Por Felipe Vinha, para o TechTudo


Burnout Paradise Remastered é a versão remasterizada do clássico game de corrida da EA, com um preço de cerca de R$ 150. Lançado para PS4, Xbox One, PS4 Pro e Xbox One X, o título traz gráficos novos, mas mantém a jogabilidade arcade que consagrou a franquia. Mas será que vale a pena? Confira a nossa análise.

De cara nova

Pouquíssimas mudanças foram feitas em Remastered e o jogo limitou-se apenas a trazer um visual remasterizado para os consoles da atual geração. Com isso, o game traz melhorias gráficas, o que retira a cara de datado.

Burnout Paradise  — Foto: Divulgação/EA Burnout Paradise  — Foto: Divulgação/EA

Burnout Paradise — Foto: Divulgação/EA

Porém, é preciso lembrar que as melhorias não foram tão surpreendentes assim. O game está mais bonito, mas ainda longe de ser comparado com qualquer jogo do gênero lançado recentemente. Isso fica nítido nos cenários, que continuam sem muitos detalhes, e na composição dos veículos.

Além de serem bem superficiais, os efeitos de colisões e acidentes deixam um pouco a desejar, apresentando gráficos bem artificiais que deixam o realismo longe. Entretanto, vale lembrar que a pegada do jogo não é ser o mais real possível, e você irá entender agora.

A boa e velha jogabilidade arcade

O que fez Burnout se tornar uma das melhorias franquias de corrida dos últimos tempo foi a sua jogabilidade arcade. Isso quer dizer que o game relembra clássicos dos fliperamas (arcades machines) onde o jogador só precisava se preocupar em acelerar e desviar dos oponentes e obstáculos pelo caminho.

Burnout Paradise — Foto: Divulgação/EA Burnout Paradise — Foto: Divulgação/EA

Burnout Paradise — Foto: Divulgação/EA

Com a evolução dos jogos, o gênero de corrida caminhou para o lado da simulação. Nele, há um foco maior em acertar seu carro para então depois se arriscar nas pistas. Dessa forma, games como Burnout perdem cada vez mais espaço, inclusive séries consagradas que ainda dão um gás ao gênero arcade, como Need For Speed, já têm o seu pézinho nesse estilo mais real.

Centenas de desafios pelo caminho

Burnout Paradise se resume a correr como se não houvesse amanhã. Em toda a cidade de Paradise City, basicamente todos os objetivos se resumem a esse - a não ser quando é preciso destruir o máximo de oponentes pelo caminho.

Não há sistema de evolução ou upgrades para seus carros e é preciso ganhar as provas e desafios para desbloquear novos veículos. Há objetivos espalhados por todos os cantos da cidade, ou seja, a cada reta há novidades e disputas.

Burnout Paradise — Foto: Divulgação/EA Burnout Paradise — Foto: Divulgação/EA

Burnout Paradise — Foto: Divulgação/EA

Também há elementos tradicionais de jogos do estilo arcade presentes. No mapa, por exemplo, há pontos de recuperação. É preciso passar por eles para recuperar seu veículo dos estragos. O mesmo vale para os pontos de abastecimento do turbo, lembrando antigos clássicos dos fliperamas.

Vale a pena?

Se você nunca teve a oportunidade de conferir o clássico Burnout Paradise, a versão remasterizada é uma excelente oportunidade. Com uma jogabilidade bem arcade, o título é uma excelente opção para quem busca um divertimento simples, sem ter um PHD em mecânica para evoluir no jogo.

Quais são os melhores jogos Android? Dê sua opinião no fórum TechTudo

MAIS DO TechTudo