Áudio e vídeo

Por Felipe Vinha, para o TechTudo


As visualizações do YouTube são uma das medidas utilizadas pelo sistema de monetização da plataforma, que recompensa seus usuários, de acordo com o tamanho do canal. Da mesma forma que qualquer pessoa pode assistir aos vídeos publicados, qualquer usuário também pode postar um vídeo no site, desde que tenha uma conta cadastrada. No entanto, ganhar dinheiro com o YouTube nem sempre é tão fácil quanto parece. Veja, a seguir, algumas das principais dúvidas - e suas respostas -sobre como funcionam as visualizações do YouTube e descubra como monetizar a partir da plataforma.

Como colocar vídeo do YouTube nos Stories do Instagram

Como colocar vídeo do YouTube nos Stories do Instagram

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Como é feita a contagem de visualizações do vídeo?

O YouTube contabiliza a visualização de um vídeo assim que ele é aberto por um visitante. Não há tempo mínimo para ficar assistindo. Se alguém abrir seu vídeo, a visualização já é contabilizada, mesmo que a pessoa assista por apenas alguns pouquíssimos segundos e desista. Se ele sair antes do fim, porém, isso contará negativamente contra a retenção do vídeo, que é um índice que calcula por quanto tempo as pessoas assistiram ao conteúdo – e pode impactar no alcance, mais tarde.

A visualização no YouTube é contabilizada assim que o vídeo é executado — Foto: Reprodução/Felipe Vinha A visualização no YouTube é contabilizada assim que o vídeo é executado — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

A visualização no YouTube é contabilizada assim que o vídeo é executado — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

O alcance não é medido apenas com base na retenção, mas ela auxilia o algoritmo do YouTube a entender se o seu conteúdo é relevante ou não. Se a taxa retenção for baixa, a plataforma, de maneira automatizada, pode entender que o vídeo não é relevante e, assim, ele não será mostrado com tanta frequência para outros visitantes.

Como aumentar as visualizações de um vídeo?

Não há uma fórmula mágica para aumentar as visualizações de um vídeo. O principal segredo é a divulgação, seja manual ou por meio do algoritmo do YouTube. Depender do algoritmo, porém, nem sempre é o ideal, já que ele muda constantemente e suas “regras” para divulgar vídeos a outros usuários nem sempre são claras.

Investir em capas e conteúdos interessantes ajudam na visualização no YouTube — Foto: Reprodução/Felipe Vinha Investir em capas e conteúdos interessantes ajudam na visualização no YouTube — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Investir em capas e conteúdos interessantes ajudam na visualização no YouTube — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

O ideal é que seu vídeo não seja tão grande – 10 minutos ou menos – e que cumpra todas as funções de cadastro na hora de enviar o conteúdo. Ou seja, preencha TAGs, coloque uma capa chamativa, use o campo de descrição do vídeo para descrevê-lo de fato, insira telas finais, entre outros elementos interativos. Se as visualizações não subirem, tente novas abordagens em seu conteúdo, sempre dentro das regras do YouTube.

A partir de quantas visualizações o YouTube paga?

O sistema de monetização do YouTube mudou desde o início de 2018. Para começar a ganhar dinheiro com seu canal, é necessário cumprir dois pré-requisitos: o primeiro deles é ter, pelo menos, mil inscritos; em segundo lugar, é preciso ter, pelo menos, 4 mil horas de conteúdo visualizado nos últimos 12 meses. A partir daí, é possível ativar o sistema de pagamentos para o canal.

Seu canal precisa atingir requisitos para ser monetizado no YouTube — Foto: Reprodução/Felipe Vinha Seu canal precisa atingir requisitos para ser monetizado no YouTube — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Seu canal precisa atingir requisitos para ser monetizado no YouTube — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Além disso, se o seu canal e seus vídeos forem de conteúdo infantil, eles não serão monetizados e não renderão dinheiro, conforme determinou o YouTube a partir de janeiro de 2020, em nova mudança estabelecida e pré-comunicada.

Como ganhar dinheiro no YouTube?

Além do sistema de monetização já informado, de acordo com as regras do YouTube, há outras formas de ganhar dinheiro na plataforma. A primeira delas é realizar lives, transmissões ao vivo, em que os usuários podem doar dinheiro em tempo real para quem está transmitindo, para que os comentários fiquem destacados por um tempo determinado, de acordo com o valor.

Exemplo de Super Chat fornecido pelo próprio YouTube — Foto: Divulgação/YouTube Exemplo de Super Chat fornecido pelo próprio YouTube — Foto: Divulgação/YouTube

Exemplo de Super Chat fornecido pelo próprio YouTube — Foto: Divulgação/YouTube

O Super Chat só está disponível, porém, para quem tem o canal já com a monetização ativa. Outro método para ganhar dinheiro com seu canal na plataforma é ativar os Clubes, uma forma que permite ao usuário assinar o canal, ser membro para receber conteúdos exclusivos e benefícios. Para ter acesso aos clubes, porém, é preciso ter, pelo menos, 30 mil inscritos, ter o canal monetizado e mais de 18 anos. Além disso, os Clubes não estão disponíveis para canais de conteúdo infantil.

O que acontece com quem usa bot ou compra visualizações?

A compra e uso de bots para aumentar inscritos ou visualizações no YouTube é terminantemente proibida pela plataforma. Quem usar está sujeito a suspensão e perda do canal e de qualquer monetização que ele já tenha gerado. A prática não é recomendada em nenhum aspecto.

Nunca use nenhum tipo de bot no YouTube, você pode perder o anal — Foto: Reprodução/Felipe Vinha Nunca use nenhum tipo de bot no YouTube, você pode perder o anal — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Nunca use nenhum tipo de bot no YouTube, você pode perder o anal — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Como ver o número de visualizações em tempo real?

Não há uma forma exata e nativa para ver as visualizações em tempo real de vídeos do YouTube – apenas quando são realizadas transmissões ao vivo. A página do YouTube Analytics, acessada pela própria plataforma, concede um número aproximado de “tempo real”, mas o próprio YouTube informa, em sua página de ajuda, que o número é aproximado e pode não corresponder à realidade.

YouTube fornece dados de visualização, mas em tempo real apenas aproximado — Foto: Reprodução/Felipe Vinha YouTube fornece dados de visualização, mas em tempo real apenas aproximado — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

YouTube fornece dados de visualização, mas em tempo real apenas aproximado — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Como resolver quando as visualizações caem ou travam?

Quando as visualizações médias de um vídeo caem, o ideal é repensar o conteúdo. Se as visualizações estão caindo, então seu público está parando de consumir no seu canal e buscando as mesmas informações ou conteúdo similar em outros locais.

Se as visualizações caírem ou travarem no YouTube, tente mudar o conteúdo — Foto: Reprodução/Felipe Vinha Se as visualizações caírem ou travarem no YouTube, tente mudar o conteúdo — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Se as visualizações caírem ou travarem no YouTube, tente mudar o conteúdo — Foto: Reprodução/Felipe Vinha

Já se as visualizações travarem, é provável que seja um bug temporário do YouTube, que deve ser corrigido automaticamente. No entanto, se as visualizações permanecerem travadas por um dia ou mais, entre em contato com o suporte oficial do YouTube, para tentar reestabelecer a contagem normal.

Vale lembrar ainda que há outras formas de ganhar dinheiro com o YouTube, como patrocínios externos, mas as regras não são de responsabilidade da plataforma.

Via YouTube

Não consegue carregar os vídeos do YouTube? Veja como resolver no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo