06/01/2014 10h30 - Atualizado em 06/01/2014 10h30

Guitar Hero: saiba como jogar o famoso game de música no PC

Felipe Vinha
por
Para o TechTudo

Guitar Hero é uma popular série de jogos musicais que nasceu no PlayStation 2 e fez fama em consoles e também nos computadores. Poucas versões foram lançadas para PC, mas é possível aproveitar sua diversão com os jogos oficiais e também com alguns similares e programas feitos por fãs. Alguns casos exigem o controle em formato de guitarra original, mas em outros é possível jogar no teclado. Confira as dicas:

Veja a lista com os jogos mais esperados de 2014.

Guitar Hero 3 (Foto: Divulgação)Guitar Hero 3 (Foto: Divulgação)

Jogando os oficiais

Somente três jogos da série foram lançados para Windows e Mac: Guitar Hero 3: Legends of Rock, Guitar Hero World Tour e Guitar Hero: Aerosmith. Eles foram vendidos em caixas com a guitarra com entrada USB e são totalmente compatíveis com máquinas modernas. Porém, achá-los para comprar hoje em dia é um pouco difícil, já que a marca foi descontinuada pela Activision e suas vendas pararam em diversos pontos do mundo.

Guitar Hero: World Tour (Foto: Divulgação)Guitar Hero: World Tour (Foto: Divulgação)

Porém, caso você encontre os jogos, é possível instalar no PC e aproveitar os acordes virtuais de um destes “Guitar Hero”. Vale lembrar que os games também são compatíveis com controles em formato de guitarras que tenham plug USB. Além disso, Guitar Hero 3 e Aerosmith podem ser jogados ainda com um joystick de Xbox 360.

As guitarras do PlayStation 3 e 2 também podem ser utilizadas, mas precisam de um adaptador especial, o que pode complicar a vida do jogador. No caso do controle do Xbox 360 a coisa é mais fácil, já que o Windows reconhece seus drivers quase que automaticamente.

Frets on Fire

Frets on Fire é a alternativa mais famosa ao Guitar Hero oficial. Ele nasceu como um programa criado por fãs e aproveita todos os recursos básicos da jogabilidade da série – pressionando botões no momento certo que as músicas pedem. Sua principal vantagem é a possibilidade de utilizar qualquer música disponibilizada por fãs no site oficial do aplicativo.

Segure o teclado como uma guitarra em Frets on Fire (Foto: Divulgação)Segure o teclado como uma guitarra em Frets on Fire (Foto: Divulgação)

Jogar Frets on Fire é tarefa simples: basta instalar o programa e selecionar a música desejada. Não há história, personagens ou gráficos em 3D, só as músicas e as notas que passam pela tela e que o jogador deve seguir. O mais interessante é que o game aceita os controles oficiais, mas também pode ser jogado no teclado. Basta segurar seu teclado como se fosse uma guitarra e as notas ficam posicionadas nas teclas F1, F2, F3, F4 e F5. Todas as opções de controle, porém, são totalmente configuráveis.

Ainda hoje Frets on Fire segue popular e há uma grande comunidade em volta do aplicativo, o que faz com que novas músicas ainda sejam lançadas e disponibilizadas de graça aos jogadores – uma vantagem também sobre a série Guitar Hero, que já não existe mais.

Performous

Performous é um programa bem parecido com Frets on Fire, mas com a vantagem de ter outros modos de jogo, comportando ainda baixo, bateria e vocais. Para isso, é preciso que o jogador utilize os controles oficiais de Rock Band, neste caso, mas também é possível configurar algumas funções no teclado padrão.

Performous tem proposta similar no PC (Foto: Reprodução)Performous tem proposta similar no PC (Foto: Reprodução)

Sua desvantagem em relação a Frets on Fire é que ele não é tão popular, o que faz com que suporte a novas músicas e funções tenha sido cancelado há algum tempo. Porém, ainda hoje é possível aproveitar algumas de suas funções e canções disponíveis.

Outros jogos similares

O PC não foi uma plataforma muito favorável em termos de jogos musicais modernos, mas há aqueles que se destacaram, como games da série Guitar Freaks, um pouco mais antigos, que não são mais suportados e hoje são considerados verdadeiros artigos de colecionadores. Contudo, vale citar o game Rocksmith, da Ubisoft, que nasceu como um concorrente de Guitar Hero e se saiu bem com sua personalidade própria.

Rocksmith 2014 (Foto: Divulgação)Rocksmith 2014 (Foto: Divulgação)

A diferença é que Rocksmith utiliza uma guitarra real, e não um controle em formato de instrumento. Há duas versões oficiais comercializadas e disponíveis para computadores mas, além da guitarra, o jogador também precisa comprar um cabo adaptador especial e próprio, que é vendido em lojas especializadas. Rocksmith funciona mais como um “professor virtual” do que como um jogo de verdade, mas vai a fundo nas lições e é capaz de ensinar passos iniciais no instrumento e também truques avançados.

Guitar Hero é um dos jogos que mudou o mundo nos últimos 100 anos? Opine no Fórum do TechTudo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares