Celulares

Por Willian Rodrigues, para o TechTudo

Divulgação/Xiaomi

A Xiaomi trouxe para o Brasil quatro celulares com “Redmi 10” no nome que contam com ficha técnica de respeito. Apesar da nomenclatura, Redmi Note 10, 10S, 10 Pro e 10 5G têm diferenças significativas, dentre elas a câmera, que pode chegar a 108 MP. Os smartphones estão disponíveis por preços a partir de R$ 1.799. O Redmi Note 10 Pro é o mais robusto, e chega a custar R$ 3.128 na loja oficial. A seguir, confira o comparativo entre os produtos da linha Note 10.

Os aparelhos são vendidos nas cores cinza, azul, verde, branca, prata e bronze, com cores diferentes para os quatro modelos. Os processadores equipados também variam, e podem ser Snapdragon e Mediatek. Vale lembrar que celulares da Xiaomi podem ser vistos por preços menores, mas podem ser fruto de contrabando. A gigante chinesa não oferece garantia e suporte técnico para telefones não oficiais.

Redmi Note 10

Xiaomi Redmi Note 10 tem tela Full HD+ e proteção Gorilla Glass 3 — Foto: Divulgação/Xiaomi

A primeira versão do Redmi Note 10 é a mais simples, porém não menos atrativa. O celular intermediário tem tela de 6,4 polegadas, do tipo Super AMOLED, com resolução Full HD+ e proteção Gorilla Glass 3. Ela deve proporcionar imagens nítidas e brilhantes. Além disso, o leitor de impressão digital fica localizado na lateral do aparelho. O modelo tem acabamento em plástico e proteção IP53 contra respingos e poeira. Ele roda Android 11.

O smartphone tem câmera quádrupla na traseira e frontal simples. O zoom digital pode ser uma desvantagem, já que tende a piorar a qualidade das fotos. Alguns recursos interessantes são a gravação de vídeos em 4K e a gravação em câmera lenta, que permite filmar em até 960 fps (vídeos comuns tem de 24 a 60 fps).

As câmeras do Redmi Note 10 ficam dispostas da seguinte maneira:

  • Câmera principal de 48 MP (f/1.8)
  • Ultra wide de 8 MP (f/2.2)
  • Macro de 2 MP (f/2.4)
  • Profundidade de 2 MP (f/2.4)
  • Câmera frontal de 13 MP (f/2.45)

Redmi Note 10 tem câmera quádrupla em módulo retangular — Foto: Divulgação/Xiaomi

As demais especificações do telefone são medianas, com exceção da bateria de 5.000 mAh, que promete até 2 dias longe da tomada. O aparelho tem duas versões de armazenamento: 64 GB e 128 GB. O processador do aparelho é o Snapdragon 678, da Qualcomm (processador de 8 núcleos, que roda a uma frequência de até 2,2 GHz). Além disso, ele tem 4 GB de memória RAM e aceita cartões de memória microSD de até 512 GB.

A Xiaomi vende o Redmi Note 10 oficialmente no país pelo valor de R$ 1.799 nas cores cinza, verde e branca. O smartphone conta com carregador rápido de 33 W presente na caixa — diferente de diversas marcas que abandonaram o acessório. O telefone tem ainda USB-C, Bluetooth 5.0 e pode se conectar a redes Wi-Fi nas faixas de 2,4 GHz e 5 GHz.

O Redmi Note 10 é o celular da linha com melhor custo-benefício.

Redmi Note 10S

Redmi Note 10s tem câmera e processador melhores — Foto: Divulgação/Xiaomi

As principais mudanças em relação ao modelo anterior residem na câmera e no processador. De acordo com sites especializados, o Mediatek Helio G95 presente no Redmi Note 10S deve apresentar maior rapidez que o Snapdragon 678, ainda que tenha frequência máxima inferior. O AnTuTu registra performance 28% superior no componente da Qualcomm. A conexão Bluetooth do aparelho é 5.1, melhor que na versão básica.

