Flamengo e Corinthians: 10 clubes do Brasil que já estão nos jogos competitivos

Conheça equipes tradicionais de futebol que já deram seus passos no esport brasileiro

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Luiz Felipe Lima, para o TechTudo

Flamengo, Corinthians, Santos e grandes clubes de futebol brasileiro estão sendo atraídos para os esports. League of Legends, CS:GO e Fifa são alguns dos games nos quais os times têm apostado para começar a competir. Seja com participação ativa em grandes torneios ou simplesmente por serem os primeiros a investir nos esportes eletrônicos, abaixo estão os clubes que já atuaram ou atuam nas mais diversas modalidades eletrônicas existentes.

O Flamengo de brTT se classificou para o CBLoL em 2018 (Foto: Divulgação/Riot Games) O Flamengo de brTT se classificou para o CBLoL em 2018 (Foto: Divulgação/Riot Games)

O Flamengo de brTT se classificou para o CBLoL em 2018 (Foto: Divulgação/Riot Games)

Flamengo

O rubro-negro carioca é provavelmente o time tradicional que fez o maior investimento no segmento dentro do nosso país. Optando por montar uma line up própria de League of Legends, o clube promoveu um plano audacioso, comprando uma vaga no Circuito Desafiante, trazendo um elenco altamente competitivo e conquistando a vaga no CBLOL “na raça”.

Com jogadores como Felipe “brTT” Gonçalves e Thúlio “SirT” Carlos sob a batuta de Gabriel “MiT” Souza, o Flamengo conseguiu subir ao circuito principal após derrotar a Team One na Série de Promoção, e disputará o CBLOL no próximo split. Com os reforços de Bruno “Goku” Miyaguchi e Lee “Shrimp” Byeong-hoon, o time promete vir com uma força competitiva ainda maior.

Pedro Luiz "LEP" Marcari foi um dos grandes nomes do Corinthians na passagem do Timão pelo League of Legends. (Foto: Reprodução/Riot Games) Pedro Luiz "LEP" Marcari foi um dos grandes nomes do Corinthians na passagem do Timão pelo League of Legends. (Foto: Reprodução/Riot Games)

Pedro Luiz "LEP" Marcari foi um dos grandes nomes do Corinthians na passagem do Timão pelo League of Legends. (Foto: Reprodução/Riot Games)

Corinthians

A participação do Corinthians nos esportes eletrônicos foi breve, mas intensa. O Timão fechou parceria com a Red Canids, uma das maiores organizações do esport nacional, e já começou nos principais circuitos de League of Legends, Rainbow Six e Heroes of the Storm do Brasil e da América Latina.

A associação, no entanto, não durou muito. A entrada do empresário João Paulo Garcia como sócio da RED Canids impediu que o vínculo se mantivesse, já que ele também é conselheiro do Timão e, de acordo com o estatuto do clube, não poderia manter relação empresarial com o Corinthians. Apesar de não ter conquistado títulos, o Corinthians teve uma passagem relevante pelo cenário, com boas colocações nos torneios de Heroes of the Storm e no CBLoL.

Escudo do Avaí Jimmy e-Sports - parceria sólida na região sul do país. (Foto: Reprodução/YouTube) Escudo do Avaí Jimmy e-Sports - parceria sólida na região sul do país. (Foto: Reprodução/YouTube)

Escudo do Avaí Jimmy e-Sports - parceria sólida na região sul do país. (Foto: Reprodução/YouTube)

Avaí

De forma parecida com o Corinthians, a equipe catarinense também entrou nos esports por meio de uma parceria. Junto com a Jimmy e-Sports, o clube inovou com uma gaming house dentro do Estádio Ressacada, localizado na cidade de Florianópolis, em Santa Catarina. A organização conta com jogadores profissionais e streamers e atua no League of Legends, PUBG, Hearthstone, FIFA 18, PES 2018 e Rainbow Six.

Após desfazer parceria com Dexterity, o Peixe lançou o Santos e-Sports. (Foto: Divulgação/Santos FC) Após desfazer parceria com Dexterity, o Peixe lançou o Santos e-Sports. (Foto: Divulgação/Santos FC)

Após desfazer parceria com Dexterity, o Peixe lançou o Santos e-Sports. (Foto: Divulgação/Santos FC)

Santos

O Santos foi a primeira equipe tradicional de futebol a se aventurar nos esports, em 2015. Com line ups de League of Legends, Battlefield, Rainbow Six e CS:GO, a equipe teve desempenho moderado nas modalidades e alcançou o vice-campeonato de Battlefield na ESL One Summer 2015.

O Peixe, no entanto, encerrou sua parceria com a Dexterity em março de 2018 para criar sua própria organização de esporte eletrônico, a Santos e-Sports, com gestão da Select e-Sports Management. A principal contratação da equipe até o momento é o jogador de PES Guilherme "GuiFera" Fonseca, campeão mundial da modalidade.

