Battle Royale

Por Thomas Schulze, para o TechTudo


Playerunknown’s Battlegrounds (PUBG) é um jogo Battle Royale disponível para download no PC, Xbox One e PlayStation 4 ( PS4). Desde seu lançamento, em março de 2017, o jogo da PUBG Corp lançou dezenas de skins diferentes, inusitadas e muito desejadas pelos jogadores. Sejam elas raras, disponíveis por tempo limitado ou associadas a polêmicas por ter conotação sexual, o TechTudo listou cinco das skins mais bizarras do jogo.

Fantasia de leão do PUBG causou polêmica pela conotação sexual — Foto: Reprodução/Reddit salmonellakillaa

Quer comprar jogos, consoles e PCs com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Leo Jumpsuit

A skin de Leão deveria ser bem inocente, pois fazia parte dos sets Kansas e Espantalho, inspirados em O Mágico de Oz. Mas o projeto deu errado no patch 4.3 de PUBG: os jogadores que vestiam a Leo Jumpsuit logo notaram um inusitado bug que virou meme, já que enquanto o personagem caía do avião, sua cauda ficava presa entre as pernas e inclinada para a frente, o que gerava uma imagem com conotação sexual. Com a polêmica, quem comprou a skin foi reembolsado e a roupa foi removida do jogo. Apenas a máscara continuou em PUBG e às vezes você ainda pode encontrar jogadores a vestindo.

As skins mais bizarras de PUBG: Leo Jumpsuit — Foto: Divulgação/PUBG Corp

Coringa e Arlequina

Com tantas versões cinematográficas do maior vilão do Batman, a PUBG Corp decidiu fazer skins inspiradas o Coringa e Arlequina de Esquadrão Suicida, com o visual dos atores Jared Leto e Margot Robbie no longa do cinema. A escolha do filme gerou controvérsia na comunidade, que apontou outros filmes como favoritos. Como se não fosse o bastante, as skins, lançadas em novembro de 2018, também foram vendidas por preços muito elevados: a roupa da Arlequina, que inclui um bastão de beisebol, custava U$ 25 (cerca de R$ 107) enquanto o visual do Coringa, sem acessórios, custava U$ 20 (R$ 86).

Skin do Coringa e Arlequina geraram polêmica no PUBG — Foto: Divulgação/PUBG Corp

Skins de streamers

Em uma tentativa de divulgar a marca do jogo pela Internet, a PUBG Corp firmou parcerias com diversos streamers de todo o mundo para criar sets temáticos exclusivos por tempo limitado. Por um mês, criadores de conteúdo famosos como Shroud e DrDisrespect tiveram suas próprias skins no jogo, que podiam ser compradas tanto na Twitch como no Steam por R$ 43,00 cada. O brasileiro Tiago “SkipNh0” Lannes também recebeu sua própria skin, e parte dos lucros das vendas de skins foi repassado aos criadores.

Shroud, influenciador, ganhou sua própria skin no jogo — Foto: Divulgação/PUBG Corp

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Skins festivas de Natal

Com cada vez mais jogos promovendo eventos, skins e mapas temáticos baseados nos grandes feriados do calendário, PUBG lançou um pacote diferente no Natal de 2019. O set Peppermint Presents custava R$ 43 e incluía uma série de itens natalinos, como suéter, biscotinhos de gengibre e acessórios de Papai Noel. Poucas coisas em PUBG são mais bizarras que encontrar um boneco de gengibre em tamanho humano no meio do campo de combate!

As skins mais bizarras de PUBG: skin de Natal 2019 — Foto: Divulgação/PUBG Corp

Máscara de Dragão

Uma das skins mais inusitadas, raras e desejadas do jogo faz parte do set Dragon. Isso aconteceu porque a Máscara de Dragão foi entregue grátis e exclusivamente aos jogadores que compareceram presencialmente ao evento PAI, o PUBG Asia Invitational de 2019, realizado em Macao, na China. Lá foi entregue um código de resgate para a Máscara e Jaqueta do Dragão, itens muito diferentes e chamativos, perfeitos para ostentar no jogo graças a sua tiragem super limitada.

Máscara de dragão exclusiva do Asia Invitational é rara e valorizada pela comunidade — Foto: Divulgação/PUBG Corp

Via PUBG

Quer saber tudo sobre o universo de celulares, jogos, aplicativos e demais eletrônicos? É só dar uma olhada no nosso canal no YouTube:

Mais do TechTudo