Dez jogos de sucesso que são 'proibidos' para menores de 18 anos

GTA, Mortal Kombat, Resident Evil e outros estão entre os games mais violentos e polêmicos que não são recomendados para crianças

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Murilo Molina, para o TechTudo

Os GTA 5, Mortal Kombat 10 e Resident Evil são só alguns dos jogos populares que não são recomendados para menores de idade no Brasil, graças aos seus conteúdos inapropriados. Violência, uso de drogas ilícitas e cenas de sexo estão entre os motivos mais comuns. É importante, portanto, que pais e responsáveis fiquem alerta em relação aos games de suas crianças. Confira, na lista a seguir, os dez jogos de sucesso que são inadequados para menores de 18 anos.

A classificação indicativa de jogos no Brasil é diferente da usada na América do Norte, Europa e outros lugares do mundo. Os títulos podem ser consultados em uma página dedicada no site do Ministério da Justiça, que mostra a recomendação etária e uma descrição do conteúdo impróprio.

Dez jogos de muito sucesso que são 'proibidos' para menores de 18 anos (Foto: Divulgação/Rockstar) Dez jogos de muito sucesso que são 'proibidos' para menores de 18 anos (Foto: Divulgação/Rockstar)

Dez jogos de muito sucesso que são 'proibidos' para menores de 18 anos (Foto: Divulgação/Rockstar)

GTA 5

Assim como diversos jogos da franquia, a mais recente versão do game de mundo aberto da Rockstar é recheada de conteúdo adulto e polêmicas. Por isso, a série não é recomendada para jogadores menores de 18 anos.

Além da tradicional violência excessiva que ajudou a fazer a fama dos títulos da série, Grand Theft Auto 5 também aborda temas delicados como consumo de drogas, conteúdo sexual e linguagem imprópria para menores.

God of War 3

God of War 3 tem violência e nudez parcial (Foto: Divulgação/Sony) God of War 3 tem violência e nudez parcial (Foto: Divulgação/Sony)

God of War 3 tem violência e nudez parcial (Foto: Divulgação/Sony)

A terceira aventura de Kratos chegou ao PlayStation 3 em 2010. O God of War 3 manteve como uma de suas características principais o combate sangrento e brutal, que também já aparecia nos títulos anteriores.

Assassinato, exposição de cadáver, lesão corporal e nudez parcial são os principais motivos que levaram o exclusivo da Sony a ser recomendado somente para maiores de idade, segundo a página de classificação indicativa do Ministério da Justiça.

Mortal Kombat X

Mortal Kombat X mantém estilo violento (Foto: Divulgação/NetherRealm) Mortal Kombat X mantém estilo violento (Foto: Divulgação/NetherRealm)

Mortal Kombat X mantém estilo violento (Foto: Divulgação/NetherRealm)

Famoso desde o Super Nintendo e Mega Drive por seu estilo de luta violento e os brutais "Fatalities", o Mortal Kombat figura há tempos na lista de jogos impróprios para menores. Em sua versão mais recente, o game da NetherRealm Studios abusa do poder dos consoles e PCs atuais para tornar as cenas ainda mais chocantes.

Classificado como um jogo de "violência extrema", Mortal Kombat X é recomendado para maiores de 18 anos em todas as suas versões. Os principais destaques são as decapitações, mutilações de membros e outros golpes pesados.

The Elder Scrolls V: Skyrim

Violência extrema limita Skyrim apenas a maiores (Foto: Divulgação/Bethesda) Violência extrema limita Skyrim apenas a maiores (Foto: Divulgação/Bethesda)

Violência extrema limita Skyrim apenas a maiores (Foto: Divulgação/Bethesda)

O RPG da Bethesda chama atenção pela vastidão de seu mapa e variedade de atividades disponíveis. Porém, The Elder Scrolls 5: Skyrim também teve sua classificação indicativa limitada por conter "violência extrema" em suas batalhas.

O conteúdo impróprio ainda pode ser potencializado pelo uso de mods, que garantem verdadeiros banhos de sangue e mutilações mais realistas e impressionantes.

Left 4 Dead 2

Left 4 Dead 2 e sangrento e não recomendado para menores (Foto: Divulgação/Valve) Left 4 Dead 2 e sangrento e não recomendado para menores (Foto: Divulgação/Valve)

Left 4 Dead 2 e sangrento e não recomendado para menores (Foto: Divulgação/Valve)

O jogo de zumbis da Valve tem versões para PCs e consoles, e é recomendado para maiores de 18 anos. O Left 4 Dead 2 contém cenas de crueldade e mutilações, segundo a classificação indicativa da página do Ministério da Justiça.

