11/03/2015 07h00 - Atualizado em 11/03/2015 07h00

Como instalar um HD IDE? Confira passo a passo e entenda a tecnologia

Felipe Alencar
por
Para o TechTudo

HDs IDEs são raridade hoje em dia. Mas, ainda assim, de vez em quando nos deparamos com máquinas antigas que ainda usam esse barramento de transferência de dados. Hoje o TechTudo vai ensinar como você pode instalar um HD do tipo IDE em uma placa-mãe antiga. Mas antes, vamos para algumas breves explicações sobre essa tecnologia.

Entenda o que é SATA e qual a diferença para o IDE

HD IDE com cabo flat de 40 pino (Foto: Felipe Alencar/TechTudo)HD IDE com cabo flat de 40 pino (Foto: Felipe Alencar/TechTudo)

IDE? O que é isso?

IDE é a sigla, em inglês, para Integrated Device Electronics. Trata-se de uma controladora que foi implementada nos discos rígidos em 1986 pela Western Digital. Com isso os HDs da época conseguiram se tornar mais rápidos e confiáveis. Antes disso, os discos rígidos usavam os padrões ST-506 e ESDI, que consistiam no uso de uma placa controladora externa. Esse padrão era muito suscetível a erros, o que diminuía drasticamente o desempenho máximo que o HD podia alcançar.

Os discos rígidos IDEs usam uma porta chamada PATA (Parallel Advanced Technology Attachment) e que é ligada ao HD através de um cabo flat de 40 pinos. Atualmente, estes componentes contam com uma porta SATA (Serial  Advanced Technology Attachment) que usa um cabo de apenas três pinos e que são bem mais velozes.

Dicas para montar um PC Gamer compativel! Compartilhe no Fórum do TechTudo.

Como instalar um HD que usa o padrão IDE?

Passo 1. Desligue o computador e desconecte todos os cabos plugados nele. Com uma chave Philipps, abra a tampa lateral do gabinete, que dá acesso placa-mãe.

Passo 2. Configure seu HD como Master (Primário) ou Slave (Secundário). Para isso, com uma pinça, mova o jumper para a posição indicada na etiqueta do disco rígido. Todos os HDs do tipo IDE mostram, na etiqueta, a posição do jumper para cada configuração. Nesse caso, vamos assumir que o HD será instalado como Master. Veja a imagem abaixo:

Etiqueta que mostra a forma de “jumpear” o HD (Foto: Felipe Alencar/TechTudo)Etiqueta que mostra a forma de “jumpear” o HD (Foto: Felipe Alencar/TechTudo)

Nota: O jumper é uma pequena pecinha plástica que contém um metal condutor em seu interior. Você encaixa essa peça em dois pinos, localizados na traseira do HD para que ele informe à placa-mãe de que forma ele deve trabalhar, se é como um disco primário (master) ou secundário (slave).

Jumper configurado no HD (Foto: Felipe Alencar/TechTudo)Jumper configurado no HD (Foto: Felipe Alencar/TechTudo)

Passo 3. Posicione o disco rígido na baia interna de 3,5″ polegadas, localizada dentro do seu gabinete. O lado que contém a etiqueta do HD deve ficar voltado para cima e os conectores traseiros devem estar virados para dentro do gabinete. Depois é só mover o disco dentro da baia para que os seus furos se encontrem com os furos do gabinete.

Passo 4. Com uma chave Philipps, prenda o HD na baia interna de 3,5″ que você escolheu usando quatro parafusos de rosca grossa de 4 mm de comprimento. São dois de cada lado. Isso serve para deixar o disco bem fixado e impedir que o braço toque no prato magnético, que é extremamente sensível.

 

Passo 5. Agora é só conectar os cabos. Primeiro, pegue o cabo flat de 40 pinos, plugue-o no HD e depois no socket específico da placa-mãe. Note que na fileira de “furos” do cabo, existe uma brecha. Essa mesma brecha existe na sequência de pinos do HD. Encaixe o cabo de forma que essas brechas se encontrem. De qualquer forma, é impossível encaixar o cabo de outra maneira.

HD IDE e cabo flat de 40 pinos  (Foto: Felipe Alencar/TechTudo)HD IDE e cabo flat de 40 pinos (Foto: Felipe Alencar/TechTudo)

Passo 6. Procure o cabo de alimentação, que sai da fonte de energia e ligue-o no HD. Ele é um cabo fêmea de quatro pinos, com quatro fios coloridos aparentes, como na imagem abaixo.

hd-ideCabo flat e de alimentação instalados (Foto: Divulgação)

Passo 7. Agora, feche o seu gabinete, reconecte todos os cabos necessários (cabo de energia, do monitor, teclado, mouse, etc…) e ligue seu computador. A BIOS deverá reconhecer seu HD automaticamente.

Pronto, agora é só voltar a usar o seu computador com o HD IDe instalado.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Alvaro Pompeia
    2019-05-24T01:49:43

    Tenho um desktop com 4 portas sata. Como a maquina antiga com ide (pata) foi pro brejo, queria informação de como colocar disco pata nesta maquina. Comprei um cabo que tem na ponta uma caixinha com femea ide para disquete numa lateral e IDE na outra. no centro conector dados sata. Na outra ponta um conector USB. No HD teria o cabo flat de 48 vias e o da fonte. No PC teria que usar um cabo femea/femea fonte sata/fonte ide. Complicado e funciona mal. Queria ver algo mais simples. grato.