Entrega e Delivery

Por Clara Fabro, para o TechTudo


Cadastrar restaurante no Rappi é necessário para que o estabelecimento receba pedidos de delivery no aplicativo para Android e iPhone (iOS). O serviço, conhecido por ser uma espécie de "delivery de tudo", pode ser uma alternativa para que donos de pequenos e médios restaurantes, farmácias e mercados mantenham as vendas durante o período de isolamento contra a Covid-19.

Confira, na lista abaixo, como cadastrar restaurante no Rappi Aliado e como cadastrar mercados pelo Rappi Shopper, registrando seu estabelecimento para vender produtos na plataforma. Os apps para restaurantes e mercados estão disponíveis para download na Google Play Store.

Como cadastrar meu restaurante no Rappi? Veja o processo para registrar estabelecimentos — Foto: Clara Fabro/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

1. Como cadastrar restaurante no Rappi?

Para cadastrar restaurantes, farmácias, mercados, lojas de conveniência, pet shops e outros estabelecimentos no Rappi, é necessário efetuar um registro pelo questionário online disponibilizado pela empresa, que pode ser acessado pelo endereço (surveys.rappi.com/inbound).

No questionário, dados como nome da empresa, localização, número de franquias e categoria de alimento precisam ser preenchidos. O Rappi irá responder o formulário enviado, conferindo instruções aos estabelecimentos aceitos, tais como prosseguir com o download dos aplicativos Rappi Aliado ou Rappi Shopper.

Rappi Aliado é a plataforma Rappi para restaurantes — Foto: Reprodução/Clara Fabro

2. Como acompanhar pedidos no Rappi?

O Rappi Aliado é o app de entregas para restaurantes e lanchonetes. Por meio dele, restaurantes descrevem seus pratos do cardápio no menu virtual e podem monitorar suas vendas. Os pedidos feitos por clientes por meio do Rappi podem ser aceitos e atualizados em tempo real, para que eles acompanhem o status pelo app. Quando o pedido for finalizado, é só fornecê-lo ao entregador que efetuará o delivery, e é possível checar todas as informações do motoboy pelo aplicativo.

O Rappi Shopper também faz parte do grupo de serviços de entrega, e é o app indicado para donos de mercados, hortifrútis e estabelecimentos que vendam produtos. O primeiro passo é cadastrar e ativar os produtos na plataforma. Em seguida, o personal shopper da loja em questão é quem faz as compras, separando e organizando os itens, de acordo com o pedido feito pelo cliente no app da Rappi.

Também é possível que o shopper entre em contato com quem fez o pedido caso algum item esteja em falta ou caso seja necessário efetuar a troca de produtos. Em seguida, o shopper escolhe o tipo de envio mais adequado para as compras, que podem variar entre bicicleta, moto ou carro.

Rappi Shopper é o app Rappi para supermercados — Foto: Reprodução/Clara Fabro

3. Qual é a taxa cobrada pelo Rappi de restaurantes?

A taxa inicial cobrada pela Rappi de restaurantes cadastrados é de R$ 40, descontados a partir do primeiro repasse de pagamentos realizado na plataforma. Após a primeira cobrança, o Rappi cobra uma taxa fixa, chamada de Taxa de Pagamento a Crédito, que equivale a 3,5% para cada transação realizada por meio do aplicativo.

4. Quais estabelecimentos são aceitos?

O Rappi se define como um "delivery de tudo", e os estabelecimentos aceitos pela plataforma variam muito. Os mais tradicionais são os restaurantes, os supermercados e as farmácias, mas também é possível cadastrar pet shops, lojas de produtos de beleza, moda, itens para jardinagem e bebidas no aplicativo de entregas.

5. Que produto é permitido vender na plataforma?

Rappi permite grande variedade de produtos para venda na plataforma — Foto: Reprodução/Clara Fabro

As principais áreas de delivery da plataforma são representadas pelos restaurantes, supermercados e farmácias. Mas também é permitido vender produtos diversos, tais como acessórios para casa, itens de moda e beleza como cosméticos, maquiagens e roupas, além de itens de papelaria, jogos, brinquedos, fones de ouvido e cabos USB.

6. Quais são os outros aplicativos de entrega para restaurantes?

Outros aplicativos de delivery que oferecem serviços de entregas para restaurantes são Uber Eats e iFood, por exemplo. Para se cadastrar no Uber Eats, também é necessário preencher um formulário pelo site da plataforma, e as taxas são um pouco diferentes das cobradas pelo Rappi.

Inicialmente, o Uber Eats cobra uma taxa que cobre um kit chamado de "boas-vindas", que inclui uma sessão de fotos profissional para o restaurante e um tablet com o software de restaurantes da plataforma. Além disso, também são cobradas taxas que equivalem a uma porcentagem de cada pedido realizado no restaurante.

Uber Eats também oferece farmácia, pet shop e lojas de conveniência — Foto: Divulgação/Uber

No iFood, existem dois tipos de entregas: a que é realizada pelo entregador parceiro e o delivery oferecido pelo restaurante. Tanto os valores de mensalidade quanto as porcentagens sobre pedidos variam entre as opções.

Com a opção de entrega do restaurante, são cobradas taxas de 12% sobre o valor do pedido e mais 3,5% em pagamentos realizados pela plataforma, além de uma mensalidade no valor de R$ 100. Já para entregas com um entregador parceiro são cobradas taxas de 27% sobre o valor do pedido, além de mensalidade de R$ 130.

iFood é uma opção de delivery para restaurantes — Foto: Marvin Costa/TechTudo

Como cadastrar um código de desconto no iFood

Como cadastrar um código de desconto no iFood

PicPay: quais lojas aceitam o pagamento? Descubra no Fórum do TechTudo.

Mais do TechTudo