Por Fernando Pessanha, para o TechTudo


O QoS é uma tecnologia de controle de banda que pode ser determinante na hora de escolher um roteador. O sistema consiste em estabelecer níveis de prioridade no uso de dados da Internet, tanto em para dispositivos quanto para apps. Dessa forma, quando um aparelho com preferência na rede estiver sendo usado, uma parcela maior da rede Wi-Fi vai ser destinada a ele.

Roteadores com o recurso podem ser interessantes para usuários que não possuem uma banda larga muito potente, ou para quem busca melhorar a experiência durante streaming, videochamadas ou jogos online, por exemplo. Confira a seguir seis modelos com QoS até R$ 150 para comprar no Brasil. Vale ressaltar que os preços são de responsabilidade das lojas online e podem mudar a qualquer momento sem aviso prévio.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Preço baixo e facilidade de uso são os trunfos do TL-WR840N — Foto: Divulgação/TP-Link Preço baixo e facilidade de uso são os trunfos do TL-WR840N — Foto: Divulgação/TP-Link

Preço baixo e facilidade de uso são os trunfos do TL-WR840N — Foto: Divulgação/TP-Link

1. TP-Link TL-WR840N – R$ 78

Lançado pela TP-Link no ano de 2015, o TL-WR840N apresenta 2 antenas fixas de 5 dBi, contando com recursos como controle de acesso, gerenciamento local, rede de visitantes, entre outros. Além disso, o dispositivo conta com velocidade máxima de transferência de dados de 300 Mb/s, característica comum em roteadores de entrada.

O modelo opera em apenas uma banda, de 2,4 GHz, aspecto negativo, uma vez que pode apresentar falhas de conexão por conta do alto número de dispositivos que operam nessa mesma faixa. Apesar disso, o roteador se apresenta como uma boa opção de compra muito por conta do preço baixo no comércio eletrônico brasileiro, custando pelo menos R$ 78.

2. Multilaser RE163 – R$ 84,54

Multilaser RE163 vem com três antenas — Foto: Divulgação/Multilaser Multilaser RE163 vem com três antenas — Foto: Divulgação/Multilaser

Multilaser RE163 vem com três antenas — Foto: Divulgação/Multilaser

O modelo da Multilaser conta com três antenas de até 5 dBi de potência de transmissão e traz especificações semelhantes a outros roteadores do mesmo fabricante. Operando apenas na banda de 2,4 GHz, o dispositivo oferece taxas de transferência de até 300 Mb/s. Além disso, o roteador traz recursos como o controle de banda, e pode ser útil para usar em ambientes menores.

O dispositivo é apresentado pela fabricante como um roteador com o intuito de atender desde residências até pequenas empresas e escritórios, além de funcionar para rede de home office, por exemplo. O número maior de antenas sacrifica uma porta Ethernet, contando, portanto, com quatro portas RJ-45 para conexões via cabo, e uma porta WAN.

3. D-Link DSL-2740E – R$ 95

D-Link DSL-2740E é outro roteador que conta com o serviço de controle de b — Foto: Divulgação/D-Link D-Link DSL-2740E é outro roteador que conta com o serviço de controle de b — Foto: Divulgação/D-Link

D-Link DSL-2740E é outro roteador que conta com o serviço de controle de b — Foto: Divulgação/D-Link

O modelo da D-Link, segundo a fabricante, é uma opção versátil para residências ou escritórios. O dispositivo possui taxa de 300 Mb/s em 2,4 GHz e não trabalha na faixa de 5 GHz, um ponto que pode desagradar usuários mais exigentes. Além disso, apresenta recursos de segurança que visam impedir acesso não autorizado à rede e aos dados pessoais do usuário.

O aparelho conta com o padrão WPA/WPA2 e criptografia de dados, assim como segurança de firewall, como Stateful Packet Inspection (SPI) e registro de ataques de hackers. O DSL-2740E conta com duas antenas externas de 5 dBi, quatro portas LAN 10/100 e também uma porta RJ-11 ADSL.

4. TP-Link TL-WR940N – R$ 115,70

TP-Link TL-WR940N tem três antenas e recursos como o QoS — Foto: Divulgação/TP-Link TP-Link TL-WR940N tem três antenas e recursos como o QoS — Foto: Divulgação/TP-Link

TP-Link TL-WR940N tem três antenas e recursos como o QoS — Foto: Divulgação/TP-Link

Lançado pela TP-Link em 2015, o TL-WR940N opera apenas na faixa de 2,4 GHz. Portanto, problemas de conexão e interferência com outros aparelhos que trabalham na mesma frequência são mais prováveis de acontecer, principalmente em áreas urbanas. O modelo conta com cinco portas RJ-45, sendo uma delas WAN, e mede apenas 200 x 140 x 28 mm.

O aparelho pode ser utilizado não só como ponto de acesso mas também como repetidor de sinal, se mostrando uma boa alternativa para quem busca uma expansão para a rede Wi-Fi. Além disso, o roteador apresenta taxas de até 450 Mb/s, um diferencial em modelos nessa faixa de preço.

5. D-Link DIR-819 – R$ 119,90

D-Link DIR-819 funciona na faixa de 5 GHz e recurso para maior segurança — Foto: Divulgação/D-Link D-Link DIR-819 funciona na faixa de 5 GHz e recurso para maior segurança — Foto: Divulgação/D-Link

D-Link DIR-819 funciona na faixa de 5 GHz e recurso para maior segurança — Foto: Divulgação/D-Link

O DIR-819 traz como diferencial um firmware personalizado para provedores. O aparelho promete transmissão ideal para serviços de streaming de músicas, filmes e até para jogar online, apresentando taxas de até Mb/s na faixa dos 2,4 GHz e de 433 Mb/s na rede 5 GHz.

O dispositivo conta ainda com a tecnologia DMZ ou zona desmilitarizada, que oferece maior segurança criando uma "camada extra" de rede. Além disso, o modelo da D-Link traz três antenas de 5 dBi, gerando um alcance de cerca de 200 m², de acordo com a fabricante. Ao todo, são 4 portas LAN e uma porta WAN, ambas no padrão Fast Ethernet.

6. TP-Link Archer C20 – R$ 122,90

Archer C20 é dual band  — Foto: Divulgação/TP-Link Archer C20 é dual band  — Foto: Divulgação/TP-Link

Archer C20 é dual band — Foto: Divulgação/TP-Link

Lançado pela TP-Link em 2017, o Archer C20 é dual-band. Traz, portanto, duas antenas de 2,4 GHz e uma antena de 5 GHz, onde as taxas de sinal vão até 433 Mb/s e 300 Mb/s, respectivamente, somando um total de 733 Mb/s. O dispositivo conta ainda com quatro portas LAN e uma WAN, todas do tipo Fast Ethernet.

O roteador chama atenção não apenas pelas especificações, mas também pelo design, com visual moderno e ideal para compôr o ambiente. Com essas características, o Archer C20 se mostra um roteador funcional, que, juntamente com a tecnologia QoS, deve ser capaz de oferecer um uso equilibrado.

Como configurar e ativar um roteador? Saiba no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo