Por Akira Suzuki, para o TechTudo


Entra ano e sai ano, a oferta de jogos para celulares não mostra sinais de que vai enfraquecer. Graças a novas tecnologias, fazer títulos mobile está cada vez mais fácil. A qualidade também parece melhorar a cada ano e, em 2017, viu-se uma linha de títulos bastante expressiva. Claro que somente uma pequena parte virou febre e, então, o TechTudo organizou uma lista com os dez games que mais fizeram a cabeça dos jogadores.

Destaca-se na seleção a presença da Nintendo, que, a partir de Super Mario Run, resolveu ela mesma fazer jogos para plataformas móveis. Uma franquia sua já havia sido campeã em 2016, com Pokémon Go, mas, nesse caso, o desenvolvimento coube a uma empresa terceirizada. Será que veremos a "Big N" se envolver cada vez mais com os celulares e tablets? Só o tempo dirá.

Então, sem mais nem menos, segue o top 10 títulos que viraram febre em 2017. Todos possuem versão para Android e iPhone (iOS), exceto o Fidget Spinner, que é somente para o sistema do robô verde:

Super Mario Run

Super Mario Run é um jogo cuja mecânica se parece muito com as de corrida infinita — Foto: Divulgação/Nintendo Super Mario Run é um jogo cuja mecânica se parece muito com as de corrida infinita — Foto: Divulgação/Nintendo

Super Mario Run é um jogo cuja mecânica se parece muito com as de corrida infinita — Foto: Divulgação/Nintendo

Primeiro jogo feito pela Nintendo para celulares e tablets, Super Mario Run mostrou o tamanho da popularidade do ex-encanador, chegando a 200 milhões de downloads até 31 de outubro. O que a "Big N" fez foi combinar duas fórmulas clássicas: a da corrida infinita e as dos próprios títulos de Super Mario Bros.

Ou seja, neste game, o bigodudo corre automaticamente, cabendo ao jogador acertar os pulos e realizar outras ações. O título é gratuito para baixar, mas é basicamente uma demonstração com apenas um mundo jogável. Para o restante, é preciso pagar R$ 35 no Android e US$ 9,99 no iPhone (iOS).

Fidget Spinner (Words Mobile)

Em Fidget Spinner, da Words Mobile, você assiste aos brinquedos girarem — Foto: Divulgação/Words Mobile Em Fidget Spinner, da Words Mobile, você assiste aos brinquedos girarem — Foto: Divulgação/Words Mobile

Em Fidget Spinner, da Words Mobile, você assiste aos brinquedos girarem — Foto: Divulgação/Words Mobile

Brinquedo que foi febre em 2017, os fidget spinners ou hand spinners também ganharam versões para aparelhos mobile. Quer dizer, foram lançados centenas de aplicativos com esse tema, principalmente na plataforma Android.

No entanto, entre tantos outros apps do tipo, o programa feito pela Words Mobile conseguiu a façanha de ser um dos mais baixados, ficando atrás apenas de Super Mario Run. É muito simples, que consiste em girar os vários modelos de spinner para ganhar experiência e dinheiro, e, com isso, melhorar os brinquedos. Além disso, é gratuito.

Você deve cuidar de um cachorrinho em Meu Talking Hank — Foto: Divulgação/Outfit7 Você deve cuidar de um cachorrinho em Meu Talking Hank — Foto: Divulgação/Outfit7

Você deve cuidar de um cachorrinho em Meu Talking Hank — Foto: Divulgação/Outfit7

A produtora Outfit7 é bastante conhecida por ter criado nomes como Meu Talking Tom e Minha Talking Angela, em que o jogador deve cuidar de gatos. Agora, a companhia fez uma versão canina, chamado Meu Talking Hank.

A mecânica é basicamente a mesma, sendo que o usuário deve tomar conta de um cachorrinho. É preciso dar comida, banho e brincar. Uma das características de Hank é que ele adora tirar fotografia e, por isso, colecionar imagens de animais selvagens é um dos objetivos do título. Pelo jeito, as pessoas amam esses games de pet. Também é de graça.

Magic Tiles 3 é um jogo musical — Foto: Divulgação/AMANOTES Magic Tiles 3 é um jogo musical — Foto: Divulgação/AMANOTES

Magic Tiles 3 é um jogo musical — Foto: Divulgação/AMANOTES

Esse também foi eleito um dos games mais populares de 2017 pela loja Google Play. Magic Tiles 3 é do gênero musical, cuja mecânica se assemelha a tocar um piano. O lance é tocar nos blocos escuros quando estes chegarem na parte de baixo da tela.

No entanto, os sons não são apenas do instrumento de teclas, mas incluem guitarra, bateria e outros timbres. O jogo conta com um modo de batalha, em que se enfrenta outros jogadores ao redor do mundo. Gratuito.

