Internet

Por Paulo Alves, para o TechTudo


Montar a árvore genealógica da sua família é possível com a ajuda de plataformas online, que economizam tempo na tarefa. Sites especializados oferecem bancos de dados de famílias que agilizam o preenchimento de acordo com o sobrenome, evitam erros e permitem até descobrir parentes familiares distantes graças ao algum parentesco registrado em genealogias conhecidas. Em outros casos, o serviço pode servir parar facilitar a formatação do layout e o compartilhamento com outras pessoas para colaborar à distância. Veja, a seguir, seis sites que permitem montar a árvore genealógica da sua família online, dentre outras funções.

Sites ajudam a criar árvore genealógica online — Foto: Paulo Alves/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Veja também: como tirar certidão de nascimento online

Como tirar certidão de nascimento online

Como tirar certidão de nascimento online

1. Ancestry

O Ancestry alega ter a maior base de dados do mundo para ajudar a montar uma árvore genealógica. Segundo os criadores, são mais de 20 bilhões de registros de 80 países e 100 milhões de árvores genealógicas. Ao criar uma árvore, o site dá dicas de possíveis informações de parentes disponíveis em seus bancos de dados à medida que o usuário insere os nomes dos familiares.

Uma conta gratuita no serviço dá acesso a uma série de registros históricos, incluindo censos e documentos de imigração, além de bancos de informações mantidos por igrejas e órgãos militares ao longo de muitos anos. É possível encontrar de tudo, desde datas de nascimento a listas telefônicas. São 14 dias gratuitos para testar antes da primeira mensalidade de pelo menos US$ 24,99 (cerca de R$ 105 na conversão), dependendo do plano.

Ancestry oferece 20 bilhões de registros para ajudar a criar árvore genealógica — Foto: Divulgação/Ancestry

2. FamilySearch

O FamilySearch é um serviço de genealogia totalmente gratuito com mais de 20 anos de existência. O operado pela Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, ele conta com recursos que vão desde o reconhecimento de documentos para extração de dados e digitalização online até o acesso a cópias de arquivos de mais de 100 países.

O site também conta com uma ferramenta poderosa de pesquisa que permite encontrar, sem muito esforço, pessoas que tenham o mesmo sobrenome, de onde vêm e em que ano nasceram. Além de criar uma árvore pessoal, é possível guardar fotos, áudios e imagens da família para compor um projeto.

FamilySearch tem funções totalmente gratuitas — Foto: Divulgação/FamilySearch

3. MyHeritage

Não é por acaso que o MyHeritage é um dos mais famosos criadores de árvore genealógica do mundo. Basta digitar nome e sobrenome para obter uma lista com registros de pessoas com dados em comum e adicionar com um clique. O site conta com uma base de 10,1 bilhões de registros históricos para cruzar dados, garantindo boas chances de conseguir encontrar informações úteis. O serviço também permite construir uma árvore com outras pessoas e o Smart Matching para descobrir árvores genealógicas semelhantes.

A plataforma é gratuita por 14 dias. Após esse período, o usuário deve escolher entre o plano com mensalidade de R$ 24,08 para uma árvore com 2.500 pessoas, o de R$ 37,42 mensais com tamanho ilimitado e busca de árvores, ou o de R$ 60,75 por mês, que dá direito ao banco de dados completo. Vale ressaltar que o serviço passou por um caso de vazamento de informações em 2018, quando foram expostos logins de 92 milhões de usuários, entre eles 3,3 milhões de brasileiros.

MyHeritage tem base de dados com mais de 10 bilhões de registros — Foto: Reprodução/Paulo Alves

4. Geneanet

O Geneanet (https://pt.geneanet.org/) é uma plataforma menor, com aproximadamente 1,25 milhões de árvores criadas e dados de 6 bilhões de pessoas. Seu funcionamento é similar ao das demais, mas existem alguns diferenciais, como a pesquisa de origem de sobrenome e recorrência em diversas partes do mundo, além de uma seção dedicada à busca de dados de ancestrais portugueses.

A maioria das funções é gratuita, mas é possível fazer o upgrade para um plano Premium por US$ 12,5 (R$ 55) a cada três meses para ter acesso a uma ferramenta de busca mais avançada.

Geneanet tem ferramenta de busca de familiares portugueses — Foto: Reprodução/Paulo Alves

5. Arquivo Nacional

O Arquivo Nacional (http://www.arquivonacional.gov.br/br/consulta-ao-acervo/bases-de-dados) oferece dados gratuitos e valiosos para quem precisa criar uma árvore genealógica. Entre as bases de dados disponíveis, a mais útil para esse fim é a que traz os registros de entradas de imigrantes no país que desembarcaram no porto do Rio de Janeiro entre 1875 a 1910. É possível buscar passageiros por características físicas, grau de instrução, profissão, estado civil, entre outras variáveis que facilitam o trabalho de quem tenta encontrar um parente muito distante e que pode ter entrado com um nome diferente.

Base de dados do Arquivo Nacional ajuda a descobrir histórico de familiares estrangeiros — Foto: Reprodução/Paulo Alves

6. Lucidchart

O Lucidchart não oferece bancos de dados nem outras ferramentas voltadas para pesquisa de familiares, mas pode servir para melhorar o visual da árvore genealógica. Focado na criação de mapas mentais e fluxogramas, o serviço traz modelos prontos de árvores para preencher e personalizar. Seu atrativo é a facilidade de uso: é possível mover os elementos na tela sem interferir em setas e outros conectores, além de incluir links, fotos e outras informações relevantes.

O serviço é gratuito e oferece uma modalidade premium com armazenamento em nuvem de 1 GB, histórico de revisões e melhores ilustrações por US$ 11,95 (cerca de R$ 52) mensais.

LucidChart tem diversas ferramentas para enriquecer uma árvore genealógica com design personalizado — Foto: Reprodução/Paulo Alves

Não consegue postar vídeos no Instagram? Veja como resolver no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo