Kingdom Hearts completa 15 anos; conheça todos os jogos da série

Série foi criada pela Disney e Square Enix há 15 anos.

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Felipe Vinha, para o TechTudo

Kingdom Hearts é uma da séries mais curiosas dos games, marcando a união de Disney e Square Enix, com seus personagens mais marcantes – como Mickey, Donald, Cloud, Sephiroth, além de outros heróis originais, como Sora, Riku e Kairi. Já são pelo menos nove jogos principais lançados ao longo de 15 anos desta série que nasceu em 28 de março de 2002, ainda no PS2. São títulos principais e spin-offs, além dos relançamentos compilados em coleções “HD” no PS3 e PS4. Conheça ou relembre os games já lançados, enquanto esperamos por Kingdom Hearts 3.

Kingdom Hearts – PS2, PS3, PS4 – 2002

Kingdom Hearts foi o primeiro game da série e nos apresentou a Sora, Riku e Kairi. Ele saiu primeiro no PS2 e depois ganhou relançamentos, muitos anos depois, no PS3 e PS4 via compilações “HD Remix”. Foi neste jogo que acompanhamos o início da saga do herói Sora, no comando de sua Keyblade, para libertar seus amigos do domínio da escuridão.

Kingdom Hearts original, de 2002, completou 15 anos (Foto: Divulgação/Square Enix) Kingdom Hearts original, de 2002, completou 15 anos (Foto: Divulgação/Square Enix)

Kingdom Hearts original, de 2002, completou 15 anos (Foto: Divulgação/Square Enix)

O game foi bem recebido por seus gráficos e carisma, mas chegou a ser criticado por uma jogabilidade atrapalhada em relação ao movimento de câmera – algo que foi consertado, pouco tempo depois, com um relançamento ainda no PS2, chamado de “Kingdom Hearts Final Mix”.

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

Kingdom Hears 2 – PS2, PS3, PS4 – 2005

Anos mais tarde os fãs conheceram Kingdom Hears 2, também no PS2 e muitos anos após no PS3 e PS4. O game continua a história de Sora, mas agora nos apresentando a um novo protagonista, Roxas, que é uma espécie de “clone das trevas” de Sora. Aos poucos, a história vai ficando mais confusa.

Kingdom Hearts 2 traz enredo confuso com clone de Sora (Foto: Divulgação/Square Enix) Kingdom Hearts 2 traz enredo confuso com clone de Sora (Foto: Divulgação/Square Enix)

Kingdom Hearts 2 traz enredo confuso com clone de Sora (Foto: Divulgação/Square Enix)

Os problemas de câmera foram consertados e a jogabilidade brilhou no segundo capítulo da série. Aqui, tivemos grandes mundos da Disney inseridos, inédito para a saga, como Piratas do Caribe e Mulan. Até hoje é considerado como um dos melhores da série.

Kingdom Hearts Chain of Memories – GBA, PS2, PS3, PS4 – 2004

Kingdom Hearts Chain of Memories saiu antes de Kingdom Hearts 2 e foi lançado somente para Game Boy Advance, em sua época original. O game mudava o estilo de jogabilidade do mundo 3D com ação para exploração 2D e sistema de combate em cartas. Sua história servia como elo entre o primeiro e o segundo título.

Kingdom Hearts Chain of Memories foi a estreia da série no GBA (Foto: Divulgação/Square Enix) Kingdom Hearts Chain of Memories foi a estreia da série no GBA (Foto: Divulgação/Square Enix)

Kingdom Hearts Chain of Memories foi a estreia da série no GBA (Foto: Divulgação/Square Enix)

Mais tarde, ele foi relançado para PS2, PS3 e PS4, desta vez refeito com gráficos em 3D, mais parecidos com o capítulo original, mas mantendo o sistema de combate baseado em cartas. Muitos fãs não gostaram da mudança, mas a história deste é importante para entender a saga como um todo, principalmente pelo surgimento de personagens ainda mais misteriosos, como a Organização XIII.

Kingdom Hearts Re:Coded – Celulares, Nintendo DS – 2008

Kingdom Hearts Re:Coded foi criado para ser uma experiência simples, lançado em capítulos para celulares exclusivos do Japão – o que não incluiu sistemas com Android ou iOS. Fez certo sucesso por lá, até que a Square Enix resolveu aumentar a abrangência do público e o relançou, desta vez completo, no Nintendo DS.

Kingdom Hearts Re:Coded é uma releitura do primeiro game da saga (Foto: Divulgação/Square Enix) Kingdom Hearts Re:Coded é uma releitura do primeiro game da saga (Foto: Divulgação/Square Enix)

Kingdom Hearts Re:Coded é uma releitura do primeiro game da saga (Foto: Divulgação/Square Enix)

O game é uma releitura do primeiro jogo da série, mas com pequenas mudanças. Aqui, controlamos um Sora virtual, como uma forma de lembrança do Grilo Falante, que investiga o que aconteceu no enredo, para desvendar mistérios deste mundo. É como se fosse uma simulação do que aconteceu previamente, mas de forma interativa.