A câmera principal também é melhor que no telefone padrão, com um sensor principal de 64 MP. A maior quantidade de megapixels deve resultar em imagens mais nítidas. Há ainda a presença de um software de otimização de fotos para melhorar a qualidade das fotos capturadas no smartphone.

As demais câmeras são as mesmas encontradas no modelo padrão. O resultado fica assim:

  • Câmera principal de 64 MP (f/1.8)
  • Ultra wide de 8 MP (f/2.2)
  • Macro de 2 MP (f/2.4)
  • Profundidade de 2 MP (f/2.4)
  • Câmera frontal de 13 MP (f/2.45)

O Redmi Note 10S também tem mais memória RAM: são 6 GB comparados aos 4 GB do modelo básico. O armazenamento interno é de 128 GB. Os valores cobrados pelo telefone giram em torno de R$ 2.760 pela versão de 128 GB. É possível encontrar o aparelho nas cores cinza, branca e azul.

Redmi Note 10 Pro

Redmi Note 10 Pro tem câmera de 108 MP e bateria de 5.020 mAh — Foto: Divulgação/Xiaomi

O destaque do aparelho é a câmera principal de 108 MP. O telefone chegou a superar o iPhone SE em testes de câmera, com boas avaliações no foco automático e estabilização de vídeo. Além disso, a câmera do Redmi Note 10 Pro tem inteligência artificial para otimização de fotos. O alcance dinâmico do aparelho também está maior, o que se reflete em fotos mais nítidas, mesmo em situações com pontos de iluminação e fotos "contra a luz", como em janelas.

Observe o conjunto de câmeras do telefone:

  • Câmera principal de 108 MP (f/1.8)
  • Ultra wide de 8 MP (f/2.2)
  • Macro de 5 MP (f/2.4)
  • Profundidade de 2 MP (f/2.4)
  • Câmera frontal de 16 MP (f/2.45)

Além da câmera, o tamanho, o peso e a tela também aumentaram em relação ao modelo anterior. A tela Super AMOLED tem 6,6 polegadas. Apesar da resolução ser a mesma, a proteção Gorila Glass da parte frontal é de 5ª geração, o que proporciona maior proteção contra riscos. A taxa de atualização do aparelho é de 120 Hz, o que permite movimentos mais fluidos na tela em jogos. O leitor de impressão digital fica localizado na lateral do aparelho, que tem acabamento premium, com a traseira coberta em vidro. Ele também conta com proteção IP53 contra respingos e poeira.

A bateria ligeiramente maior, com 5.020 mAh, deve permitir que o aparelho fique até 2 dias longe da tomada. Entre os aspectos que melhoraram em relação aos modelos 10 e 10S estão a memória RAM (6 GB) e o processador que equipa o aparelho, um Snapdragon 732G (8 núcleos, de até 2,3 GHz). Segundo o AnTuTu, o chip é 8% mais veloz que o Mediatek Helio G95, do Redmi Note 10S.

Xiaomi lança Redmi Note 10S e Redmi Note 10 Pro no Brasil — Foto: Divulgação/Xiaomi

O celular mantém caraterísticas semelhantes às demais versões do Redmi Note 10: acesso a redes Wi-Fi nas faixas de 2,4 GHz e 5 GHz; conexão USB-C; e Bluetooth 5.1.

O Redmi Note 10 Pro, que está disponível nas cores cinza, azul e bronze, custa R$ 3.128 na loja oficial da Xiaomi na internet.

Redmi Note 10 5G

O Redmi Note 10 5G foi o último a chegar ao Brasil. Lançado no início de junho, é a única versão que conta com a tecnologia de alta velocidade de internet: o 5G. É importante ressaltar, porém, que o 5G ainda não chegou ao Brasil, que tem no 4,5G a maior velocidade disponível para redes móveis. O celular mantém as mesmas conexões dos aparelhos da família: Bluetooth 5.1 e Wi-Fi de 2,4 GHz e 5 GHz. As dimensões são ligeiramente maiores.

