Por Carol Fernandes, para o TechTudo


Trabalho freelancer online pode ser encontrado a partir de sites especializados em fornecer vagas para freelas. Portais na Internet reúnem ofertas de trabalhos temporários sem vínculo empregatício em diferentes áreas, como marketing, tradução, design gráfico e programação. Os sites têm diferenças de serviço e funcionamento entre si. Por exemplo, enquanto a Revelo é responsável pela intermediação de processos seletivos voltados para carreiras digitais, a 99 Freelas permite que freelancers façam ofertas de preço para os trabalhos disponíveis na plataforma. Confira na lista a seguir cinco opções de sites para freelancer e suas vantagens e desvantagens.

Trabalhar em home office é uma tendência mundial — Foto: Isabela Giantomaso/TechTudo Trabalhar em home office é uma tendência mundial — Foto: Isabela Giantomaso/TechTudo

Trabalhar em home office é uma tendência mundial — Foto: Isabela Giantomaso/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

1. Freelancer.com.br

O Freelancer.com.br é um site muito conhecido entre os que buscam por um trabalho temporário. Para participar é bem simples, basta criar uma conta a partir de um breve cadastro gratuito. Em seguida, é preciso preencher o perfil com foto, competências profissionais e escolher entre as principais categorias de acordo com seus interesses. A interface é interessante e também permite que o usuário veja outros candidatos cadastrados no site, bem como suas aptidões.

A plataforma apresenta muitas opções de serviços e ainda conta com um verificador de currículos que dá aos candidatos a possibilidade de melhorar seus perfis. Com uma conta grátis, é possível ter acesso a algumas ofertas de projetos e enviar propostas. Quem quiser receber vantagens extras, pode aderir a um dos planos de associação que o site oferece.

Freelancer é um dos sites de empregos temporários mais conhecidos — Foto: Reprodução/Carol Fernandes Freelancer é um dos sites de empregos temporários mais conhecidos — Foto: Reprodução/Carol Fernandes

Freelancer é um dos sites de empregos temporários mais conhecidos — Foto: Reprodução/Carol Fernandes

2. Workana (workana.com)

Outro site bem conhecido neste segmento é o Workana. O usuário pode se cadastrar gratuitamente e ter acesso a diversos jobs a partir dos filtros de busca. O portal permite que os freelancers sejam contratados por um preço fixo pelo trabalho finalizado ou por horas. A escolha do tipo de contratação vai de acordo com o objetivo de cada um. Uma vantagem que o Workana oferece ao contratante é a garantia de que se o freelancer não realizar o trabalho pedido, o dinheiro já pago será devolvido.

Um diferencial da plataforma é o aplicativo para Android "Workana: trabalhos freelance", que permite que o profissional registre as tarefas realizadas e que o cliente acompanhe o tempo de trabalho dedicado ao projeto. O app está disponível de graça no Google Play.

O Workana oferece aplicativo para Android gratuito para os usuários — Foto: Reprodução/TechTudo O Workana oferece aplicativo para Android gratuito para os usuários — Foto: Reprodução/TechTudo

O Workana oferece aplicativo para Android gratuito para os usuários — Foto: Reprodução/TechTudo

3. 99 freelas (99freelas.com.br)

O 99 freelas é uma plataforma gratuita para empregos temporários com busca por meio de filtro. Uma dica do próprio site para seus usuários cadastrados é prestar atenção nos e-mails recebidos, pois o 99 freelas envia diariamente novas vagas na especialização do usuário de acordo com os dados preenchidos no seu perfil.

O site também oferece uma calculadora desenvolvida especialmente para os profissionais iniciantes que ainda não sabem quanto cobrar por trabalho. Quem quiser mais vantagens para encontrar o projeto ideal, pode contratar um dos planos premium que variam de R$ 29,90 a R$ 59,90 por mês.

Os usuários cadastrados recebem vagas temporárias por e-mail — Foto: Reprodução/Carol Fernandes Os usuários cadastrados recebem vagas temporárias por e-mail — Foto: Reprodução/Carol Fernandes

Os usuários cadastrados recebem vagas temporárias por e-mail — Foto: Reprodução/Carol Fernandes

4. MeuRedator (meuredator.com.br)

O MeuRedator é um site voltado para quem busca por empregos temporários na área de produção de conteúdo. Os interessados podem fazer o cadastro gratuito usando os dados do Facebook ou criando login e senha para a plataforma. Além disso, é preciso enviar dois textos para o portfólio para que os moderadores do site e agências parceiras façam a avaliação da escrita do candidato e conhecimentos para determinadas áreas.

O prazo para entrega dos trabalhos varia de acordo com o tamanho ou tipo de produção. Em média, são dois dias para posts de 500 palavras, três dias para posts de 1000 palavras e sete dias para e-books de 2000 palavras. Em casos de imprevistos, é preciso entrar em contato com os moderadores. O valor a ser recebido pelo profissional fica disponível para saque quando somar o valor mínimo de R$ 150. O site também conta com planos mensais para aumentar as chances de encontrar um bom trabalho, além de oferecer cursos, oficinas, dicas e manual de ortografia.

Site é uma boa opção para quem um job para produzir de conteúdo  — Foto: Reprodução/Carol Fernandes Site é uma boa opção para quem um job para produzir de conteúdo  — Foto: Reprodução/Carol Fernandes

Site é uma boa opção para quem um job para produzir de conteúdo — Foto: Reprodução/Carol Fernandes

5. Vinte Pila (vintepila.com.br)

O Vinte Pila é uma plataforma que funciona com serviços sendo oferecidos a partir de R$ 20, como o nome já sugere. Nesta plataforma, é comum que o cliente vá até o profissional, por isso, pensar em diferenciais para chamar atenção é interessante já que a concorrência é grande. Mas é importante ressaltar que no botão "trabalhos freelance", o usuário pode encontrar alguns jobs no feed de solicitações.

Dentro de um serviço o usuário pode incluir atividades extras, aumentando o valor do projeto. Por exemplo, a oferta pode ser de traduzir um texto por R$ 20, mas com a possibilidade de personalizar a fonte caso cliente pague mais R$ 10 pelo trabalho.

No VintePila os jobs custam a partir de R$20 — Foto: Reprodução/Carol Fernandes No VintePila os jobs custam a partir de R$20 — Foto: Reprodução/Carol Fernandes

No VintePila os jobs custam a partir de R$20 — Foto: Reprodução/Carol Fernandes

Como cancelar uma compra já paga por boleto? Tire dúvidas no Fórum do TechTudo.

Mais do TechTudo