Corpos dilacerados de mortos-vivos, sangue em abundância e cenários sombrios também contribuem para o clima adulto do FPS cooperativo.

Red Dead Redemption

Dos criadores de GTA, Red Dead Redemption aborda temas adultos (Foto: Divulgação/Rockstar) Dos criadores de GTA, Red Dead Redemption aborda temas adultos (Foto: Divulgação/Rockstar)

Dos criadores de GTA, Red Dead Redemption aborda temas adultos (Foto: Divulgação/Rockstar)

Dos mesmos criadores de GTA, o Red Dead Redemption "pega emprestado" alguns elementos do blockbuster, e é bastante violento. Com um direcionamento mais sério, o título estrelado por John Marston aborda assassinatos e crueldade, segundo a classificação indicativa.

O jogo ainda conta com o DLC Undead Nightmare, que adiciona zumbis sedentos ao mundo de Red Dead Redemption, e deixa a ação ainda mais frenética e violenta. A expansão também é indicada para maiores de 18 anos.

Bayonetta

Bayonetta misturava ação, violência e conteúdo adulto (Foto: Divulgação/SEGA) Bayonetta misturava ação, violência e conteúdo adulto (Foto: Divulgação/SEGA)

Bayonetta misturava ação, violência e conteúdo adulto (Foto: Divulgação/SEGA)

Lançado originalmente em 2009 para Xbox 360 e PlayStation 3, o jogo de ação da Platinum Games chegou esse ano aos PCs, com uma versão remasterizada. Mais do que seu estilo de combate rápido e violento, o Bayonetta também é sexualmente sugestivo.

A classificação indicativa brasileira marca o game como impróprio para menores por cenas de assassinato e crueldade. Curiosamente, Bayonetta 2, exclusivo do Nintendo Wii U, segue o mesmo estilo, porém é recomendando para maiores de 16 anos.

Fallout 4

Uso de drogas ilícitas faz Fallout ser impróprio para menores (Foto: Divulgação/Bethesda) Uso de drogas ilícitas faz Fallout ser impróprio para menores (Foto: Divulgação/Bethesda)

Uso de drogas ilícitas faz Fallout ser impróprio para menores (Foto: Divulgação/Bethesda)

O jogo mais recente da franquia da Bethesda destaca uso de drogas ilícitas e linguagem imprópria em grande parte de sua campanha. Por isso, o Fallout 4 terminou recomendado apenas para maiores de idade na classificação indicativa brasileira.

As cenas de violência extrema também são listadas como um dos fatores da inadequação, já que cenas de combate bastante sangrentas são uma frequente no RPG de ação. Além disso, mais conteúdo adulto pode ser adicionado ao game com uso de mods.

Gears of War

Gears of War é recheado de mortes violentas (Foto: Divulgação/Microsoft) Gears of War é recheado de mortes violentas (Foto: Divulgação/Microsoft)

Gears of War é recheado de mortes violentas (Foto: Divulgação/Microsoft)

Uma das principais franquias no Xbox 360, Gears of War sempre chamou a atenção por seu combate violento e brutal. O jogo conta com corpos mutilados por tiros, cabeças explodindo e as icônicas mortes por serras elétricas.

No Brasil, o game é inadequado para menores de 18 anos por conter violência extrema e sangue muito realista. O mesmo se aplica a Gears of War 2 e 3, enquanto a quarta versão é limitada apenas a jogadores de 16 anos ou mais.

Resident Evil 4

Mortes de Leon assustam em Residen evil 4 (Foto: Divulgação/Capcom) Mortes de Leon assustam em Residen evil 4 (Foto: Divulgação/Capcom)

Mortes de Leon assustam em Residen evil 4 (Foto: Divulgação/Capcom)

O jogo de 2005 chocou a todos na época de seu lançamento pelas brutais animações de morte do protagonista Leon. Em Resident Evil 4, o personagem era decapitado por motosserras, esmagado por rochas gigantes, explodido por bombas e até mesmo devorado por um peixe zumbi.

O clima tenso e sombrio também é um fator agravante para a limitação de idade, que foi uma constante nos primeiros títulos da franquia de terror da Capcom, sempre com muito sangue e mortes violentas.

MAIS DO TechTudo