Enfrente vários adversários com cartas em Yu-Gi-Oh! Duel Links — Foto: Divulgação/Konami Enfrente vários adversários com cartas em Yu-Gi-Oh! Duel Links — Foto: Divulgação/Konami

Enfrente vários adversários com cartas em Yu-Gi-Oh! Duel Links — Foto: Divulgação/Konami

Duel Links leva o jogo de cartas de Yu-Gi-Oh para dentro dos celulares Android e iPhone (iOS). Com mais de 700 cards disponíveis, a estratégia já começa na montagem do deck e segue nas barganhas durante os duelos.

O game conta com modos de campanha e de jogador contra jogador, sejam casuais ou valendo pelo ranking. Os personagens originais estão presentes, como Kaiba, Joey, Mai e o próprio Yugi, protagonista do mangá e do desenho animado. O título é de graça.

PES 2018

PES 2018 tem o licenciamento oficial da Champions League — Foto: Divulgação/Konami PES 2018 tem o licenciamento oficial da Champions League — Foto: Divulgação/Konami

PES 2018 tem o licenciamento oficial da Champions League — Foto: Divulgação/Konami

Os aparelhos móveis também têm um Pro Evolution Soccer 2018 para chamar de seu. Com controles adaptados para tela de toque dos celulares e tablets, o game traz basicamente as mesmas qualidades das versões para consoles e PC.

Além das estrelas da atualidade, PES 2018 conta jogadores lendários, como David Backham e, agora, Zico, o eterno craque do Flamengo. Com partidas single player e várias modalidades multiplayer, seja online ou rede local, o título é gratuito.

É preciso administrar um reino em FInal Fantasy XV: New Empire — Foto: Divulgação/Square Enix É preciso administrar um reino em FInal Fantasy XV: New Empire — Foto: Divulgação/Square Enix

É preciso administrar um reino em FInal Fantasy XV: New Empire — Foto: Divulgação/Square Enix

Um dos grandes lançamentos de 2016 para PS4 e Xbox One, Final Fantasy XV também recebeu um jogo para celulares. Trata-se de um título de construção de reino, que é bem comum na Google Play e App Store, mas com uma roupagem de Final Fantasy. O player deve melhorar as instituições que compõem a cidade e se aventurar para caçar monstros e enfrentar outros reinos.

O game é bastante popular, mas, recentemente, jogadores brasileiros passaram a reclamar com a produtora Square Enix sobre uma fusão de servidores que os colocou junto com usuários lá de fora e muito mais evoluídos. Gratuito.

As máquinas lutam sozinhas em CATS: Crash Arena Turbo Stars — Foto: Divulgação/Zeptolab As máquinas lutam sozinhas em CATS: Crash Arena Turbo Stars — Foto: Divulgação/Zeptolab

As máquinas lutam sozinhas em CATS: Crash Arena Turbo Stars — Foto: Divulgação/Zeptolab

Eleito jogo do ano pela Google Play, CATS é um game em que o usuário constrói uma máquina de guerra e enfrenta projetos dos oponentes. É como um UFC de robôs autônomos, que cobra do usuário esperteza para usar as peças certas.

Consiga partes melhores conforme joga para construir máquinas cada vez mais fortes e eficientes. O jogo tem simulação de física e os resultados podem ser inesperados. De graça.

Você forma times de três integrantes em Injustice 2 para celulares — Foto: Divulgação/Warner Bros. Você forma times de três integrantes em Injustice 2 para celulares — Foto: Divulgação/Warner Bros.

Você forma times de três integrantes em Injustice 2 para celulares — Foto: Divulgação/Warner Bros.

O game de luta Injustice 2, que traz heróis e vilões da DC como personagens, teve uma versão para dispositivos móveis, ao lado do lançamento para consoles e PC. Com uma mecânica de jogo própria, a edição para Android e iOS conta com batalhas 3 contra 3.

O título traz um modo de história, que consiste em reunir a Liga da Justiça, e também uma modalidade jogador contra jogador. Quanto mais progredir, mas prêmios ganhará para customizar os personagens. Gratuito.

Em Animal Crossing: Pocket Camp, você deve cuidar de um acampamento — Foto: Divulgação/Nintendo Em Animal Crossing: Pocket Camp, você deve cuidar de um acampamento — Foto: Divulgação/Nintendo

Em Animal Crossing: Pocket Camp, você deve cuidar de um acampamento — Foto: Divulgação/Nintendo

O primeiro game de Animal Crossing para celulares coloca o jogador para administrar um acampamento. O objetivo é interagir com os animais do local, cumprindo missões como pegar frutas das árvores ou pescar.

Ao longo da jornada, você recebe materiais para poder criar móveis e outros acessórios para decorar o local. Outro objetivo de Pocket Camp é fazer novos amigos, sejam eles os personagens dentro do game ou outros players. O título é gratuito.

Quais são os melhores jogos do Android? Comente no fórum do TechTudo.

MAIS DO TechTudo