Kingdom Hearts 358/2 Days – Nintendo DS, PS3, PS4 – 2009

Roxas, o clone de Sora, tinha um passado para ser explorado. Apesar de ter surgido do nada, muitas perguntas foram respondidas em Kingdom Hearts 2. Ainda assim, tínhamos espaço para elaborar a história do jovem, e foi assim que nasceu Kingdom Hearts 358/2 Days.

Kingdom Hearts 358/2 Days chegou no Nintendo DS e depois no PS3 e PS4 (Foto: Divulgação/Square Enix) Kingdom Hearts 358/2 Days chegou no Nintendo DS e depois no PS3 e PS4 (Foto: Divulgação/Square Enix)

Kingdom Hearts 358/2 Days chegou no Nintendo DS e depois no PS3 e PS4 (Foto: Divulgação/Square Enix)

O game saiu primeiro no DS e depois teve relançamentos no PS3 e PS4. Nele, jogamos apenas com Roxas, que deve aprimorar sua história, ao lado de amigos da Organização XIII, e chegar até o ponto onde paramos em Kingdom Hearts 2.

Kingdom Hearts Birth by Sleep – PSP, PS3, PS4 – 2010

Após Kingdom Hearts 2, Kingdom Hearts Birth by Sleep é também considerado um dos melhores de toda a saga. A história volta muitos anos ao contar as origens das misteriosas “Guerra das Keyblades” e também dos primeiros mestres a controlarem a arma. Um novo trio de protagonistas, Terra, Aqua e Ven entram na saga.

Kingdom Hearts Birth by Sleep ganhou três protagonistas: Terra, Aqua e Ven (Foto: Divulgação/Square Enix) Kingdom Hearts Birth by Sleep ganhou três protagonistas: Terra, Aqua e Ven (Foto: Divulgação/Square Enix)

Kingdom Hearts Birth by Sleep ganhou três protagonistas: Terra, Aqua e Ven (Foto: Divulgação/Square Enix)

O jogo manteve o sistema de batalhas em um mundo 3D, mas com a história alternando entre os três personagens principais. Ele também responde algumas questões que estavam pendentes sobre o universo da série.

Kingdom Hearts Dream Drop Distance – 3DS, PS4 – 2012

Kingdom Hearts Dream Drop Distance é considerado, até então, a continuação oficial de Kingdom Hearts 2. Ele se passa momentos após o final do jogo e dá continuidade à história de Sora e Riku, que agora devem se tornar mestres da Keyblade.

Kingdom Hearts Dream Drop Distance é considerado a continuação de Kingdom Hearts 2 (Foto: Divulgação/Square Enix) Kingdom Hearts Dream Drop Distance é considerado a continuação de Kingdom Hearts 2 (Foto: Divulgação/Square Enix)

Kingdom Hearts Dream Drop Distance é considerado a continuação de Kingdom Hearts 2 (Foto: Divulgação/Square Enix)

O jogo saiu primeiro no Nintendo 3DS, mas recentemente ganhou relançamento no PS4, com gráficos melhorados e jogabilidade adaptada ao controle do videogame da Sony. Ele não impressiona tanto, mas responde algumas dúvidas dos fãs.

Kingdom Hearts χ – Celulares, PS4 – 2013

Kingdom Hearts χ (pronuncia-se “Key”) é um game simples para celulares, que saiu como uma espécie de “compilação de minigames” para os fãs da série. Nele, você constrói um personagem inédito e vive sua aventura, com jogabilidade simples e gráficos menos elaborados do que as versões de console.

Kingdom Hearts χ é um game para celulares (Foto: Divulgação/Square Enix) Kingdom Hearts χ é um game para celulares (Foto: Divulgação/Square Enix)

Kingdom Hearts χ é um game para celulares (Foto: Divulgação/Square Enix)

O jogo foi relançado, ou melhor, retrabalhado como um grande “filme” no pacote “2.8 HD Remix”, disponibilizado no PS4. Toda a jogabilidade se perdeu e os fãs apenas acompanham a história, que narra toda a ação dos antigos sábios das Keyblades, quando os mundos Disney ainda nem existiam na trama.

Kingdom Hearts 0.2: Birth by Sleep A Fragmentary Passage – PS4 – 2017

Kingdom Hearts 0.2: Birth by Sleep A Fragmentary Passage é, cronologicamente, um dos games mais avançados na história. Ele faz parte da compilação “2.8 HD Remix”, mas é inédito e não um relançamento de jogo antigo.

Kingdom Hearts 0.2: Birth by Sleep A Fragmentary Passage (Foto: Divulgação/Square Enix) Kingdom Hearts 0.2: Birth by Sleep A Fragmentary Passage (Foto: Divulgação/Square Enix)

Kingdom Hearts 0.2: Birth by Sleep A Fragmentary Passage (Foto: Divulgação/Square Enix)

O foco da história está em Aqua, personagem de Birth By Sleep, que precisa escapar do mundo das trevas e descobrir o que aconteceu com Ven e Terra. Kingdom Hearts 0.2: Birth by Sleep A Fragmentary Passage utiliza o mesmo poder gráfico que será visto em Kingdom Hearts 3, então também funciona como uma prévia para o próximo game da saga.

Ainda vale a pena comprar um PS3 ou Xbox 360? Comente no Fórum do TechTudo.

MAIS DO TechTudo