Produtividade

Por Rodrigo Fernandes, para o TechTudo


A quarentena do coronavírus, período de reclusão recomendado pelos órgãos de saúde, está deixando adultos e crianças longe de seus afazeres por tempo indeterminado, até que o avanço da Covid-19 seja controlada. Para ocupar o tempo livre durante os dias de pandemia, é possível aproveitar soluções online que vão garantir entretenimento e, em alguns casos, conhecimento. Grandes empresas disponibilizaram cursos grátis, filmes e séries em streaming foram liberados sem custo e museus de vários países estão oferecendo visitas virtuais pelo computador especialmente para a temporada de isolamento.

Entre outras opções de passatempo, estão a possibilidade de fazer exercícios em casa, sem a necessidade de equipamentos de academia, aprender um novo idioma, um instrumento musical e desenvolver receitas de culinária. Para ajudar a passar o tempo durante a quarentena do Covid-19, o TechTudo reuniu dez atividades para fazer em casa usando sites e aplicativos grátis.

Streamings liberaram filmes e séries gratuitos para período de quarentena — Foto: Raissa Delphim/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Veja também: Home office: veja ferramentas para trabalhar em casa no coronavírus

Home office: veja ferramentas para trabalhar em casa no coronavírus

Home office: veja ferramentas para trabalhar em casa no coronavírus

1. Aprender a tocar um instrumento

O site Cifra Club possui uma seção chamada “Aprender” que disponibiliza um vasto catálogo de vídeos grátis com músicos profissionais ensinando amadores a tocar instrumentos musicais. É possível assistir a aulas de violão, guitarra, baixo, bateria, canto, teclado, piano, cavaquinho, sax e até aparelhos menos populares, como ukelele, violino e harpa. Os vídeos explicam, em tutoriais, diversas técnicas e dicas para músicos iniciantes e avançados.

Cifra Club dá aulas de diversos instrumentos — Foto: Reprodução/Cifra Club

2. Ver filmes e séries

Os serviços de streaming são o passatempo preferido de muitas pessoas. Neste período de isolamento, diversas plataformas disponibilizaram seu catálogo completo, ou parte dele, de graça para os usuários que não possuem assinatura. Assim, é possível assistir a filmes e séries famosos sem precisar pagar. Confira, a seguir:

Globoplay

O Globoplay liberou duas categorias de conteúdos para qualquer usuário assistir de graça. A primeira é voltada para crianças, com filmes e séries voltados para o público infantil, como Detetive do Prédio Azul, Sítio do Pica-pau Amarelo e Escola de Gênios, além de filmes de sucesso da Disney, como Mulan, Os Incríveis, Pocahontas, Valente, UP! Altas Aventuras e Ratatouille.

A segunda categoria é voltada para adolescentes, com todas as temporadas do seriado Sandy & Junior e várias temporadas de Malhação, além de séries como Shippados e Millenial Mafia. É possível aproveitar todo o conteúdo grátis do Globoplay até o dia 16 de abril.

Catálogo infantil especial do Globoplay para quarentena do coronavírus — Foto: Reprodução/Globoplay

Amazon Prime Video

O Amazon Prime Video oferece 30 dias de teste grátis para o usuário experimentar a ferramenta. O catálogo inclui filmes recém-saídos do cinema, como as versões live action de Alladin, O Rei Leão e Toy Story 4. Também estão disponíveis séries originais e clássicos do cinema de diversos gêneros para toda a família.

SPCine

A SPCine, empresa de cinema e audiovisual de São Paulo, liberou todo o seu catálogo gratuitamente até o dia 17 de abril. Os usuários podem acessar os filmes de diretores como Hector Babenco, Zé do Caixão e Lúcia Murat pelo do site https://www.spcineplay.com.br/.

Além dessas opções, Netflix, HBO Go, Mubi e Starz Play continuam sendo alternativas de streaming com catálogos extensos de filmes e séries para maratonar. Pelo Google Play Filmes, também é possível alugar ou comprar produções famosas para assistir pelo computador ou celular.

As operadoras de TV por assinatura também liberaram vários canais gratuitamente para os atuais usuários devido à quarentena. Sky, Claro/NET, Vivo e Oi TV disponibilizaram mais de 70 emissoras sem custo para todos os assinantes, como Telecine, SporTV, Discovery, Paramount, Sony, entre tantos outros.

3. Ouvir podcasts

Caso não queira ficar preso à televisão, uma alternativa é ouvir podcasts. Os programas estão fazendo sucesso e atualmente existe uma grande diversidade de assuntos, como política, educação, esportes, tecnologia, ciência, celebridades, humor, entre muitos outros. Os podcasts possuem duração variada, e podem ser escutados em diferentes momentos do dia, em agregadores para computador ou com a liberdade de ouvir pelo celular, em apps para Android e iPhone (iOS), como Spotify, Deezer, Apple Podcasts e Google Podcasts.

Aplicativos oferecem podcasts gratuitos para iPhone e Android — Foto: Rodrigo Fernandes/TechTudo

4. Fazer cursos online

Outra atividade possível para a quarentena do coronavírus é fazer cursos online. A Escola Virtual da Fundação Bradesco (https://www.ev.org.br/Cursos), por exemplo, está oferecendo mais de 80 cursos gratuitos durante o período de isolamento pelo coronavírus, nas áreas de Administração, Desenvolvimento Pessoal, Educação e Pedagogia, Idiomas e Informática, todos com direito a certificado.

