Por Caroline Parreiras, para o TechTudo


O Pixel 2 é um smartphone Google lançado em outubro de 2017 junto com uma versão maior, o Pixel 2 XL. A linha é conhecida por ter Android sem modificações e atualizações constantes do sistema pela fabricante. Entre outros motivos para comprar o Pixel 2 estão as câmeras, que evoluíram bastante com relação ao primeiro Google Pixel.

O celular não foi lançado oficialmente no Brasil, mas recentemente foi visto em lojas online do país. Outra opção para quem quer comprar o Pixel 2 é importar por US$ 649, ou cerca de R$ 2.300, em conversão direta e sem considerar impostos. Confira, a seguir, seis motivos para comprar e quatro para não comprar o Google Pixel 2.

Celular importado, Google Pixel 2 tem Android puro — Foto: Divulgação/Google Celular importado, Google Pixel 2 tem Android puro — Foto: Divulgação/Google

Celular importado, Google Pixel 2 tem Android puro — Foto: Divulgação/Google

6 VANTAGENS DO GOOGLE PIXEL 2

1. Android sem modificações

Uma das principais características dos celulares do Google é usar o sistema Android puro, sem qualquer modificação, o que tende a deixar o aparelho mais veloz. Como a marca desenvolve software e hardware, pode otimizar os dois para trabalharem melhor em conjunto. O mesmo acontece com a Apple, por exemplo, que desenvolve iPhone e iOS.

2. Atualizações constantes

O Pixel 2 chega rodando o Android 8 (Oreo) e deve ser um dos primeiros a receber o Android 9 (P), uma vez que o sistema é desenvolvido pela mesma marca. Além disso, o Google garantiu a atualização sistema do celular até 2020, três anos após o seu lançamento.

Google Pixel 2 tem Android 8 (Oreo) puro — Foto: Divulgação/Google Google Pixel 2 tem Android 8 (Oreo) puro — Foto: Divulgação/Google

Google Pixel 2 tem Android 8 (Oreo) puro — Foto: Divulgação/Google

3. Câmeras com realidade aumentada e machine learning

A câmera traseira do Google Pixel 2 tem 12,2 megapixels e utiliza recursos de machine learning (aprendizado da máquina) para melhorar os resultados. A lente tem abertura f/1.8, autofoco laser e tecnologia Dual Pixel, para otimizar foco e luminosidade. Já a câmera frontal é de 8 megapixels com abertura f/2.4.

Logo que foi lançado, o smartphone entrou para o ranking de celulares com as melhores câmeras do site especializado em imagem DxOMark. Atualmente, o Pixel 2 ocupa a quarta posição, com 98 pontos, atrás de aparelhos como o Samsung Galaxy S9 Plus (99 pontos), Huawei P20 (102 pontos) e Huawei P20 Pro (109 pontos). O iPhone X aparece logo depois do Pixel 2, em quinta posição, com 97 pontos.

Os bons resultados da câmera devem-se ao aprendizado da máquina, que faz com que o smartphone consiga o efeito bokeh – aquele desfoque de fundo – com apenas uma lente. Celulares como o iPhone 8 Plus precisam de um segundo sensor para ter o mesmo resultado. Além disso, o uso de realidade aumentada é responsável pelos adesivos virtuais (stickers), que podem ser adicionados à imagem antes da captura

4. Resistência à água

Mais um ponto positivo vai para a resistência à água. A certificação é a IP67, que assegura que o celular continue funcionando mesmo se ficar submerso por 30 minutos a até um metro de profundidade, em água doce. No entanto, smartphones como Galaxy S9, LG G6 e Galaxy A7 2017 aguentam profundidades maiores (1,5 metro) pelo mesmo tempo, uma vez que contam com IP68.

