Por Igor Nishikiori, para o TechTudo


Quem acha que a produção de jogos no Brasil ainda está engatinhando, achou errado. Cada vez mais, há games criados e desenvolvidos aqui fazendo sucesso no exterior. Prova disso é que diversas produções nacionais ganharam reviews elogiosos em publicações estrangeiras e até receberam prêmios em grandes eventos internacionais. Selecionamos 10 deles que valem a pena conhecer.

Celeste, Horizon Chase e Until Dead são alguns exemplos recentes de produções que fizeram bonito lá fora e mostraram que capacidade é o que não falta no Brasil. Confira nossa lista:

Until Dead é um dos jogos que receberam prêmio no exterior — Foto: Reprodução/Marcell Santos

No Heroes Here (PC, Switch, PS4, Xbox One) — Estratégia

Lançado para PC (com download via Steam) e previsto para sair para PS4, Xbox One e Switch, No Heroes Here alia o estilo tower defense a um multiplayer cooperativo frenético. Nele, cada jogador precisa fazer corretamente seu trabalho para evitar que o castelo seja invadido. Vencedor do prêmio de melhor game social no Game Connection America 2017, No Heroes Here foi criado e desenvolvido pelo estúdio Mad Mimic, de São Paulo.

Alpha Beat Cancer (iOS, Android) — Educativo

Alpha Beat Cancer é um jogo mobile que tem o intuito de ensinar sobre o câncer e seu tratamento por meio de minigames. Criado pelo estúdio Mukutu, de Santos (SP), o título contou com a parceria da ONG Instituto Beaba. Em 2018, o Alpha Beat Cancer ganhou na categoria Saúde e Bem Estar no World Summit Awards da ONU, na Áustria, e na categoria Escolha da Audiência no Indie Prize Award na Casual Connect 2018 nos EUA.

Celeste (PC, PS4, Xbox One, Switch) — Plataforma

Criado pelo canadense Matt Thorson, o indie Celeste contou com a arte do estúdio Miniboss, de São Paulo. A parceria, aliás, já é antiga: os dois trabalharam juntos em Towerfall Ascension.

Em Celeste, uma jovem chamada Madeline tem como objetivo conquistar uma montanha que conta com diversos perigos e armadilhas. Fazendo jus ao estilo 16 bits, o game desafia a precisão e a perseverança do jogador, que certamente morrerá várias vezes até conseguir completar todas as fases. Celeste recebeu o prêmio Escolha do Público do Independent Games Festival 2018.

Horizon Chase (Android, iOS, PC, PS4) — Corrida

O estúdio gaúcho Aquiris está por trás de Horizon Chase, que em maio ganhará uma versão para PS4 e PC. Inspirado em jogos clássicos dos anos 90, como Top Gear e Turbo OutRun, Horizon Chase é um dos grandes sucessos recentes brasileiros para Android e iOS. Ganhou prêmios no BIG Festival, no SBGames, foi indicado como um dos melhores da Apple Store e esteve no top 20 do Pocket Awards 2015.

Until Dead (Android, iOS) — Estratégia

Diferentemente de outros títulos com temática zumbi, Until Dead pega emprestado a mecânica dos gêneros de estratégia por turnos, como X-COM e Mario + Rabbids, e adiciona o clima sombrio de um mundo pós-apocalíptico. Criado pelo estúdio Monomyto, de Campo Grande (MS), Until Dead ganhou o prêmio de melhor jogo mobile no Indie Prize de Seattle (EUA) em 2017.

Distortions (PC) — Aventura

Lançado em março de 2018 para a plataforma Steam, Distortions parece até uma superprodução, mas na realidade é um ambicioso projeto que levou nove anos para ficar pronto. Criado pelo estúdio paulista Among Giants, Distortions trata de temas como relacionamentos e traumas em uma narrativa surrealista. Venceu o prêmio de melhor jogo brasileiro e melhor jogo segundo voto popular no BIG Festival 2017, melhor ideia original no AzPlay (Espanha) e melhor tecnologia no SBGames 2017.

Chroma Squad (PC, PS4, Xbox One, Android, iOS) — RPG

Vem diretamente de Brasília o game Chroma Squad, um RPG tático que homenageia os antigos seriados japoneses que fizeram sucesso no Brasil nos anos 80 e 90. Criado pelo Behold Studios, que foi responsável também pelo aclamado Knights of Pen & Paper, Chroma Squad foi premiado como melhor jogo indie e melhor áudio no SBGames 2015 e ficou entre os melhores games escolhidos pelo público do SXSW Game Awards 2015.

Starlit Adventures (Android, iOS, PS4) — Plataforma

O estúdio Rockhead Games, de Porto Alegre (RS), é o responsável pelo sucesso Starlit Adventures, lançado em 2015 para Android e iOS. Após ganhar o prêmio de melhor game brasileiro do BIG Festival 2016 e melhor jogo, segundo júri técnico do SBGames 2016, em 2018 o game foi adaptado para PS4 graças à parceria com o estúdio paulista Webcore.

Em Starlit Adventures, o jogador controla os personagens Bo e Kikki e precisa coletar itens espalhados em um mundo colorido e cheio de puzzles. À medida que o jogo avança, os desafios aumentam e diferentes roupas com habilidades especiais são desbloqueadas.

Lila’s Tale (Gear VR) — Aventura

De olho no nicho dos games de realidade virtual, o paulista Skullfish Studios criou Lila’s Tale, um jogo no estilo aventura com elementos de puzzle e plataforma para Gear VR. O game venceu na categoria melhor arte no Indie Prize de Singapura em 2017 e ainda não há uma data prevista de lançamento.

Sword Legacy: Omen (PC) — RPG

Com lançamento previsto para o segundo trimestre de 2018, Sword Legacy: Omen é um RPG tático que conta a história da Inglaterra antes da lenda do rei Arthur, em um mundo cheio de violência e batalhas brutais. O game foi criado pelo Firecast Studio em parceria com o Fableware Narrative Design, ambos do Rio de Janeiro, e tem como publisher a desenvolvedora Team17, a mesma da série Worms. Ganhou o prêmio de melhor narrativa do SBGames 2017.

Qual seu jogo Indie Favorito? Dê sua opinião no fórum do TechTudo!

Mais do TechTudo