Por Bruna Telles, para o TechTudo


Age of Empires é um dos jogos de maior sucesso da Microsoft. A franquia, lançada nos anos 1990, marcou gerações e era febre nas lan house dos anos 2000. Indo além do jogadores casuais, o game também tem seu cenário competitivo. Veja, a seguir, a trajetória de Age of Empires nos esports, seus principais torneios, pro players e prêmios mais altos.

Age of Empires

Age of Empires: clássico de 97 ganhou versão com visual moderno e novos recursos — Foto: Divulgação/Microsoft Age of Empires: clássico de 97 ganhou versão com visual moderno e novos recursos — Foto: Divulgação/Microsoft

Age of Empires: clássico de 97 ganhou versão com visual moderno e novos recursos — Foto: Divulgação/Microsoft

Lançado em 1997, Age of Empires fez grande sucesso entre os jogadores casuais. Mas além desse público, o game marcou presença no competitivo e continua ativo até hoje. Ao todo, o título já teve 80 torneios realizados, com US$ 162,9 mil (cerca de R$ 629,7 mil) distribuídos em prêmios. Os principais pro players são os vietnamitas Nguyen "Chim Se Di Nang" Binh, Đinh "Hồng Anh" Hiếu e o chinês 神龙 "ShenLong".

Entre os torneios mais lucrativos estão o MrFixitOnline ROR World Championships 2000, com premiação de US$ 9,5 mil (R$ 36,7 mil) e o Quảng Đông Open 1 - nội dung Đoàn thể 2016, com prêmio de US$ 8,5 mil (R$ 33,1 mil).

Age of Empires II: The Age of Kings

Age of Empires 2: Brasil está entre os países que mais faturaram com o jogo — Foto: Divulgação/Microsoft Age of Empires 2: Brasil está entre os países que mais faturaram com o jogo — Foto: Divulgação/Microsoft

Age of Empires 2: Brasil está entre os países que mais faturaram com o jogo — Foto: Divulgação/Microsoft

Lançado em 1999, Age of Empires II é outro exemplo de vitalidade. O jogo teve 83 torneios realizados e US$ 669,9 mil (R$ 2,5 milhões) distribuídos em prêmios. Seus principais jogadores são o sul-coreano Kang "iamgrunt" Byung Geon, o norueguês Ørjan "TheViper" Larsen e o japonês Akihiro "Halen" Nakamura.

O Brasil, vencedor da SY Nations Cup 2017, é o terceiro país que mais faturou em competições: US$ 62,8 mil (R$ 242,7 mil). Já o brasileiro Daniel "RiuT" Lima, terceiro colocado na World Series of Video Games 2015, está entre os 10 jogadores que mais ganharam com Age of Empires 2, com US$ 15,8 mil (R$ 61 mil). O jogo continua vivo no competitivo, e em julho de 2018 foi anunciada a Pro League do game. A Escape Champions League terá premiação de US$ 60 mil (R$ 231,9 mil).

Age of Empires III

Age of Empires 3: jogo retratou a colonização das Américas pela Europa, e recebeu duas expansões — Foto: Divulgação/Microsoft Age of Empires 3: jogo retratou a colonização das Américas pela Europa, e recebeu duas expansões — Foto: Divulgação/Microsoft

Age of Empires 3: jogo retratou a colonização das Américas pela Europa, e recebeu duas expansões — Foto: Divulgação/Microsoft

Lançado em 1999, Age of Empires III teve 20 torneios realizados e US$ 45,1 mil (R$ 174,3 mil) distribuídos em premiações. Seus principais jogadores são Kang "iamgrunt" Byung Geon e os norte-americanos Ryan "h2o" Mancl e Raghav "Parfait" Phadke. Entre os torneios mais lucrativos estão as edições 2007 e 2008 da World Cyber Games, cujas premiações foram de US$ 20 mil (R$77,3 mil) e US$ 17,5 mil (R$ 67,6 mil). Em 2009 a Microsoft Studios lançou a Age of Empires III: Complete Edition, uma compilação contendo o jogo principal e as expansões War Chiefs e The Asian Dynasties.

Age of Empires Online

Age of Empires Online: jogo foi lançado apenas em formato digital, em formato free-to-play — Foto: Divulgação/Microsoft Age of Empires Online: jogo foi lançado apenas em formato digital, em formato free-to-play — Foto: Divulgação/Microsoft

Age of Empires Online: jogo foi lançado apenas em formato digital, em formato free-to-play — Foto: Divulgação/Microsoft

Lançado em 2011, Age of Empires Online não capitalizou a força de seus antecessores. Com apenas 20 torneios realizados, as premiações distribuídas foram de US$ 1,1 mil (R$ 4,2 mil). Seus principais jogadores são o alemão "ZertoN", o grego "TheMista" e o português "Eery". Focado nas civilizações gregas e egípcias e com um novo modelo de jogo (free-to-play), o jogo foi produzido pela Robot Entertainment em parceria com a Gas Powered Games. Entre os destaques está o brasileiro "Borg", sétimo colocado na ESOC ZutaZuta Classic 2017.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

MAIS DO TechTudo