Google Pixel 2 é resistente a água — Foto: Divulgação/Google Google Pixel 2 é resistente a água — Foto: Divulgação/Google

Google Pixel 2 é resistente a água — Foto: Divulgação/Google

5. Google Assistente acionada com Active Edge

A assistente pessoal do Google já é usada em outros smartphones, como o Moto Z2 Force. O recurso pode ser acionado por voz para fazer pesquisas ou ligações, por exemplo. No Pixel 2, outra opção para ativar o Google Assistente é por gesto, o chamado Active Edge, que funciona pressionando qualquer parte da lateral do smartphone (mesmo com capa). A sensibilidade da pressão ainda pode ser ajustada.

6. Som estéreo

O Google acertou ao incluir dois alto-falantes estéreo na frente do Pixel 2. Outras marcas como Samsung e Apple já vêm otimizando o áudio de seus smartphones, como é o caso do Galaxy S9 e do iPhone 8.

Cinco tópicos que devem ser analisados na hora de comprar celular

Cinco tópicos que devem ser analisados na hora de comprar celular

4 DESVANTAGENS DO GOOGLE PIXEL 2

1. Garantia do celular

Por ser um celular importado, o Pixel 2 não tem garantia no Brasil e nem assistência técnica autorizada por aqui. Isso quer dizer que, se você comprar o aparelho nos Estados Unidos e, ao chegar ao Brasil, ele apresentar problemas, será preciso voltar ao país de origem para acionar a garantia ou buscar suporte.

Não ter garantia ou suporte no Brasil é uma desvantagem do Google Pixel 2  — Foto: Divulgação/Google Não ter garantia ou suporte no Brasil é uma desvantagem do Google Pixel 2  — Foto: Divulgação/Google

Não ter garantia ou suporte no Brasil é uma desvantagem do Google Pixel 2 — Foto: Divulgação/Google

2. Bateria de 2.700 mAh

A bateria do Pixel 2 é mais um ponto de atenção. A capacidade de 2.700 mAh está abaixo da média de concorrentes como o Galaxy S9, com 3.000 mAh. Mesmo assim, a fabricante afirma que o celular aguenta um dia de uso, além de ser recarregada em apenas 15 minutos.

3. Design com proporção 16:9

Já no ano de lançamento do Pixel 2 (2017), a concorrência já usava a proporção de tela 18:9, que deixa o celular mais estreito. Esse é o caso do LG G6 e do Galaxy Note 8. Em 2018, até aparelhos mais simples, como o Moto G6 Play, começam a aderir ao novo estilo. Sendo assim, o Pixel 2 pode parecer "ultrapassado" em termos de design, quando comparado a outros smartphones premium.

Google Pixel 2 tem tela com proporção 16:9 — Foto: Reprodução/Google Google Pixel 2 tem tela com proporção 16:9 — Foto: Reprodução/Google

Google Pixel 2 tem tela com proporção 16:9 — Foto: Reprodução/Google

4. Sem entrada para cartão de memória

Outra desvantagem do Google Pixel 2 é a ausência de entrada de cartão de memória microSD. O telefone pode ser comprado com 64 GB ou 128 GB de armazenamento. Usuários de celulares Apple já estão acostumados a se virar sem a expansão, mas a opção é comum até em celulares mais avançados com sistema Android.

Ficha técnica do Google Pixel 2:

  • Lançamento: outubro/2017
  • Preço: US$ 649 (R$ 2.300 aproximadamente)
  • Tela: 5 polegadas
  • Resolução da tela: Full HD (1920 x 1080 pixels)
  • Processador: Octa-core de até 2,35 GHz (Snapdragon 835)
  • Memória RAM: 4 GB
  • Armazenamento: 64 GB ou 128 GB
  • Cartão microSD: não
  • Sistema operacional: Android 8 (Oreo)
  • Bateria: 2.700 mAh
  • Câmera traseira: 12.2 megapixels (f/1.8)
  • Câmera frontal: 8 megapixels (f/2.4)
  • Dimensões e peso: 145,7 x 69,7 x 7,8 mm; 143 g
  • Cores: Preto, branco e azul

Qual o melhor celular premium à venda no Brasil? Descubra no Fórum do TechTudo.

MAIS DO TechTudo