo economia de energia

O Apple Watch conta com um modo de reserva de energia que permite prolongar a duração da bateria. O recurso desativa todos os recursos inteligentes do dispositivo, exceto a exibição do horário. Para ativar a economia de energia, toque sobre a porcentagem da bateria, na tela principal do Watch, ou acesse as configurações de bateria, nos ajustes. Agora, deslize o botão "Reserva de energia" para direita e confirme em "Continuar".

Ativando reserva de energia — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Mantenha o software atualizado

O software do Apple Watch é constantemente atualizado para receber novos recursos, correções de falhas e melhorias que podem aumentar a autonomia da bateria. Os updates são gratuitos e podem ser instalados a partir do app do relógio, no iPhone (iOS), ou pelo próprio dispositivo.

Verificando atualização de software — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Mantenha o Bluetooth do iPhone ligado

De acordo com a Apple, desativar o Bluetooth no iPhone aumenta o consumo de bateria do Apple Watch, pois neste caso os dados serão transmitidos por Wi-Fi. Para uma conexão com menor consumo de energia entre os dispositivos, mantenha sempre o Bluetooth ativado. Você pode verificar se o Bluetooth do celular está ativo acessando as configurações de Bluetooth, no app Ajustes, ou na central de controle do iOS.

Verifique se o bluetooth do iPhone está ativado — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Com informações da Apple

Veja cinco dicas para organizar o celular

Mais do TechTudo