Tradicional equipe paranaense, o Atlético firmou parceria com a Furacão e-Sport. (Foto: Reprodução/Facebook) Tradicional equipe paranaense, o Atlético firmou parceria com a Furacão e-Sport. (Foto: Reprodução/Facebook)

Tradicional equipe paranaense, o Atlético firmou parceria com a Furacão e-Sport. (Foto: Reprodução/Facebook)

Atlético Paranaense

A atuação do Atlético-PR nos esports também acontece em um sistema de parceria. Em julho de 2017, o clube se uniu com a Furacão e-Sports para atuar em campeonatos de FIFA, na modalidade Pro Clubs, e desde então tem mantido a parceria em vigor. Ainda sem conquistar nenhum título de expressão nacional, o clube segue atuando na modalidade.

A parceria entre Remo e Brave e-Sports foi uma das mais produtivas do cenário nacional. (Foto: Reprodução/Riot Games) A parceria entre Remo e Brave e-Sports foi uma das mais produtivas do cenário nacional. (Foto: Reprodução/Riot Games)

A parceria entre Remo e Brave e-Sports foi uma das mais produtivas do cenário nacional. (Foto: Reprodução/Riot Games)

Remo

A parceria entre Remo e Brave e-Sports foi uma das mais produtivas do cenário nacional. Com atuações no cenário de CS:GO, CrossFire e League of Legends, foi nesta última que a organização teve seu maior sucesso. Vencendo o Circuito Desafiante na segunda metade de 2016, a equipe ascendeu ao CBLOL e revelou grandes talentos como Danniel “Evrot” Franco e Alanderson “4Lan” Meireles.

Mas o fim da parceria foi bastante problemático. Alegando descontentamento com a nova gestão do Remo, que havia sido tomado posse em 2017, a Brave não renovou o contrato com o time de Belém e desde então não tem conseguido se recuperar. Caindo do CBLOL e do Circuito Desafiante, a equipe não tem aparecido nos circuitos principais de League of Legends desde a sua participação na SuperLiga ABCDE, no final de 2017.

Goiás trouxe nomes de peso para compor sua line up de FIFA. (Foto: Reprodução/Goiás Esporte Clube) Goiás trouxe nomes de peso para compor sua line up de FIFA. (Foto: Reprodução/Goiás Esporte Clube)

Goiás trouxe nomes de peso para compor sua line up de FIFA. (Foto: Reprodução/Goiás Esporte Clube)

Goiás

A equipe de futebol goiana, atualmente na segunda divisão do Campeonato Brasileiro, é representada nos esports por dois jogadores de FIFA: Lucas "Lucasrep" Gonçalves e Lucas “Tabata”. Com grande experiência internacional, o destaque fica para Lucasrep: o jogador defendeu o Goiás no FIFA 17 Ultimate Team World Championship de PS4, alcançando os playoffs e ficando na 5ª colocação do torneio.

Tradicional equipe potiguar tem três line ups de League of Legends. (Foto: Reprodução/Facebook) Tradicional equipe potiguar tem três line ups de League of Legends. (Foto: Reprodução/Facebook)

Tradicional equipe potiguar tem três line ups de League of Legends. (Foto: Reprodução/Facebook)

ABC

O time do Rio Grande do Norte também está usando sua força regional para estimular o cenário local de esports. O time anunciou duas equipes de League of Legends, a ABC Stars White e ABC Stars Black, montadas tendo como base as equipes Obscure e Imagine Dragons, e atualmente conta também com uma terceira equipe, a ABC Stars GalaXy. As line ups atuam com maior proeminência na região do nordeste, já tendo conquistado o título do torneio realizado na SAGA Entretenimento em 2017 e disputando no momento a Liga Digicom.

Vitória tem line ups de CS:GO, FIFA e League of Legends. (Foto: Reprodução/Facebook) Vitória tem line ups de CS:GO, FIFA e League of Legends. (Foto: Reprodução/Facebook)

Vitória tem line ups de CS:GO, FIFA e League of Legends. (Foto: Reprodução/Facebook)

Vitória

O rubro-negro baiano tem atuado principalmente no FIFA. Com uma line up imponente de 38 jogadores divididos entre Xbox One e PS4, a equipe tem atuado principalmente em campeonatos regionais da modalidade. Recentemente, a equipe também anunciou line ups de League of Legends e CS:GO masculino e feminino, e já conquistou títulos: o time de CS:GO masculino conquistou de maneira invicta o primeiro Campeonato Baiano recentemente, em maio.

XV de Piracicaba também atua no e-sport regional - equipe tem line up de FIFA. (Foto: Reprodução/Facebook) XV de Piracicaba também atua no e-sport regional - equipe tem line up de FIFA. (Foto: Reprodução/Facebook)

XV de Piracicaba também atua no e-sport regional - equipe tem line up de FIFA. (Foto: Reprodução/Facebook)

XV de Piracicaba

Talvez a presença mais surpreendente do Alvinegro Piracicabense também tem sua própria line up de FIFA 18 na modalidade Pro Clubs. Atuando principalmente no segmento online, o time teve boas performances na VPSL Pré-Temporada Profissional de Xbox One e alcançou o Top 16 na fase final. No momento, a equipe participa também da Segunda Divisão da Liga LBC da Virtual Pro Network, e está em 5º lugar na tabela de classificação.

MAIS DO TechTudo