Sistemas Operacionais
Publicidade

Por Ana Letícia Loubak, para o TechTudo


O macOS Catalina, novo sistema operacional dos computadores da Apple, chega neste mês para os usuários. Entre as principais novidades do software está o fim do iTunes, que terá funções desmembradas entre o Finder e três aplicativos. O sistema também ganha melhorias na função de localização remota em caso de roubo, além de aprimoramentos nos apps nativos.

Antes de prosseguir com a atualização, porém, é importante seguir algumas recomendações para garantir que a instalação ocorra sem problemas e não prejudique o funcionamento da máquina. Na lista a seguir, confira seis formas de preparar seu dispositivo para a chegada do macOS Catalina.

macOS Catalina foi apresentado na WWDC 2019 e deve chegar em outubro — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

1. Certifique-se de que seu computador é compatível com o sistema

Informações sobre o sistema e ano de fabricação do Mac — Foto: Reprodução/Helito Bijora

Em primeiro lugar, é necessário verificar se o seu iMac ou MacBook está habilitado a receber a atualização. O macOS Catalina é compatível com os seguintes dispositivos:

Para conferir a data de fabricação do computador, acesse o menu "Sobre este Mac" ou consulte o site de suporte da Apple.

2. Verifique se há programas 32 bits instalados

A partir da versão Catalina, o macOS deixará de oferecer suporte a programas em 32 bits. Embora a Apple esteja incentivando os desenvolvedores a atualizar os aplicativos para preservar a compatibilidade com o sistema, que opera em 64 bits desde a versão macOS X 10.7 Lion, alguns softwares podem parar de funcionar após a atualização.

Para verificar quais programas rodam em 32 bits, acesse "Sobre este Mac" > Relatório do Sistema. Na barra lateral esquerda, role para baixo até a categoria "Software". Em seguida, selecione "Aplicativos" e aguarde o carregamento da lista. Por último, acesse a coluna "64-Bit" para classificar os programas. Os aplicativos assinalados com "Não" serão incompatíveis com o macOS Catalina.

Caso algum software importante esteja instalado em 32 bits e você queira preservá-lo, vale entrar em contato com o desenvolvedor e descobrir se ele está planejando atualizar o programa. Outra alternativa é procurar um aplicativo em 64 bits com função similar.

3. Libere espaço para a atualização

Use ferramentas de armazenamento do macOS — Foto: Reprodução/Paulo Alves

O macOS Catalina exige pelo menos 2 GB de memória RAM e 15 GB de armazenamento disponível para instalação. Portanto, antes de prosseguir com o update, é importante liberar espaço no disco rígido. Desde o macOS Sierra o sistema oferece a possibilidade de otimizar o armazenamento a partir de um recurso nativo, sem a necessidade de deletar arquivos manualmente. Para isso, acesse o menu Apple > Sobre este Mac > Armazenamento e selecione "Gerenciar".

Se precisar liberar ainda mais espaço, experimente desinstalar aplicativos, excluir backups antigos do iPhone, limpar arquivos temporários, esvaziar a lixeira e mover seus arquivos para o iCloud, serviço de armazenamento em nuvem.

4. Faça backup dos arquivos

Utilize o Time Machine para fazer backups — Foto: Divulgação/Apple

Atualizações de software podem não ocorrer como o esperado e causar problemas no computador. Além disso, mesmo que o update seja bem-sucedido, é possível que os usuários não se adaptem ao macOS Catalina e queiram voltar à versão anterior do sistema operacional. Seja qual for o caso, é importante ter um backup completo e recente da edição atual do macOS e dos arquivos do computador se houver necessidade de reverter a atualização. Para fazer uma cópia dos dados, utilize a ferramenta nativa Time Machine ou experimente aplicativos terceiros destinados a esse fim.

5. Reverta a atualização, se necessário

Restaure o sistema usando o backup do Time Machine — Foto: Reprodução/Helito Bijora

Com o backup pronto, você poderá fazer o downgrade do macOS Catalina em segurança. Caso ainda não esteja familiarizado com o processo, basta seguir os passos deste tutorial. Ao término do procedimento, o sistema será restaurado à versão anterior.

6. Conecte-se a uma rede Wi-Fi estável

Por último, mas não menos importante, certifique-se de que o computador está conectado a uma rede Wi-Fi estável e de alta velocidade antes de baixar a atualização. O tempo médio de download e instalação do macOS Catalina é de 40 minutos. Para instalar o update, acesse a App Store e clique sobre o banner com a nova versão do sistema, que estará em destaque na loja. Em seguida, basta pressionar o botão "Download" e, se necessário, confirmar a senha da conta de administrador do seu Mac.

Com mudar a tela de login do macOS Mojave? Descubra no Fórum do TechTudo.

macOS: cinco destaques do novo sistema da Apple para computadores e notebooks

macOS: cinco destaques do novo sistema da Apple para computadores e notebooks

Mais do TechTudo