Apps de chat apostam na privacidade; conheça sete alternativas ao WhatsApp

Aplicativos de celular codificam mensagens e apagam histórico de conversa.

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Paulo Alves, para o TechTudo

O WhatsApp é o mensageiro mais popular do Brasil, mas não é necessariamente o app que mais oferece recursos focados em privacidade. Alvo de polêmicas em torno de pedidos judiciais de acesso a conversas, o aplicativo não é voltado para quem precisa de mais segurança, apesar de oferecer criptografia no chat. Na hora de trocar mensagens de forma sigilosa, é importante procurar alternativas com proteção adicional, como histórico que se destrói e não fica gravado no smartphone ou em servidores.

É interessante ressaltar que nenhuma das opções é 100% à prova de interceptação, mas algumas camadas extras de proteção tendem a dificultar de forma relevante a ação de hackers e pessoas mal-intencionadas. Veja sete opções de mensageiros seguros para celulares Android e iPhone (iOS) com foco em privacidade.

Dust é um dos aplicativos da lista com opções avançadas de privacidade (Foto: Reprodução/Aline Batista) Dust é um dos aplicativos da lista com opções avançadas de privacidade (Foto: Reprodução/Aline Batista)

Dust é um dos aplicativos da lista com opções avançadas de privacidade (Foto: Reprodução/Aline Batista)

Signal

O Signal é um aplicativo que funciona como app de SMS ou de ligações via Internet com criptografia nas conversas. O mensageiro ficou famoso após ser usado e recomendado por Edward Snowden, o ex-analista da CIA que denunciou o sistema de vigilância da NSA. Aos poucos, o programa ganhou melhorias e já oferece chamadas de voz e vídeo e chat privado com conversas que se autodestroem.

O Signal também permite bloquear o acesso com senha. Ao contrário do WhatsApp, o app é construído com base em código aberto e está disponível para consulta na web, gerando mais confiança em torno de suas funções de segurança.

Signal oferece criptografia avançada (Foto: Reprodução/Paulo Alves) Signal oferece criptografia avançada (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Signal oferece criptografia avançada (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Threema

O Threema é um aplicativo suíço que dispensa telefone e e-mail para usar. O programa gera a conta com uma chave criada aleatoriamente no momento do cadastro, usando movimentos randômicos por meio do toque do usuário na tela. No fim, basta compartilhar o ID, composto por letras e números, com seus contatos.

Caso deseje abdicar de um pouco de privacidade para conversar, também é possível sincronizar agenda com número e e-mail para encontrar amigos que já usam o app no celular.

Threema cria código aleatório para manter privacidade (Foto: Reprodução/Paulo Alves) Threema cria código aleatório para manter privacidade (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Threema cria código aleatório para manter privacidade (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Wickr

O Wickr é outro aplicativo que não requer número de celular e nem correio eletrônico, pois permite criar um perfil somente com usuário e senha. Suas principais características são os Vídeos de Verificação, que permitem checar se um contato é realmente quem ele diz que é. O usuário é encorajado a gravar a si próprio lendo códigos em voz alta para criar um meio seguro de checar sua identidade ao conversar com alguém.

Outro recurso interessante é o Shredder, que sobrescreve os dados apagados da memória do celular (histórico de mensagens, fotos e vídeos) para garantir que nada possa ser restaurado usando softwares de recuperação.

Wickr tem vídeo de verificação de identidade (Foto: Reprodução/Paulo Alves) Wickr tem vídeo de verificação de identidade (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Wickr tem vídeo de verificação de identidade (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

ChatSecure

O ChatSecure pode servir como um mensageiro comum, mas oferece proteção adicional. Na função “burner”, o programa permite descartar mensagens com um toque usando tecnologia do navegador anônimo Tor. Além disso, o app permite conversar apenas na rede local, sem compartilhar dados via Internet para manter o sigilo da comunicação. Para criar uma conta é possível usar o Google ou usar um servidor pessoal.

Gratuito e de código aberto, o ChatSecure é compatível com outros mensageiros seguros que utilizem os protocolos OTR e XMPP, expandindo seu uso em empresas.

ChatSecure usa proteção do Tor (Foto: Reprodução/Paulo Alves) ChatSecure usa proteção do Tor (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

ChatSecure usa proteção do Tor (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Dust

O Dust funciona por padrão com mensagens que somem após 24 horas. Além disso, o app oferece um recurso mais seguro que descarta o chat assim que o conteúdo é lido pelo destinatário. O software precisa de número de telefone para habilitar a conta, assim como o WhatsApp, mas garante que sua criptografia de ponta-a-ponta impede que seus dados sejam lidos e armazenados.

Para ter a certeza de que nenhum conteúdo impróprio será compartilhado, o Dust ainda bloqueia a captura de tela nativamente. Caso alguém do outro lado da converse tente tirar um print, você é avisado e pode terminar o chat na hora por medida de segurança.

Dust apaga mensagens depois de lidas (Foto: Reprodução/Paulo Alves) Dust apaga mensagens depois de lidas (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Dust apaga mensagens depois de lidas (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Telegram (chat secreto)

O mensageiro russo Telegram surgiu como uma das primeiras alternativas seguras ao WhatsApp e, frequentemente, ganha novas funções. O app reúne uma série de controles de permissão para grupos públicos e canais e pode ser bloqueado com senha ou impressão digital. Seu principal recurso de proteção é o chat secreto, que apaga mensagens da conversa após um tempo programado pelo usuário.

Open source como vários apps da lista, o Telegram é o líder disparado em plataformas suportadas. Além de iOS e Android, o app funciona no Windows Phone, Windows, macOS, Linux, web e até Firefox OS.

Telegram tem chat secreto e bloqueio com senha (Foto: Reprodução/Paulo Alves) Telegram tem chat secreto e bloqueio com senha (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Telegram tem chat secreto e bloqueio com senha (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

ZapZap

Baseado no Telegram, o app brasileiro ZapZap também tem conversas que se destroem. Além disso, assim como a versão russa, ele permite que usuários conversem sem precisar compartilhar o número de celular, somente com nome de usuário. Essa função é útil especialmente em grupos públicos temáticos, em que é possível conhecer pessoas novas mantendo o celular sempre privado.

O app ainda oferece função de mensagens anônimas, como o Sarahah. Por enquanto, o ZapZap Messenger está disponível somente para Android.

Brasileiro ZapZap tem chat autodestrutível (Foto: Reprodução/Paulo Alves) Brasileiro ZapZap tem chat autodestrutível (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Brasileiro ZapZap tem chat autodestrutível (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

WhatsApp: qual função ainda falta no app? Opine no Fórum do TechTudo.

WhatsApp: cinco dicas para usar o app com segurança

WhatsApp: cinco dicas para usar o app com segurança

MAIS DO TechTudo