Detalhe da câmera do Redmi Note 10 5G — Foto: Divulgação/Xiaomi

O aparelho é mais pesado e possui tela maior, de 6,5 polegadas. O display em IPS é inferior aos demais modelos, que contam com tecnologia Super AMOLED. Apesar disso, a taxa de atualização de 90 Hz deve proporcionar movimentos na tela fluidos e sem rastro ou sombra em jogos. A proteção da tela é Gorila Glass 3, inferior à presente no Redmi Note 10 Pro, mas semelhante aos demais aparelhos da linha. O corpo do Redmi Note 10 5G também mantém o plástico visto nos modelos 10 e 10S.

O processador do aparelho é MediaTek Dimensity 700 5G (8 núcleos, que rodam a uma frequência de até 2,2 GHz) O aparelho tem 128 GB de memória interna e 4 GB de memória RAM. Segundo o AnTuTu, ele é 6% superior ao Snapdragon 732G.

Há mudança nas câmeras também. São apenas três sensores, uma a menos que os demais aparelhos Note 10. A câmera frontal também perdeu megapixels. O conjunto que está presente no Redmi Note 10 5G fica assim:

  • Câmera principal de 48 MP (f/1.8)
  • Macro de 2 MP (f/2.4)
  • Profundidade de 2 MP (f/2.4)
  • Câmera frontal de 8 MP (f/2.0)

A bateria presente no Redmi Note 10 5G é a mesma vista nos demais telefones da família: 5.000 mAh que devem proporcionar autonomia de 2 dias. Além disso, um carregador rápido de 22,5 W o acompanha na caixa. O celular é encontrado nas cores cinza, verde, azul e prata, pelo preço de R$ 2.383 na loja oficial.

Ficha técnica da linha Redmi Note 10

Especificações Redmi Note 10 Redmi Note 10S Redmi Note 10 Pro Redmi Note 10 5G
Lançamento Março de 2021 Maio de 2021 Maio de 2021 Junho de 2021
Preço de lançamento R$ 2.199 (64GB) e R$ 2.399 (128GB) R$ 2.799 (64GB) e R$ 2.999 (128GB) R$ 3.399 R$ 2.699
Preço atual (loja da Xiaomi) R$ 2.199 (64GB) e R$ 2.399 (128GB) R$ 2.999 (128GB) R$ 3.399 R$ 2.699
Tela 6,43 polegadas 6,43 polegadas 6,67 polegadas 6,5 polegadas
Resolução de tela 2400 x 1080 pixels (FHD+) 2400 x 1080 pixels (FHD+) 2400 x 1080 pixels (FHD+) 2400 x 1080 pixels (FHD+)
Processador Snapdragon 678 (8 núcleos de até 2,2 GHz) Mediatek Helio G95 (8 núcleos de até 2,05 GHz) Snapdragon 732G (8 núcleos de até 2,3GHz) MediaTek Dimensity 700 (8 núcleos de até 2,2 GHz)
Memória RAM 4 GB 6 GB 6 GB 4 GB
Armazenamento 64GB e 128GB 128GB 128GB 128GB
Cartão de memória Sim. Até 512GB Sim. Até 512GB Sim. Até 512GB Sim. Até 512GB
Câmera traseira Quádrupla com 48, 8, 2 e 2 MP Quádrupla com 64, 8, 2 e 2 MP Quádrupla com 108, 8, 5 e 2 MP Tripla, 48, 2 e 2 MP
Câmera frontal 13 MP 13 MP 16 MP 8 MP
Sistema operacional Android 11 Android 11 Android 11 Android 11
Dimensões e peso 160,46 x 74,5 x 8,29 mm; 178 gramas 160,5 x 74,5 x 8,3 mm; 178,8 gramas 164 x 76,5 x 8,1 mm; 193 gramas 161,8 x 75,3 x 8,9 mm; 190 gramas
Bateria 5.000 mAh 5.000 mAh 5.020 mAh 5.000 mAh
Wi-Fi 2,4GHz e 5GHz 2,4GHz e 5GHz 2,4GHz e 5GHz 2,4GHz e 5GHz
Cores Cinza, verde e branca Cinza, branca e azul Cinza, azul e bronze Cinza, verde, azul e prata

Com informações de Xiaomi (1/2/3/4/5), Versus, NanoReview e GSM Arena

Mais do TechTudo