Atletas

Jogador não aprovou a decisão da organização de demitir seus companheiros
Anúncio vem após série de resultados negativos da equipe na Europa
CS:GO: dead havia negado o uso dos bugs no Twitter; o coach agora afastado da MIBR ainda não comentou os novos vídeos
A organização de PlayHard também apresentou Cururu como Head Coach do time
FPS da Riot Games chamou a atenção de pro players famosos de Counter-Strike
Pro players como Bugha e Thiefs apoiaram a hashtag #freewaffles, que defende o jogador banido
Xingamentos e ameaças são proibidos e podem banir até os jogadores mais vitoriosos
Norte-americano competiu em qualificatório utilizando conta que não pertencia a ele
Players jogavam por um dos melhores times amadores da América do Norte
Plataforma de transmissões ao vivo não divulgou o motivo da suspensão de pro player da MIBR