Por André Luiz de Mello Pereira, para TechTudo

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Assim como acontece com vários tipos de produtos criativos e de arte, jogos muitas vezes precisam se submeter a cortes para serem lançados em diferentes territórios. Sejam alterações pequenas ou de trechos inteiros, os games acabam sofrendo uma espécie de censura para terem seus lançamentos liberados por governos internacionais. O TechTudo reuniu alguns dos títulos que tiveram que ser modificados para chegarem às lojas.

Wolfenstein 2: The New Colossus, o mais recente game da franquia de sucesso a Bethesda, coloca o jogador novamente no controle de BJ Blazkowicz, um soldado americano que se vê em um mundo em que nazistas venceram a Segunda Guerra Mundial. Em dado momento da campanha, os nazistas estão produzindo um filme sobre a caçada contra Blazkovicz, com a participação de Adolf Hitler.

Esse trecho, assim como referências ao Terceiro Reich, precisaram ser totalmente alteradas para o lançamento alemão. Isso porque na Alemanha é ilegal utilizar símbolos nazistas. Como esse é um tema que aparece em abundância em Wolfenstein 2, graças à sua trama, modificações foram necessárias para que o título pudesse ser lançado em território alemão.

Fallout 3 é outro game lançado pela Bethesda precisou mudar seu conteúdo para o lançamento em outro país, neste caso o Japão. O título de RPG teve a missão secundária “The Power of the Atom” modificada para se adequar às sensibilidades locais.

Fallout 3 — Foto: Divulgação/Bethesda Fallout 3 — Foto: Divulgação/Bethesda

Fallout 3 — Foto: Divulgação/Bethesda

Isso porque ela trata sobre acontecimentos em uma área afetada pela explosão de uma bomba atômica, tópico sensível ao povo japonês. Elementos como o nome de uma das bombas, a Fat Man, foram alterados, já que ela fazia alusão à bomba que explodiu na cidade de Nagasaki durante a Segunda Guerra Mundial.

O polêmico jogo de RPG baseado na animação teve seu lançamento barrado em territórios europeus por causa de seu conteúdo. No total, foram retirados trechos em que personagens eram abduzidos por alienígenas e tinham sondas anais instaladas, assim como um minigame que envolvia um aborto.

Tela exibida durante os momentos censurados na versão europeia de South Park: The Stick of Truth — Foto: Reprodução/YouTube Tela exibida durante os momentos censurados na versão europeia de South Park: The Stick of Truth — Foto: Reprodução/YouTube

Tela exibida durante os momentos censurados na versão europeia de South Park: The Stick of Truth — Foto: Reprodução/YouTube

Esse conteúdo foi indicado por órgãos de censura europeus, mas a escolha de retirá-los totalmente das versões europeias partiu da própria Ubisoft, responsável pelo seu lançamento.

O game de RPG da Nintendo foi lançado no Japão e, por lá, foi alvo de uma polêmica devido a um trecho que fazia alusão ao que parecia ser um tratamento de “cura homossexual”.

Fire Emblem Fates — Foto: Divulgação/Nintendo Fire Emblem Fates — Foto: Divulgação/Nintendo

Fire Emblem Fates — Foto: Divulgação/Nintendo

A polêmica em torno de Fire Emblem Fates acabou correndo o mundo e esse trecho, assim como uma função para acariciar o rosto de personagens usando a tela sensível ao toque o Nintendo 3DS, foram removidas da versão internacional, ficando presente somente na edição japonesa do título.

Nem mesmo o game de corrida do Mario ficou a salvo de polêmicas e cortes em lançamentos internacionais. Mario Kart 8 Deluxe, versão do jogo que foi lançada para o Nintendo Switch teve elementos retirados através de uma atualização.

O gesto polêmico em Mario Kart 8 Deluxe — Foto: Reprodução/Kotaku O gesto polêmico em Mario Kart 8 Deluxe — Foto: Reprodução/Kotaku

O gesto polêmico em Mario Kart 8 Deluxe — Foto: Reprodução/Kotaku

Depois de ter lançado o game, a Nintendo recebeu reclamações de países europeus após a personagem Inkling Girl, de Splatoon, mandar como comemoração o conhecido gesto “da banana” para seus oponentes. Em alguns países da América Latina e Europa, o gesto é o equivalente ao mostrar o dedo do meio, algo que aumentaria a classificação em diversos países.

Evitando mais problemas, a Nintendo optou por retirar o gesto através de um patch, liberando o lançamento do título em todo o mundo.

Quais jogos você acha que merecem uma continuação? Deixe sua opinião em nosso Fórum!

MAIS DO TechTudo