A Udemy também está oferecendo dezenas de cursos gratuitos para o período de quarentena, nas áreas de Comunicação, Negócios, Programação, Marketing, Comportamento, Vendas, entre outros. Para encontrar as opções, basta fazer uma busca, abrir os filtros de pesquisa e selecionar a opção “Gratuitos”.

Aprenda com cursos gratuitos do Udemy — Foto: Reprodução/ Mariana Coutinho

No Portal da Fundação Getúlio Vargas (www5.fgv.br/fgvonline/Cursos/Gratuito), mais de 50 opções de cursos estão liberadas para qualquer usuário. São aulas nas áreas de Finanças, Gestão e Projetos. Já o Senai (eadsenaies.com.br) disponibiliza cursos gratuitos nas áreas de Comunicação, Empreendedorismo, Finanças e alguns mais específicos, como Desenho Arquitetônico, Metrologia, Tecnologia da Informação e Noções Básicas de Mecânica Automotiva.

5. Fazer exercícios físicos

Você também pode aproveitar o tempo livre para fazer exercícios físicos em casa, já que o recomendado é não frequentar as aglomerações das academias. Diversos aplicativos grátis oferecem treinos prontos que não precisam de aparelhos para serem realizados, trabalhando grupos musculares específicos e usando objetos comuns para a realização dos movimentos. As séries são exibidas em vídeos explicativos, em que profissionais fazem os movimentos para que o usuário reproduza na prática, onde estiver. Entre as opções, estão o Nike Trainig Club, o 8Fit e o Treino em Casa, todos grátis e disponíveis para Android e iPhone.

A academia de dança FitDance (@fitdance) também está oferecendo aulas de vários ritmos todos os dias, ao vivo, às 19h30, na página oficial do grupo no Instagram. O cantor Lucas Lucco (@lucaslucco) está incentivando seus seguidores da rede social a praticarem o desafio “Quarentena Saudável”, em que devem reproduzir seus treinos exibidos ao vivo durante 40 manhãs de isolamento.

6. Meditar

Meditar pode ser uma atividade relaxante para usuários que desejam controlar a ansiedade de estar em isolamento social. Aplicativos grátis, como Zen e Meditopia, disponíveis para Android e iPhone disponibilizam sessões de meditação com movimentos de respiração, exercícios de relaxamento e músicas tranquilizantes.

7. Experimentar novas receitas

O tempo livre da quarentena pode ser preenchido na cozinha. Os sites Tudo Gostoso e Ana Maria Braga disponibilizam milhares de receitas para reproduzir em casa. Os pratos são explicados em vídeo, reproduzidos do programa Mais Você, da TV Globo, ou por meio de tutoriais em texto, com o detalhamento dos ingredientes e do passo a passo. É possível encontrar receitas doces, salgadas, para entrada, prato principal e sobremesa, além de opções saudáveis, molhos e acompanhamentos.

Alguns chefs também estão oferecendo aulas de culinária ao vivo pelo Instagram, como Rita Lobo (@ritalobo), apresentadora do programa Cozinha Prática, do GNT. Em sua página pessoal, a profissional está ensinando receitas em diferentes horários do dia como forma de entretenimento para pessoas isoladas pelo coronavírus. Pelo celular, também é possível encontrar receitas exibidas no canal GNT pelo aplicativo Nhac, com o passo a passo detalhado para reproduzir em casa.

Tudo Gostoso reúne receitas de vários pratos — Foto: Reprodução/Tudo Gostoso

8. Rever fotos antigas

Que tal aproveitar o tempo para revisitar fotos antigas? O Google Fotos e o iCloud reúnem todos os arquivos registrados na sua conta e que estão armazenados na nuvem, permitindo reviver momentos importantes junto à família. Recentemente, o Google Fotos liberou um recurso que mostra as recordações de anos anteriores no topo da tela, permitindo visualizar as lembranças com mais facilidade.

9. Fazer visitas virtuais a museus

Visita virtual em um museu com o serviço Google Arts and Culture — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Diversos museus disponibilizam tour virtuais pelas suas obras e que podem ser acessadas livremente durante o período de quarentena. Por meio do Google Art and Culture, é possível visitar mais de 500 museus do mundo, incluindo diversas unidades brasileiras, visualizando obras dos mais diversos artistas e períodos da história, com rico detalhamento de informações.

10. Aprender um novo idioma

O Duolingo é um site e aplicativo para celular que oferece pequenas aulas de idiomas estrangeiros de graça e que pode ser útil para passar aprender uma nova língua enquanto se preenche o tempo. Nele, é possível aprender inglês, espanhol, francês, alemão, italiano, entre outras opções, através de lições diárias de aprendizado de vocabulário e gramática que utilizam textos, imagens e sons. O serviço funciona em formato de game, em que o usuário deve avançar de etapas, conquistando objetivos e aprendendo ao mesmo tempo.

Duolingo ensina idiomas no computador e no celular — Foto: Helito Beggiora/TechTudo

Coronavírus: como limpar o celular? Descubra no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo